Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Sexta, 10 Julho 2020
chatbot-health-tech

No ano que vem, vamos cuidar bem do nosso dinheiro

No ano que vem, vamos cuidar bem do nosso dinheiro

Não é novidade, nove entre dez brasileiros gostariam de cuidar melhor e ter mais dinheiro em 2020. Talvez esse seja um dos desafios nesse mundo contemporâneo. Uma boa gestão financeira virou um desafio hercúleo para muitos em nosso país.

Sem dúvidas que a falta de incentivo à educação financeira tem ajudado na formação de pessoas com baixa inteligência financeira. A boa notícia é que com a inclusão do tema nas grades curriculares, as novas gerações terão muito mais incentivo para serem responsáveis com o dinheiro.

Se você é um dos que precisam melhorar a organização e planejamento financeiro, segue uma sugestão do que fazer:

1. Mantenha um registro de suas decisões financeiras (receitas e despesas). É essencial saber o que acontece com o seu dinheiro antes de encontrar alternativas e estratégias. Uma das frases mais famosas da administração é “quem não mede, não gerencia”. Comece a anotar tudo, para isso você pode usar um caderno, fazer pelo celular ou no computador.

2. Categorize as despesas. Além de separar os gastos em categorias (moradia, alimentação, transporte, lazer e etc), você pode analisar por outros prismas como: gastos fixos e variáveis. Essas “etiquetas” são os primeiros passos para encontrar as despesas que podem ser evitadas, reduzidas e/ou eliminadas do dia-a-dia.

3. Analisar os registros periodicamente. Sem dúvidas que manter o registro dos lançamentos em dia é uma tarefa pouco agradável. Isso reforça a importância que a análise traz para o sucesso. Uma das estratégias que eu gosto é a de analisar os lançamentos semanalmente, assim as informações ainda estão mais recentes e isso facilita na análise sobre a importância/necessidade dos gastos. Além do mais, permite projetar as despesas da semana seguinte e assim manter os gastos equilibrados.

4. Limitar os gastos. Todo orçamento só funciona se indicar o que pode ou não ser feito. Conhecer os seus limites para gastos ajudam muito a manter as contas em dia e, assim, não perder o controle.

5. Se pague primeiro. Antes mesmo de começar os gastos, já separe uma parte do orçamento para investimentos. Assim você só gasta o que sobra e não o inverso. 

Passos simples, não quer dizer que sejam fáceis. Demandam esforço e disciplina, mas nada é impossível de ser realizado. Um ano novo vem aí, para quem quer empreender, cuidar bem do próprio dinheiro pode facilitar muito a gestão do negócio. 

Esse é o jeito baré de empreender.

Veja mais notícias sobre André Torbey.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sábado, 11 Julho 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/

No Internet Connection