MPF solicita que Governo informe sobre tortura de presos em cadeias do AM

MANAUS – O Ministério Público Federal do Amazonas (MPF-AM) expediu recomendação destinada ao Governo do Estado para que seja comunicado ao órgão quando ocorrer casos de agressão, tortura ou qualquer tipo de tratamento considerado “cruel” envolvendo presidiários federais ou indígenas nas cadeias do estado. A recomendação diz que o comunicado deve ser feito no prazo de até 24 horas.No primeiro dia do ano, 57 presos foram assassinados no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), durante rebelião. Foto: Suelen Gonçalves/G1 AM 

Publicidade
Publicidade

Relacionadas:

Mais acessadas:

XTERRA Amazônia mobiliza 800 atletas em Novo Airão, no Amazonas

Localizada às margens do Rio Negro, a cidade de Novo Airão, no interior do Amazonas, recebeu no último sábado...

Leia também

Publicidade