Manaus 30º • Nublado
Domingo, 14 Abril 2024

Hidroponia contribui com aumento significativo de alface no Amazonas

Aumento significativo na produtividade, maior rapidez no ciclo, além de colheitas frequentes e escaláveis, estão entre os benefícios que o agricultor familiar tem ao aderir a hidroponia, seja a céu aberto ou protegida (formato estufa). O uso da tecnologia tem sido fortalecido no Amazonas, por meio das unidades locais (UnLocs) do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado (Idam), principalmente aos agricultores que planejam iniciar na horticultura.

O resultado da utilização hidroponia tem refletido, por exemplo, na produção de alface hidropônica no Estado, cuja produção média anual é de 1,7 tonelada. Desse total, 1,1 tonelada da hortaliça é cultivada na capital amazonense, segundo dados de relatório divulgado pelo Idam.

Hidroponia contribui com o aumento significativo de alface no Amazonas. Foto: Antonio Barros e Divulgação/Idam

A utilização do sistema, além de favorecer a produção de alface hidropônico, também tem sido aplicada no cultivo de rúcula, coentro, cebolinha, hortelã, manjericão, jambu e alguns outros produtos regionais, segundo o diretor-presidente do Idam, Vanderlei Alvino.

"O Idam tem incentivado a hidroponia, por meio de assistência técnica aos produtores rurais. Orientações sobre o sistema podem ser obtidas nas nossas 75 UnLocs e postos avançados pelo estado, assim como também realizamos cursos e visitas técnicas às propriedades, onde profissionais avaliam a viabilidade da instalação do processo", pontuou Alvino.

Hidroponia contribui com o aumento significativo de alface no Amazonas. Foto: Antonio Barros e Divulgação/Idam

Vantagens e funcionamento 

Benefícios econômicos e maior rendimento aos produtores. Esses são alguns dos benefícios que a hidroponia proporciona ao produtor rural, conforme explica o gerente da UnLoc do Idam / Zona Leste de Manaus, Ozenildo Oliveira.

"Entre os benefícios, destacamos o econômico, que é o fluxo constante de renda, a facilidade de manejo e controle de pragas, a redução no uso de defensivos agrícolas e, claro, a preservação de recursos naturais são alguns dos principais benefícios. Sem falar na economia de água, que dependendo do caso, pode chegar a até 90% menos que o cultivo tradicional", 

pontuou.

Sobre o funcionamento do sistema, o gerente também detalhou que, na prática, as raízes hidropônicas recebem uma solução nutritiva balanceada que contém água e todos os nutrientes essenciais ao desenvolvimento da cultura na região. A metodologia apresenta resultados expressivos, tanto no potencial produtivo, quanto de rendimentos para os agricultores familiares.

"A dica é que se utilize materiais reciclados para reduzir custos. É preciso também que o agricultor busque orientações de profissionais experientes em hidroponia e adapte o sistema às suas necessidades e condições. E com o tempo, aí sim pensar e aumentar seu cultivo hidropônico", informou Oliveira. 

Veja mais notícias sobre Inovação e TecnologiaAmazonas.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Domingo, 14 Abril 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/