Manaus 30º • Nublado
Terça, 16 Agosto 2022

Governo Venezuelano anuncia instalação de Constituinte Militar

Governo Venezuelano anuncia instalação de Constituinte Militar
Foto: Reprodução/Agência Brasil
O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, anunciou durante reunião na Academia Militar Bolivariana a ativação de uma Constituiente Militar. Segundo Maduro, a constituiente vai aprofundar a união cívico-militar e a revolução bolivariana. Grupos sociais começaram a se encontrar com os membros da comissão da Constituiente ainda esta semana para dar suas contribuições.
A reunião também tratou da criação de uma nova agenda econômica bolivariana para o país e uma proposta de abastecimento geral de produtos. De acordo com o presidente, "Vamos a institucionalizar um novo modelo econômico, pós-petróleo", afirmou em reunião.
Constituinte
Desde ontem a comissão responsável pela constituiente está se reunindo com diferentes setores da sociedade. As reuniões vão ajudar a comissão a criar a próxima constituiente do país. Entretanto a oposição ao governo rechaçou a proposta de Maduro e afirma que o processo é inconstitucional.
O Secretário da Assembleia Nacional e líder da oposição, José Ignacio Guédez, disse que não é isso que o povo busca. "Enquanto no Palácio de Miraflores, se falava de uma falsa constituinte, o verdadeiro poder original, o povo soberano estavam nas ruas em todos os estados do país, exigindo a restituição do direito de voto, de um calendário eleitoral para o libertação dos presos políticos, a cessação das desqualificações porque um canal humanitária para abrir, para o desarmamento dos grupos paramilitares para o reconhecimento do Parlamento, a fim de que a cessação dessa ditadura ", disse ele.
Segundo o governo venezuelano, a Comissão estava reunido 17 organizações políticias da oposição que não participam da Mesa da Unidade (MUD) em conversações cerca de cinco horas. Para o governo, todos serão convocados a participar da constituinte se quiserem. Entretanto a MUD decidiu ficar de fora e acredita que novas eleições devem ser a medida a ser adotada pelo governo.

Veja mais notícias sobre Internacional.

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Terça, 16 Agosto 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/