Famílias ainda sofrem mesmo com recuo do Rio Mamoré em Guajará-Mirim

Com a diminuição das chuvas na região, o Rio Mamoré tem começado a baixar, mas muitas famílias ainda sofrem com a cheia do rio em Guajará-Mirim (RO). Segundo dados do Serviço Geológico do Brasil, a régua fluviométrica está em 11,58 metros.
Publicidade
Publicidade

Relacionadas:

Mais acessadas:

Nova espécie de peixe única no mundo é descoberta na Amazônia peruana

O IIAP, em coordenação com as autoridades peruanas, implementa medidas de controle para garantir sua conservação efetiva.

Leia também

Publicidade