Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Quinta, 26 Novembro 2020

Termelétricas entram em funcionamento no Amapá neste sábado; Bolsonaro visita o Estado

termoeletrica-amap

A entrada em funcionamento de duas termelétricas no Amapá neste sábado pode pôr fim ao racionamento de energia no estado.

O Governo Federal repassou R$ 21,5 milhões para apoiar o Amapá na locação de geradores e na aquisição de combustível. - Foto: Emiliano Capozoli/Gemini

Os 47 geradores instalados nas usinas termelétricas Santana II e Santa Rita vão gerar 45 megawatts de energia.

As unidades são operadas e os trabalhos estão sendo conduzidos pelas Centrais Elétricas do Norte do Brasil – a Eletronorte.

A carga de energia do Amapá é de 250 megawatts. De acordo com o Ministério de Minas e Energia desde quinta-feira, 86% desta carga média foi restabelecida, cerca de 215 megawatts.

Com a geração das termelétricas, a demanda de energia no Amapá ficará suprida em 100%.

Com isso, a CEA, Companhia de Eletricidade do Amapá, já estuda o fim do rodízio a partir da nova oferta. A informação é da assessoria de comunicação da empresa, responsável pela distribuição de energia no estado.

Segundo o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, o pleno restabelecimento só ocorrerá quando o transformador, levado do município amapaense de Laranjal do Jari para Macapá, for montado. A previsão é que o equipamento entre em funcionamento até a próxima quinta-feira.

Neste sábado (21), o presidente Jair Bolsonaro viaja este sábado ao Amapá. A agenda do presidente no estado ainda não foi divulgada.

Um apagão no dia 3 de novembro deixou 13 dos 16 municípios do Amapá totalmente no escuro. Quatro dias depois, o fornecimento começou a ser retomado parcialmente. A energia passou a ser distribuída em sistema de rodízio.

E essa semana, na terça-feira, um novo apagão atingiu o estado por cerca de cinco horas. As causas dos dois blackouts ainda estão sendo investigadas.


Bolsonaro no Amapá


Após quase 3 semanas de apagão no Amapá, o presidente do Brasil Jair Bolsonaro deve visitar o Amapá neste sábado (21),  na companhia do presidente do Senado, Davi Alcolumbre,  para verem de perto a situação no Amapá. As informações são do Planalto.

A previsão é de que o presidente saia de Brasília às 12h30min. Em Macapá, está prevista uma visita à subestação Santana, seguida de visita a uma segunda estação, Santa Rita, e retorne para Brasília às 18h.

Veja mais notícias sobre AmapáCidadesNotícias.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quinta, 26 Novembro 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/