Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Domingo, 24 Janeiro 2021

Ferrovia Transcontinental fortalecerá economia em Rondônia, diz Gurgacz


Foto: Diego Oliveira/Portal AmazôniaMANAUS – A Ferrovia Transcontinental é uma das apostas do senador Acir Gurgacz (PDT-RO) para o fortalecimento do agronegócio em Rondônia. As discussões realizadas em Brasília sobre a obra são acompanhadas de perto pela bancada do Estado. Em visita de cortesia ao vice-presidente da empresa, Phellipe Daou Júnior, na sede da Rede Amazônica em Manaus, ele ainda comentou sobre a possibilidade de a crise econômica atrapalhar os planos dos parlamentares.“Todos estes assuntos são acompanhados por nós [bancada rondoniense] em seus devidos ministérios para que o nosso estado possa não apenas continuar crescendo, mas crescer ainda mais”, disse ao Portal Amazônia. “Não acredito que haja atrasos na obra da Ferrovia porque é uma obra de interesse nacional e internacional. A China está muito interessada nesta obra”, acrescenta.
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia
Na opinião de Acir, o fortalecimento do agronegócio como a pecuária, produção de grãos e até peixes está interligada a obras de infraestrutura na rodovia BR-364, a reabertura da BR-319 e a construção da Ferrovia Transoceânica. “Com a crise econômica é possível que haja um retardamento na duplicação da BR-364 e no asfaltamento da BR-319as. Mas não acredito que haja atrasos na Ferrovia”, disse.
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia
De acordo com o senador rondoniense, o estudo sobre a construção do modal será concluído em maio. Ele também aposta que a licitação será realizada ainda em 2016. “Existe a possibilidade de realizarmos consórcios entre empresários chineses, peruanos e brasileiros. Esta obra é importante para o Brasil e estratégica para a China na América Latina”, completa.

Veja mais notícias sobre Cidades.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Domingo, 24 Janeiro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/