Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Sexta, 25 Setembro 2020

Amazonas registrou mais de 40 mortes por afogamento até maio deste ano

Amazonas registrou mais de 40 mortes por afogamento até maio deste ano
Nos primeiros cinco meses do ano, a Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) registrou 42 mortes por afogamento. A maioria ocorreu em rios. 95% das vítimas eram homens, com idade entre 35 e 64 anos. Na comparação com o mesmo período do ano passado, o número de mortes reduziu em 14%, mas o Corpo de Bombeiros ressalta que, mesmo assim, os cuidados devem continuar.


Umas das dicas de prevenção é priorizar balneários que tenham salva-vidas. Também é importante observar se há sinalização de segurança no local escolhido e a profundidade dos rios. A ingestão de bebidas alcoólicas deve ser evitada ou moderada pelos banhistas.
Foto:Divulgação/SSP-AM

Mesmo quem sabe nadar não deve mergulhar em locais perigosos.


O cuidado com as crianças deve ser redobrado, seja em rios ou em piscinas. Duas crianças e dois adolescentes estão entre aqueles que perderam a vida até maio deste ano.


Caso alguém presencie um afogamento, o Corpo de Bombeiros recomenda que a pessoa não preste ajuda sozinha, pois pode se tornar mais uma vítima. É importante pedir auxílio de outra pessoa ou de um salva-vidas. Quem tiver noções de primeiros socorros pode iniciar os procedimentos até a chegada de atendimento especializado.




Veja mais notícias sobre Cidades.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sexta, 25 Setembro 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/