Manaus receberá Painel do “Amazônia que Eu Quero” no Auditório do SEBRAE/AM

Nesta quarta-feira (12), o painel do programa “Amazônia que Eu Quero” que tem como tema a “Bioeconomia: soluções inovadoras para a Amazônia”, teve a data definida para o próximo dia 11 de julho, em evento que acontecerá no auditório Dr. Eurípedes Ferreira Lins, na sede do SEBRAE/AM, localizado na Avenida Leonardo Malcher, 924 – Centro de Manaus.

“Estamos muito felizes com parceira com o SEBRAE, eles que já estão com a gente desde a primeira edição do AMQQ e agora voltamos com essa parceria, mais do que nunca o SEBRAE é um condutor de fomento a bioeconomia e empreendedorismo que são os valores principais da Fundação Rede Amazônica.” destacou, Débora Holanda, coordenadora do Amazônia Que Eu Quero.

O painel reunirá especialistas, autoridades e representantes de diversas áreas para discutir a bioeconomia no Amazonas. Marcado para ocorrer no próximo mês, o painel promete ser um espaço de diálogo e troca de conhecimentos sobre as práticas sustentáveis e inovadoras que podem alavancar a economia local, respeitando e preservando a biodiversidade única da região.

“Sempre é uma boa oportunidade de estarmos discutindo e ampliando essa percepção do nosso estado que pretendemos estruturar e de como vai funcionar essas interlocuções para os segmentos proporcionam essa amplitude de mercado, como a bioeconomia, a estruturação de novos modelos de negócios e a inovação que precisamos implementar desse conceito de sustentabilidade.”, destacou Lígia Santos, gerente da área de inovação do SEBRAE/AM.

Entre os temas a serem abordados estão o desenvolvimento de cadeias produtivas sustentáveis, a integração das comunidades locais na bioeconomia, e as políticas públicas necessárias para fomentar um crescimento econômico que esteja em harmonia com a conservação ambiental.

“A expectativa para a nova temporada é muito alta, porque dessa vez nós vamos falar de temas muito importantes que a gente acredita muito no fortalecimento e desenvolvimento econômico e social da Amazônia.” destacou, Débora Holanda, coordenadora do Amazônia Que Eu Quero.

O painel “Amazônia que Eu Quero” será transmitido ao vivo pelo G1 Amazonas e será uma oportunidade para quem deseja entender melhor os caminhos para um desenvolvimento sustentável e se engajar na construção de uma Amazônia próspera e preservada.

Sobre o Amazônia Que Eu Quero’:
Concebido em 2019, o Programa ‘Amazônia Que eu Quero’ é uma iniciativa da Fundação Rede Amazônica e Grupo Rede Amazônica que tem por objetivo promover a educação política por meio da interação entre os principais agentes e setores da sociedade, além do levantamento de informações junto aos gestores públicos e da participação ativa da população, por meio de câmaras temáticas estabelecidas pelo programa, como foi o caso da edição de 2023 que discutiu três eixos centrais Educação, Turismo e Conectividade no contexto Amazônico.

Publicidade
Publicidade

Relacionadas:

Mais acessadas:

Camu-camu é usado para enriquecer farinha de mandioca

Desidratados sob diferentes métodos tecnológicos, os resíduos agroindustriais de frutos de camu-camu, adicionados à farinha de mandioca, incrementaram significativamente os produtos finais.

Leia também

Publicidade