Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Terça, 11 Mai 2021

Posto na reserva Waimiri Atroari é queimado e indígenas devem construir outro em Roraima

O posto de fiscalização Jundiá, na reserva indígena Waimiri Atroari, foi incendiado na tarde desta quarta-feira (13). O fogo foi ateado pelos próprios indígenas que desejam reformar o ponto, segundo o procurador da comunidade, Harlison Araújo.

Ainda de acordo com o procurador, que representa a Associação Comunidade Waimiri Atroari (ACWA), o povo que vive na reserva costuma reconstruir as coisas sem aproveitar as estruturas já existentes. Ele afirma que o comportamento faz parta da cultura dos Waimiri .

Posto em chamas na tarde desta quarta-feira (13) — Foto: Arquivo pessoal

O ponto fica na divisa entre os estados do Amazonas e Roraima, e costuma ser fechado com uma corrente. Em razão da pandemia, as fiscalizações estavam paradas, mas os indígenas já se planejaram para voltar a monitorar quem passa pelo local.

"Fizeram uma limpeza, colocaram fogo e do zero vão construir um novo. Eles vão fazer isto justamente para quando passar o período de pandemia retomar a fiscalização e querem ter um posto novo", explicou Harlison Araújo.

A Polícia Militar chegou a ser acionada por pessoas que transitavam na região e viram a estrutura em chamas. Ninguém ficou ferido. 

Veja mais notícias sobre Roraima.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quarta, 12 Mai 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/