Encontro de Notáveis’ reúne Wilson Périco, Jaime Benchimol e Rebecca Garcia dia 25

MANAUS – A 166ª edição do “Encontro com Notáveis” será realizada dia 25 de fevereiro, a partir da 18h30, no Studio 5, Zona Sul de Manaus. A palestra será ministrada pelos especialistas em economia Jaime Benchimol, Rebecca Garcia e Wilson Périco. Os convidados irão abordar o tema “Crise: Janelas de oportunidades”. O evento é coordenado pela
psicóloga Ana da Luz.O projeto é liderado pelo Centro da Indústria do Estado do Amazonas (Cieam). Os interessados em se inscrever ou obter mais informações sobre o evento deverão entrar em contato pelo telefone (92) 3625-3800 ou pelo e-mail cetrin@cieam.com.br. O investimento no evento custa R$ 85,00. Palestrantes
Jaime Benchimol – Formado em Economia pela na Universidade de Miami, cursou Mestrado em Administração de Empresas (MBA) pela Universidade da Califórnia, Berkeley.
Lecionou Microeconomia e Economia Monetária na Universidade do Amazonas de
1981 a 1989. Iniciou suas atividades profissionais em 1980 como diretor de
Benchimol, Irmão e Cia. Ltda. (Bemol) e Sociedade Fogás Ltda., empresas que
preside atualmente.Rebecca Garcia – Cursou Economia na Boston University. É Superintendente da Suframa e foi
Deputada Federal pelo Amazonas nos períodos de 2007-2010 e 2011-2015; Secretária de Estado, da Secretaria de Governo do Estado do Amazonas nos anos de 2010 e 2011. Wilson Périco – Formado em Tecnologia Eletrônica pela Universidade Mackenzie e Economia pela FifaSul. A partir de 1993, passou a trabalhar em Manaus na empresa Philco. No período de 1996 a 1998 trabalhou na Sanyo da Amazônia, transferindo-se em seguida para a Brastemp. Em 1999, implantou em Manaus a Thomson Multimídia Ltda, que posteriormente passou a se chamar Technicolor Brasil Mídia e Entretenimento Ltda, onde inicialmente ocupou o cargo de diretor industrial e hoje é o vice-presidente de operações da América Latina. É vice-presidente da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (Fieam) e presidente do Centro da Indústria do Estado do Amazonas (Cieam), onde exerce o segundo mandato.
Publicidade
Publicidade

Relacionadas:

Mais acessadas:

Censo Demográfico: quilombolas rondonienses tem idade mediana um ano a mais que população total

Na região norte, o maior índice de envelhecimento dos quilombolas foi apresentado por Mato Grosso (76,93) e os menores foram no Amazonas (23,4) e Amapá (28,96).

Leia também

Publicidade