Contribuintes não exigem ‘CPF na Nota’ e assunto é discutido na CMM

MANAUS – A falta de divulgação somada ao boato espalhado sobre vazamento de informações pessoais foram os problemas apresentados pela Secretaria de Estado da Fazenda do Amazonas (Sefaz-AM) para o baixo número de contribuintes que se cadastraram na “Nota Fiscal Eletrônica”. O assunto foi apresentado durante tribuna popular na Câmara Municipal de Manaus (CMM). Para o coordenador da campanha, o auditor fiscal Augusto Bernardo, é importante que a população amazonense crie o hábito de pedir o CPF na nota fiscal. Ele explica que a ação gera economia para o Estado e resulta em diminuição de sonegadores fiscais.

Publicidade
Publicidade

Relacionadas:

Mais acessadas:

XTERRA Amazônia mobiliza 800 atletas em Novo Airão, no Amazonas

Localizada às margens do Rio Negro, a cidade de Novo Airão, no interior do Amazonas, recebeu no último sábado...

Leia também

Publicidade