Manaus 30º • Nublado
Segunda, 06 Dezembro 2021

Curta-metragem O Gato mostra Manaus do século 19

MANAUS - Prepare-se para conhecer uma Manaus diferente na estreia do curta-metragem de ficção 'O Gato', dirigido por Lucas Simões. A produção, ambientada no final do século XIX e que acompanha as investigações do detetive Fauknertem, tem estreia marcada para abril. Em entrevista ao Portal Amazônia, Simões falou sobre o primeiro projeto audiovisual e destacou a falta de apoio.
O curta-metragem 'O Gato' conta a história de Constantino Gactus (Wilson do Carmo). Um homem de poder que é ameaçado por Faukner (Espírito Santo), um conceituado investigador que, para expor as atividades ilegais de Constantino em Manaus acaba se utilizando da própria família do homem e aliados. De acordo com Simões, a imersão do público será total ainda mais com o trabalho de produção que teve cuidado com cenário e figurino. 
Cena do curta-metragem 'O Gato'. Foto: Reprodução
De acordo com Simões, a inspiração para o roteiro surgiu através de alguns filmes de investigação e suspense. O jovem de 18 anos, achou que o tema poderia render um roteiro. "No início, tive a ideia de produzir um curta que retratasse a Manaus do século 19, uma temática nunca explorada pelos produtores locais. A partir dai, levei a trama para o passado e procurei ambientar cada personagem seguindo as regras da época", revelou. 
As gravações do curta iniciaram na primeira semana de agosto de 2015 e se estenderam até setembro. No começo, o diretor contou com a ajuda de muitas pessoas que foram deixando o projeto, mas ele não se abalou e continuou com o cronograma inicial. Além da equipe, Simões também contou com a ajuda de profissionais conhecidos no cenário cinematográfico de Manaus, como os produtores audiovisuais Bruno Pereira e Iury Antônio. 
No comando
No elenco estão Wilson do Carmo, Jessy Garcia, Filipe Gomes, Espírito Santo e Thiago Alencar. A seleção de atores foi bem acirrada. As audições aconteceram no Cine Teatro Guarany e várias pessoas compareceram para tentar uma vaga na produção. "Essa foi minha primeira experiência como diretor, ou seja, uma emoção diferente, mas escrevi outros roteiros e já até ganhei com um amigo o Festival Um Amazonas de 2014, primeiro lugar nacional com o curta-metragem 'Luiza'", afirmou Simões. 

Apesar do sentimento de dever cumprido, Simões contou ao Portal Amazônia que contou apenas com o apoio da Secretária de Cultura para a liberação de espaços utilizados na gravação e da Associação de Mídias Audiovisuais e Cinema do Amazonas (Amacine). "O dinheiro foi do nosso próprio bolso, de familiares e amigos. Não houve alguém para nos patrocinar financeiramente. Agora é esperar o resultado do nosso trabalho e mostrar para o público", contou o jovem diretor.

A estreia de 'O Gato' deve acontecer em meados de abril deste ano. Para o diretor e roteirista a oportunidade de dirigir o projeto lhe deu experiência para seguir em novos desafios. "Ver a equipe interromper suas vidas no trabalho para se dedicar ao projeto foi realmente muito bom. Essa experiência me trouxe maturidade, percepção e novas amizades e já serve como experiência para um próximo filme que planejo", adiantou.




Veja mais notícias sobre Arte.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Terça, 07 Dezembro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/