David Almeida aguarda comunicado para assumir governo do Amazonas

O presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), David Almeida (PSD), ainda aguarda comunicado oficial do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) para tomar posse ao cargo de governador do Estado do Amazonas. Em nota, o presidente da Assembleia informou que “a Assembleia Legislativa ainda não foi notificada oficialmente”.

“Eu continuo presidente da Assembleia Legislativa e o governador José Melo continua no cargo até que o TRE comunique oficialmente a decisão do TSE”, informou.

Presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), David Almeida (PSD). Foto: Reprodução/Aleam
A ação repentina deve-se a cassação, na última quinta-feira (4), dos mandatos do governador José Melo (PROS) e do vice Henrique Oliveira (SD) pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A eleição suplementar, que elegerá novo governador nos próximos 20 à 40 dias, custará cerca de R$ 17 milhões em decorrência da cassação do governador e do vice pelo TSE.

Melo e Oliveira foram cassados por compras de votos, por 5 votos a favor e 2 contra. Com a decisão, o tribunal manteve a liminar emitida em janeiro do ano passado pelo TRE-AM sobre a cassação de ambos.

O TRE-AM foi comunicado da decisão e já está tomando as primeiras providências para cumprir a decisão do TSE. E a nova eleição poderá ter dois turnos, caso um dos candidatos não alcance mais de 50% dos votos válidos no primeiro turno. Na última sexta-feira (5), Almeida declarou que está a espera da comunicação oficial para que se manifeste institucionalmente.

TRE- AM

Na manhã desta segunda-feira (8), o presidente do TRE-AM, desembargador Yêdo Simões, falou com o  ministro Gilmar Mendes, presidente do TSE, que confirmou o cumprimento imediato da decisão de cassar Melo e seu vice. Para cumprir a decisão, o TRE-AM aguarda uma manifestação formal por escrito de Gilmar Mendes.

Almeida, PSD e o PROS

David Almeida faz parte da base aliada do senador Omar Aziz (PSD) e do governador cassado José Melo (PROS0. Almeida iniciou sua carreira política em 2006, quando foi eleito deputado estadual e, atualmente, está em seu terceiro mandato consecutivo.

O primeiro mandato ele disputou pela Coligação Amazonas Melhor (PTN, PSC, PAN e PTC) e foi eleito com 7.569 votos. Em seu segundo mandato, em 2010, pela Coligação Avança Amazonas (PRB, PP, PMDB, PSC, PRTB, PHS e PMM), Almeida ganhou com 24.479 votos. No mandato atual, conquistado em 2014, pela Coligação (PROS, PSD, PSDB e PSC), o ex-deputado ganhou 24.189 votos.

Em 20 de dezembro de 2016, David Almeida foi eleito presidente da Assembleia com 17 votos. Nesse período, o mesmo já conquistou a liderança do governo junto ao Poder Legislativo, assim como a liderança do PSD e a segunda vice-presidência da casa pelo período de 2015/2016.

Publicidade
Publicidade

Relacionadas:

Mais acessadas:

Portal Amazônia responde: qual a função de uma ‘área de preservação permanente’?

As APP são consideradas um instrumento essencial à política de preservação ambiental.

Leia também

Publicidade