Manaus 30º • Nublado
Terça, 31 Janeiro 2023

Usinas de energia solar abastecem mais de 75% de prédios públicos em Boa Vista

A Fundação Rede Amazônica (FRAM) em parceria com o jornalismo da Rede Amazônica no Amazonas lançou uma matéria especial sobre as fontes de energia renováveis na região norte. A matéria mostra como a energia solar em Boa Vista, por exemplo, beneficia não só os cofres públicos, mas o meio ambiente como um todo. São 7 usinas solares que abastecem mais de 75% dos prédios públicos municipais. "São quase R$2 milhões de economia aos cofres públicos e existem projetos para expandir. Estamos estudando quais são os próximos passos a serem tomados", disse o secretário adjunto de meio ambiente, Alexandre Santos.

Roraima é o único estado do país que não está ligado ao sistema elétrico nacional. Durante muitos anos dependeu da energia concedida pela Venezuela, porém em 2019, o fornecimento foi suspenso, devido a crise no país. Hoje é sustentado por cinco termelétricas movidas a diesel que contribuem para a degradação do meio ambiente. Para buscar alternativas, em Maio de 2019 foi realizado o primeiro leilão de energias renováveis do estado onde cinco empresas venceram com propostas de energia natural.

Desde então, nada evoluiu, porém está em operação a usina "Jaguatirica 2", a primeira termelétrica do estado a produzir energia através do gás natural no interior do Amazonas. O resultado é expressivo - energia menos poluente e potência de 117 megawatts, capaz de atender 70% da demanda energética de Roraima.

Em nota, o governador de Roraima, Antônio Denário disse que duas termelétricas de biomassas estão em fase de construção, porém, sem previsão de entrega.

Para acompanhar a matéria completa, basta acessar o link abaixo:

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Quarta, 01 Fevereiro 2023

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/