Manaus 30º • Nublado
Domingo, 17 Outubro 2021
A

Atalaia do Norte

aniversario-atalaia-do-norte-Foto-NAILSON-TENAZOR-_00095789_0 Imagem: Reprodução/Nailson Tenazor
Imagem: Reprodução/Nailson Tenazor

Os habitantes originais da região que hoje constitui o município de Atalaia do Norte, distante 1.136 quilômetros de Manaus em linha reta, eram os índios mangeronas, ticunas e marubas.

Em 1938 foi criado o distrito de "Remate de Males", subordinado ao município de Benjamin Constant. Foi elevado à categoria de município com a denominação de Atalaia do Norte pela lei estadual nº 96 de 19 de dezembro de 1955.

O município é conhecido por sediar a maior reserva de índios isolados do mundo e pelos hotéis de selva que permitem a vivencia real da Amazônia.

Umas das características marcantes de Atalaia do Norte, é que ao caminhar pela cidade é possível encontrar indígenas com vestimentas e adornos típicos de suas etnias, ou até mesmo porretes, arco e flechas, que representam suas armas.

Devido a distância em relação à capital amazonense, os moradores de Atalaia do Norte utilizam as fronteiras com Peru e Colômbia (através de Tabatinga) como forma de desenvolvimento. É comum habitantes da cidade fazerem compras, viajar ou investir no comércio dos países vizinhos. No caminho inverso, turistas estrangeiros entram no Brasil e seguem até Manaus em viagens de barco que duram até três dias.

A economia do município é baseada principalmente na pesca. O pirarucu manejado é um dos principais produtos comercializadas no município. Outro ponto forte na economia de Atalaia é a exportação madeireira, uma alternativa nos períodos de defeso dos peixes, quando algumas espécies não podem ser capturadas.

Veja mais notícias sobre A.

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Segunda, 18 Outubro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/