Manaus 30º • Nublado
Sexta, 03 Dezembro 2021

Boca do Acre

boca-do-acre-am
Foto: Divulgação

O município de Boca do Acre,  distante 1.561 de Manaus via estrada, eram habitadas pelos índios Capanas e Aripuanãs. 

A origem do nome vem do fato de que a cidade se localiza na foz do rio Acre no rio Purus. A cidade de Boca do Acre nasceu na confluência dos rios Acre e Purus. 

Em 3 de fevereiro de 1878, ancorou nas proximidades da confluência dos rios Acre com rio Purus o navio Anajás, da Companhia de Navegação do Rio Amazonas, sob o comando do piloto Carepa, tendo como chefe da expedição o Comendador João Gabriel de Carvalho e Melo, que já havia adquirido fortuna explorando borracha, vindo explorar também, as terras do município de Boca do Acre. Ele e seus companheiros instalaram-se em diversos pontos do território que hoje constitui o município Boca do Acre. Onde se acha situada a cidade, instalou-se Alexandre de Oliveira Lima, cognominado o Barão de Boca do Acre. Na vila de Floriano Peixoto (ex-Antimari) que foi primitivamente a sede do município, instalaram-se Antônio Escolástico e Firmino Alves dos Santos. 

A economia de Boca do Acre se baseia na pecuária. O município não apresenta significativas indústrias e possui um setor de serviços pouco desenvolvido, característico de subdesenvolvimento. Mesmo sendo município do Amazonas, é altamente dependente da capital do Acre, Rio Branco.

Veja mais notícias sobre Amazônia de A à ZB.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sexta, 03 Dezembro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/