Mazé Mourão

Borbense

Este ano, além de participar do arraial, da visita à Basílica do Santinho, também cumpri com o dever da escolha da Miss Borba.


Foto: Reprodução/Prelazia de Borba
Para início de conversa, sou, com muito orgulho Cidadã Borbense. Título que muito me orgulha. E sempre recebo convite para, nessa época do ano, participar da festa religiosa da princesinha do Rio Madeira. Por sinal, fui convidada pelo secretário de Cultura, Toinho Cidade, para fazer parte do júri e escolher a mais bonita do município. Nessa hora que entra a história que quero contar. Sou prima de duas rainhas de Borba: Labibe Lacouth e Genoveva Mourão Carvalho.

Naquela época, contam os mais velhos, bem mais velhos da ‘Mourãozada’, que não teve para mais ninguém. Foram quase aclamadas e, por muitos e muitos anos, foi difícil encontrar boniteza do quilate das queridas primas. Elas abafavam geral!

Este ano, além de participar do arraial, da visita à Basílica do Santinho, também cumpri com o dever da escolha da Miss Borba. E a vencedora foi uma garota bonita, de 16 anos, simpática, corpo perfeito e com um belo traje típico. Mas, dizem que ainda não nasceu quem desbancará Lalá e Genó. Nós, os Mourão, somos assim mesmo. Pávulos desde criancinha! Até.


Mazé Mourão

Borbense

Este ano, além de participar do arraial, da visita à Basílica do Santinho, também cumpri com o dever da escolha da Miss Borba.

Mazé Mourão

jornalismo@portalamazonia.com


Foto: Reprodução/Prelazia de Borba
Para início de conversa, sou, com muito orgulho Cidadã Borbense. Título que muito me orgulha. E sempre recebo convite para, nessa época do ano, participar da festa religiosa da princesinha do Rio Madeira. Por sinal, fui convidada pelo secretário de Cultura, Toinho Cidade, para fazer parte do júri e escolher a mais bonita do município. Nessa hora que entra a história que quero contar. Sou prima de duas rainhas de Borba: Labibe Lacouth e Genoveva Mourão Carvalho.

Naquela época, contam os mais velhos, bem mais velhos da ‘Mourãozada’, que não teve para mais ninguém. Foram quase aclamadas e, por muitos e muitos anos, foi difícil encontrar boniteza do quilate das queridas primas. Elas abafavam geral!

Este ano, além de participar do arraial, da visita à Basílica do Santinho, também cumpri com o dever da escolha da Miss Borba. E a vencedora foi uma garota bonita, de 16 anos, simpática, corpo perfeito e com um belo traje típico. Mas, dizem que ainda não nasceu quem desbancará Lalá e Genó. Nós, os Mourão, somos assim mesmo. Pávulos desde criancinha! Até.

TAG BorbaAmazonasarticulistaMaze Mourao