Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Quarta, 12 Mai 2021

Aeródromo de Manaus registra segundo acidente em três meses

Por volta das 9h50, desta terça-feira (22), uma aeronave de pequeno porte caiu em um terreno descampado nas proximidades do Aeroclube de Manaus.  
Foto: William Costa/Portal Amazônia
O cuidador Wilson Gomes do Nascimento testemunhou a queda da aeronave. "Eu vi na hora que o piloto fez o retorno, desviou do conjunto e se dirigiu em direção à área descampada para desviar do barranco e quando eu ouvi, foi só a explosão", disse.

Segundo testemunhas havia apenas uma pessoa na aeronave. O mecânico Wilson Silva, presenciou quando uma pessoa deixou a aeronave com ferimentos. "Eu estava passando, e vimos a queda da aeronave, e pouco tempo depois eu vi quando ele estava em frente a uma loja de auto-peças, com a cara cheia de sangue, desnorteado", disse.
Testemunha Wilson Silva | Foto: William Costa/Portal Amazônia
Em coletiva, o major do corpo de bombeiros, Élcio Cavalcante disse que assim que chegaram ao local, se depararam com a aeronave em chamas. "Fomos acionados por testemunhas e minutos depois, ao chegarmos no local iniciamos o processo de combate ao incêndio e rescaldo", disse.

Ainda segundo o major, testemunhas contaram que logo após a queda da aeronave, o piloto saiu com um malote em mão e se dirigiu ao aeroclube. "Até o momento não encontramos mais ninguém entre os escombros, apenas as testemunhas que dizem ter visto um homem rodando próximo ao avião com uma maleta", disse.

A aeronave era modelo Cessna 208B matrícula PTFLW de propriedade da Amazonaves Táxi Aéreo, e segundo nota da Secretaria de Estado de Saúde (Susam), o piloto era Clovis Martiny, de 55 anos, que deu entrada por volta das 10h30 no Hospital 28 de agosto.

Em nota, a Amazonaves Táxi Aéreo informou que o acidente envolveu uma de suas aeronaves Grand Caravan, prefixo PT-FLW, durante voo de traslado do Aeroporto Eduardo Gomes para o Aeroclube de Flores. O único ocupante da aeronave, Cmte. Clóvis Martiny, saiu ileso e passa bem, foi encaminhado ao Pronto Socorro 28 de Agosto para efetuar exames mais detalhados, e posteriormente transferido para o Hospital da Aeronáutica, na Base Aérea de Manaus.

O órgão responsável pela investigação de acidentes aéreos, Serviços Regionais de Investigação e Prevenção de Acidentes (SERIPA), está coletando os dados no local do acidente e novas informações serão dadas oportunamente.

No último dia 22 de fevereiro, um acidente foi registrado no mesmo local e deixou quatro ocupantes mortos.

Confira os relatos:

Avião de pequeno porte cai em Manaus

Foto:Reprodução
Um novo acidente aéreo foi registrado por volta das 9 horas da manhã na manhã desta terça-feira (22) nas proximidades do Aeródromo de Flores, zona Centro-Sul de Manaus. Uma aeronave da Amazonnaves Taxi Aéreo, de prefixo PT-FLW caiu logo após decolagem. De acordo com informações do Corpo de Bombeiros do Amazonas, não há confirmação de vítimas no local.

Equipes do Corpo de Bombeiros já foram deslocadas ao local do acidente. De acordo com reportagem publicada no G1 Amazonas, testemunhas afirmam que o piloto teria conseguido escapar com vida, antes da aeronave pegar fogo.

No último dia 22 de fevereiro, um acidente foi registrado no mesmo local e deixou quatro ocupantes mortos.
Foto:Reprodução/Rede Amazônica
Foto:Reprodução
*Mais informações em instantes