Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Quinta, 13 Mai 2021

Perícia afirma que incêndio no Pantanal mato-grossense foi intencional

A perícia diagnosticou também causas acidentais. Uma máquina agrícola que fazia limpeza de área e juntava o material colhido para fazer feno "pegou fogo e começou o incêndio na região."

Espetáculo 'A Sopa de Pedra' é apresentado para alunos do CEPI em Manaus

Atividade extraclasse é sem dúvida um dos momentos mais marcantes na vida de um estudante. É a oportunidade que se tem em aprender fora da sala de aula.


Possibilitando o aluno de vivenciar na prática, os conceitos aprendidos em sala, o Centro Educação Paraíso Infantil (CEPI), levou algumas de suas turmas ao Teatro acompanhar a apresentação da Peça 'A Sopa de Pedras' do grupo Vemart de Fortaleza.


Segundo a professora do 5º ano, Ester Ferreira, atividades extraclasse faz parte das propostas pedagógicas do CEPI. "Nos estamos na semana da criança, e esse é um dos eventos que estão envolvidos na proposta da escola, pois é importante para o desenvolvimento cultural deles e traz um outros tipos de conhecimentos", disse.


A equipe do Portal Amazônia acompanhou a atividade e mostra um pouco do que aconteceu por lá; confira na galeria de fotos:
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia 
Foto:William Costa/Portal Amazônia 
Foto:William Costa/Portal Amazônia 
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia 
Foto:William Costa/Portal Amazônia 
Foto:William Costa/Portal Amazônia 
Foto:William Costa/Portal Amazônia 


Paraíso
Infantil


Há 37 anos, a escola particular e creche Paraíso Infantil investe na educação em Manaus, com atividades que estimulam a criatividade e desenvolvimento das crianças. A escola está localizada na Avenida Efigênio Salles, n°.54, no bairro Adrianópolis.


Para mais informações: [email protected], (92) 3236-1722 ou (92) 3236-1290, site https://www.paraisoinfantil.com.br/.

Conheça a importância do processo de desincrustação de tubulações

A coloração da água mudou? A pressão de água está baixa? Tem entupimento ou ainda está vindo sujos a partir das tubulações? É, o problema pode ser de incrustação, que aparece, em função das impurezas que água costuma trazer em sua composição.

Confira as causas e orientações de como proceder nesses casos:  
Arte: AVG/Rede Amazônica

Quimitec

Empresa com toda a certificação, e que oferece serviços relacionados aos cuidados com água, entre eles, a cloração. Desenvolve também atividades comprometidas com a preservação do meio ambiente, entre eles, o tratamento ecológico anticorrosivo da água industrial em sistema, sem adição de produtos químicos, de refrigeração de maneira ecológica.

Realiza ainda, limpeza e desinfecção de poço tubular, desincrustação de sistemas de armazenamento e distribuição de água (reservatórios, cisternas e tubulações).

A Quimitec está localizada na Avenida Dom Pedro I, n°.13, no bairro Dom Pedro I, em Manaus. Mais informações podem ser obtidas pelos telefones: (92) 3656-2303, (92) 994620450, (92) 981820450. 

Diversão marca comemoração do Dia dos Pais na Creche Anchieta

Os alunos da Creche Anchieta realizaram uma programação especial em comemoração ao Dia dos Pais. A homenagem foi regada a brincadeiras, homenagens e muita demostração de carinho.

A equipe do Portal Amazônia esteve por lá e te mostra algumas fotos da programação, confira:
Foto: Gustavo Grijó/Rede Amazônica
  
Foto: Gustavo Grijó/Rede Amazônica
  
Foto: Gustavo Grijó/Rede Amazônica
Foto: Gustavo Grijó/Rede Amazônica
  
Foto: Gustavo Grijó/Rede Amazônica
Foto: Gustavo Grijó/Rede Amazônica
Foto: Gustavo Grijó/Rede Amazônica
Foto: Gustavo Grijó/Rede Amazônica
Foto: Gustavo Grijó/Rede Amazônica

A Creche Anchieta fica na Rua 7, número 2 - Conjunto Nova Friburgo (ao lado do Parque do Mindu), em Manaus. Mais informações podem ser obtidas através dos telefones: (92)3347-4107 e 99234-3307, ou ainda acessando o site: www.crechesanchieta.com.

Escola SESI Dr. Francisco Garcia celebra a Copa do Mundo em encerramento do semestre

Nesta terça-feira (26), os alunos do Ensino Fundamental I, de 1.º a 5.º ano da Escola Sesi Dr. Francisco Garcia, em Manaus, apresentaram danças que referenciavam os países participantes da Copa do Mundo de Futebol, em culminância aos trabalhos desenvolvidos neste primeiro semestre de 2018.

Sinthia Cavalcante, gestora do Ensino Fundamental, ressaltou a importância de momentos como esse e agradeceu a colaboração dos pais.

"Nossa instituição tem compromisso com o ensino de qualidade, e no ensino fundamental isso é ainda mais intenso, pois nessa fase os alunos participam de processos diferentes, como olimpíadas de robótica, a canguru, Prova Brasil, dentre outras. E momentos como esse, de parceria, é importante, pois há um envolvimento dos professoras, alunos e dos pais que nos ajudam diariamente", disse.

Nós, do Portal Amazônia acompanhamos esse dia de programação, e mostramos algumas fotos para você. Confira:  
Foto: William Costa/Portal Amazônia
  
Foto: William Costa/Portal Amazônia
  
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
  
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia

Copa do Mundo é tema de celebração na Escola Sesi Dr. Francisco Garcia, em Manaus

E o clima de copa do mundo continua na escola Sesi Dr. Francisco Garcia, em Manaus. Turmas do maternal se apresentaram com danças na manhã desta quinta-feira (21), em culminância aos trabalhos desenvolvidos neste primeiro semestre de 2018.

Maria Acilda Cordeiro Santos, gestora da unidade, ressaltou a importância de momentos como esse.

"Atividades como essa possibilita a integração entre a escola e as famílias. É um momento em que ficamos muito felizes, seja com o lazer e as brincadeiras, e isso também faz parte da educação. E já deixo os meus agradecimentos aos professores e equipe técnica da escola pelo zelo com os ensaios e organização, e agradecemos também aos pais que contribuem participando conosco deste momento", disse.

Nós, do Portal Amazônia estivemos por lá novamente, e mostramos algumas fotos para vocês. Confira: 
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia

Escola Sesi Dr. Francisco Garcia apresenta culminância de trabalhos em Manaus

Com o clima de copa e das festividades de junho, foi realizado na manhã desta sexta-feira (15), a culminância aos trabalhos desenvolvidos no primeiro semestre deste ano, pela Escola do Serviço Social da Indústria (SESI) Dr. Francisco Garcia, em Manaus. Turmas do maternal se apresentaram com danças regionais, entre as quais, quadrilha e frevo.

Segundo a gestora da unidade Maria Acilda Cordeiro Santos, esse é um momento muito importante de integração. "a importância maior é a integração da família com a escola, porque as crianças dessa idade, precisam tanto da educação da escola quanto da educação da família, e essa complementação em festas e momentos agradáveis, em que eles interagem com os pais, professores, e com a escola de modo geral, é fantástico para a educação", disse.

Nós, do Portal Amazônia estivemos por lá, e mostramos algumas fotos para vocês. Confira: 
Foto: William Costa/Portal Amazônia 
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
  
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
    
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
   
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia 
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia 

Conheça as belezas de Rio Preto da Eva, no Amazonas

Mais um fim de semana chegando e você está planejando o quê fazer? Não? Que tal pegar a estrada e descobrir novos lugares?

Emoção marca a festa de Dia das Mães do Centro de Educação Paraíso Infantil

O Centro de Educação Paraíso Infantil (CEPI) em Manaus, realizou nesta sexta-feira (11) uma homenagem especial às mães. A programação foi regada a um saboroso café da manhã, seguido de uma palestra sobre o que é ser mãe, e uma cantata feita pelos próprios alunos. Em muitos momentos a emoção falou mais alto.

Confira as fotos: 
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto: William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Foto:William Costa/Portal Amazônia
Paraíso Infantil

Há 37 anos, a escola particular e creche Paraíso Infantil investe na educação em Manaus, com atividades que estimulam a criatividade e desenvolvimento das crianças. A escola está localizada na Avenida Efigênio Salles, n°.54, no bairro Adrianópolis.

Para mais informações: [email protected], (92) 3236-1722 ou (92) 3236-1290.

Feira cultural transforma escola de Manaus em reino encantado

O Centro Educacional Agnus Dei (CEAD) se transformou em uma floresta encantada nesta sexta-feira (29). A escola celebrou com os alunos mais uma edição do Ceart, feira cultural que tem o objetivo de envolver a literatura infantil em outros projetos multidisciplinares, como por exemplo, arte, matemática e música.

De acordo com a coordenadora do Agnus Dei, Josiléia Saraiva, a feira é promovida há 10 anos. “Ceart é uma feira cultural que realizamos anualmente, onde unimos a família e a escola em um único evento. Acho bonito essa união, principalmente para o desenvolvimento do aluno”, explicou.

Bella, Ariel, Rapunzel, Branca de Neve e príncipe encantado, os personagens mais queridos foram interpretados pelos alunos que dividiam os papéis. “Esse ano, o Ceart tem com tema 'Quem Conta um Conto, Aumenta um Ponto', então cada sala realiza uma performance de uma história infantil. Dessa forma, cada aluno brilha e encanta os pais”, afirmou Josiléia.

Confira o que aconteceu na décima edição do Ceart:
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia  
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia 
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia 
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia 
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia 
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia

Sobre o Agnus Dei

O Centro Educacional Agnus Dei foi criado em fevereiro de 2006 e tem como proposta educacional 'Sabedoria, Respeito e Compromisso em Educação Infantil e no Ensino Fundamental'. A escola oferece desde o berçário ao Ensino Fundamental I, e conta com um programa de estimulação e cardápios personalizados, pela manhã, tarde e alternativo (até às 15h) e integral (até às 17h30).

A escola oferece ainda serviços de pedagogia, pediatra, nutrição, psicopedagogia e enfermagem, aulas de natação, judô, dança e informática são oferecidos às crianças, e uma super colônia de férias no mês de julho e dezembro que acorre todos os anos. A escola está localizada na Avenida Rio Mar, n° 38, no bairro Vieiralves. Mais informações sobre matrículas e calendário escolar podem ser obtidas através dos telefones (92) 3584-5458, (92) 3584-2815 ou (92) 99493-5066.

#FashionDecor debate união de moda e decoração em Manaus

A união entre moda e arquitetura deu certo e, nos últimos anos, tem se transformado e conquistado o público. É com base nessa união que a Dell Anno Manaus realiza no dia 3 de outubro o #FashionDecor, com a participação de Gloria Coelho, Edson Busin e Andrea Bisker.
Gloria Coelho é uma das convidadas do evento em Manaus. Foto: Divulgação/Dell Anno
O objetivo é promover um bate papo sobre como moda, marketing e arquitetura marcam e seguem o comportamento do público consumidor. "Outros eventos de moda vem ocorrendo em Manaus nos últimos anos, mas nossa proposta é diferente. Lançamos a marca Fashion Decor Manaus por entender ser uma oportunidade para outras edições", adianta Márcio Sobiesiak, um dos diretores da Dell Anno Manaus.

E essa união é promovida pela Dell Anno desde 2009, com tops internacionais como Alessandra Ambrósio e Raquel Zimmerman, seguida, a partir de 2011, com grandes nomes da moda nacional como Reinaldo Lourenço e Animale. A top model internacional Izabel Goulart é o rosto da campanha Dell Anno 2017.

Sobiesiak afirma que moda e arquitetura são universos que se completam. "Quando olhamos para a moda, observamos em várias criações o olhar do designer voltado para a arquitetura. Algumas coleções de grifes internacionais como Prada, Issey Miyake, Ungaro e tantas outras, já olharam por este ângulo e levaram para as passarelas esta releitura. A própria estilista Glória Coelho buscou inspiração em uma de suas coleções na arquitetura de Ruy Othake", explica.

"Reinaldo Lourenço fala que 'a moda é a arquitetura do corpo'. Coco Chanel dizia que 'moda é arquitetura: é só uma questão de proporção'. Olhando para este movimento veio nosso questionamento: se a moda tem a capacidade de interagir com a arquitetura e posteriormente nos vestir, por que não fazer o caminho inverso e olhar para a moda no intuito de criar uma maneira de vestir a casa?", questiona o diretor.

Foi a partir dessa questão que nasceu a conexão. "A Dell Anno é a marca do segmento de móveis planejados pioneira em fazer esta interação. Hoje, além de nossos produtos que são essenciais para a construção de um bom mobiliário, temos em linha peças para compor um projeto e que levam além da assinatura do estilista uma forma de conceber os espaços com um olhar de moda. A estratégia é tão assertiva que hoje somos reconhecidos por este trabalho, e posso garantir que a forma do consumidor olhar para nosso produto mudou completamente" assegura.

Desta forma, nada mais natural que trazer os criadores para estreitar o vínculo com o público. "É um processo natural. Poder proporcionar encontros com grandes nomes como os que estão chegando a nossa capital, cria um ponto de conexão entre a marca e o público", comenta Sobiesiak.

Segundo o diretor, o #FashionDecor foi projetado em agosto deste ano para ser de porte médio. "Iniciamos o planejamento pensando em um formato de talk show, onde a estilista Glória Coelho, juntamente com Edson Busin, diretor de marketing e desenvolvimento de produto do grupo Unicasa (Dell Anno), falariam sobre moda, arquitetura e processo criativo. Ampliamos o conceito desta entrega e convidamos a publicitária Andrea Bisker, fundadora da Mindset, empresa comprada em 2013 pela agência inglesa WGSN. Com Andrea teremos um segundo momento, um workshop para falar sobre tendências da cozinha moderna e sobre comportamento de consumo, com uma abordagem sobre inovação, tecnologia e produto", adianta.

Novidades

A Dell Anno apresentou ao mercado o acabamento exclusivo da marca criado por uma das convidadas do evento, Glória Coelho: o Quantum. "Inspirada pela física quântica e pela arquitetura escandinava, Glória Coelho idealizou um madeirado de tonalidade suave e de cor clara, quase uma madeira natural", divulga a Dell Anno.

“O quantum é a menor partícula que tem no universo. Na física quântica, fala-se que a gente tem poderes sobre os subatômicos. Então, você que manda no universo. O que você decide, o universo te dá", descreve a estilista.

Márcio Sobiesiak comenta ainda que o evento tem a intenção de mostrar conteúdo relevante e que gere "movimento de busca por mais conhecimento sobre o assunto". De acordo com ele, serão aborbados os conceitos, que a seu ver, "não são explorados em Manaus, ainda". "Esperamos enquanto marca acrescentar para cada convidado uma nova forma de olhar para a moda, arquitetura e decoração", finaliza.
Foto: Divulgação/Dell Anno
O evento #FashionDecor é organizado pela Dell Anno Manaus, com apoio local da Casa em AÇÃO, e acontecerá no Shopping Ponta Negra às 20h. O talkshow será mediado pela jornalista e apresentadora no Amazon Sat, Mazé Mourão.

Dell Anno

A Dell Anno é uma das mais tradicionais marcas de móveis planejados do Brasil. Com padrões de acabamento e centenas de acessórios e detalhes exclusivos, a Dell Anno tem uma linha completa de móveis para cozinhas, dormitórios, closets, home theaters, home offices, áreas de serviço, banheiros e também para ambientes comerciais. A marca pertence à Unicasa Móveis.

Em Manaus, está localizada na Avenida Mário Ypiranga, n°.1.296, no bairro Nossa Senhora das Graças. Para mais informações: (92) 3236-3576 ou [email protected]

Centro educacional Paraíso Infantil abre edital de concurso de bolsas em Manaus

Foto: Reprodução/Facebook-Paraíso Infantil
O Centro de Educação Paraíso Infantil lançou um edital de concurso de bolsas de estudo, para o ano letivo de 2018, em Manaus (AM). As bolsas são direcionadas a alunos do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental. A novidade este ano, segundo o diretor administrativo Paulo Serejo, é que o concurso também é válido para o público interno da escola.

"É uma forma de oportunizar aos pais driblar a crise para manter o filho na escola. Tivemos a ideia de abrir tanto para o público externo quanto interno por causa disso", informou o diretor.

São oferecidas uma bolsa de 100%, duas de 50% e três de 30% para cada turma, no período vespertino (tarde). Caso não haja abertura de turma para o período, a bolsa poderá ser ofertada no horário matutino (manhã).

Conforme o edital, as bolsas serão concedidas de acordo com o número de acertos obtidos pelo candidato e pela quantidade de vagas disponibilizadas. Para concorrer, o aluno deverá atingir a pontuação mínima obrigatória em provas que terão questões específicas de cada série. Para consquitar a bolsa de 100% é preciso acertar de 35 a 40 questões. Pode haver prova de desempate.

A inscrição, no valor de R$ 50, poderá ser feita pelos pais ou responsáveis legais do estudante até o dia 9 de novembro. O resultado será divulgado no dia 24 de novembro. Para mais informações: (92) 3236-1722, 3236-1290, 3308-4721 ou 98106-3214.

Paraíso Infantil

Há 37 anos, a escola particular e creche Paraíso Infantil investe na educação em Manaus, com atividades que estimulam a criatividade e desenvolvimento das crianças. A escola está localizada na Avenida Efigênio Salles, n°.54, no bairro Adrianópolis. Para mais informações: [email protected], (92) 3236-1722 ou (92) 3236-1290.

Cuidados com coberturas de prédios são de acordo com o tipo, explica especialista

Com duas estações climáticas bem definidas no Amazonas, o inverno e o verão, as coberturas de prédios sofrem tanto com o excesso de exposição ao sol quanto com chuvas. Mas o que pode ser feito para evitar o desgaste acelerado ou danificações em função disso?

"A região de Manaus possui uma intensidade pluviométrica bem característica. Assim, periodicamente é preciso fazer verificações nas condições da cobertura, como telhas, parafusos, madeiramento etc. Se a cobertura for de laje, é preciso verificar basicamente como está sua impermeabilização, se há fissuras ou empoçamentos, entre outros fatores", explica o engenheiro civil de Manaus (AM) na empresa Quartzo Engenharia Diagnóstica & Gerenciamento, Thiago Maron.

Assim, o primeiro passo é entender como funciona a cobertura de acordo com seu tipo, seja telhado ou laje. "As mais tradicionais são a laje impermeabilizada e o telhado propriamente dito, que pode ser de fibrocimento, cerâmico, telha sanduíche etc. Este último modelo está sendo bastante difundido aqui na região, pois é composto de duas telhas, normalmente metálicas, 'recheadas' com um material isolante, normalmente isopor, o que resulta num excelente conforto térmico para o ambiente", exemplifica o engenheiro.

Telhado verde

Alternativa mundialmente difundida é o chamado telhado verde. "Nada mais é do que a instalação de um jardim na cobertura de um prédio. Isto é muito importante para gerar maior conforto térmico, pois as plantas absorvem o calor, e melhorar a permeabilidade do terreno, além de ter um apelo ecológico bem forte", informa Maron.
Foto: Reprodução/Shutterstock 
"Entretanto, este tipo de cobertura precisa de muito mais cuidados que uma cobertura convencional, em especial quanto à sua impermeabilização. O principal problema é o crescimento das raízes, que, se não for controlado, pode danificar a camada impermeabilizante, causando várias infiltrações; assim, a escolha das plantas deve ser feito por um profissional qualificado, bem como sua manutenção precisa ocorrer dentro de níveis aceitáveis", avisa.

Outro fator para o qual Maron chama atenção nessa alternativa é quanto ao peso das plantas escolhidas. É necessário atenção ao acréscimo de peso à estrutura, ainda mais em períodos de chuva quando o solo está encharcado e pode sobrecarregar a estrutura.

Energia solar e eólica

Outra alternativa é o uso da área da cobertura como fonte de energia. "As principais alternativas atualmente são o uso para células fotovoltaicas (energia solar) e aproveitamento do vento (captadores eólicos). Novamente, apesar de trazerem muitos benefícios, tanto ecológicos como econômicos, é preciso que tudo seja muito bem analisado para que não haja sobrecarga na estrutura nem danos à sua impermeabilização", defende Maron.

De acordo com o engenheiro, prédios mais antigos ou que não possuam muito espaço na área do térreo também podem utilizar a cobertura como uma área de lazer, por exemplo, normalmente encontrados em hotéis. "Em todos os casos, e neste último em especial, é obrigatória a análise por um engenheiro civil ou arquiteto, que irá analisar os impactos à edificação e indicar o que pode ou não ser feito", recomenda.

Quartzo Engenharia 

A Quartzo Engenharia Diagnóstica & Gerenciamento foi fundada em 2011 e é filiada ao Instituto Brasileiro de Avaliações e Perícias de Engenharia do Amazonas (IBAPE-AM). Desde então, se especializou em análises e perícias de problemas em edifícios, casas e condomínios. A empresa realiza vistoria e inspeção da saúde e segurança de edificações, além de Assessoria Condominial em Engenharia, um serviço técnico voltado para esclarecer questões de construção e engenharia civil em condomínios. O serviço contempla também a análise de projetos de reforma e a fiscalização periódica de obras.

O escritório está localizado no Edifício Rio Negro Center, na sala nº 508, na Rua 24 de Maio, Centro. Para mais informações: (92) 3346-6818 ou [email protected]  

Impermeabilização em edificações: por que se preocupar?

Algumas vezes as pessoas são surpreendidas com infiltrações em seus apartamentos ou escritórios. O problema, na maioria das vezes, pode ser a impermeabilização mal executada ou que já chegou ao fim de sua vida útil. O engenheiro civil de Manaus (AM) na empresa Quartzo Engenharia Diagnóstica & Gerenciamento, Thiago Maron, afirma que esses problemas são fáceis de achar, mas a resolução pode ser trabalhosa.

Segundo Maron, assim como qualquer outro sistema construtivo de um prédio, é preciso fazer um "check-up" também na sua impermeabilização. "Os principais pontos afetados são os reservatórios superiores, comumente chamados de caixas d'água, e as coberturas, mas não raramente encontramos infiltrações em piscinas e banheiros também. As manchas amareladas e o escorrimento de água são os indícios mais comuns de falhas na impermeabilização, entretanto há meios mais precisos de se detectar", explica o engenheiro.
Foto: Reprodução/Shutterstock
Um dos meios é o uso de uma câmera termográfica, "que basicamente transforma temperatura em imagem", conforme Maron. "Como a água, ao evaporar, diminui a temperatura da superfície onde ela se encontra, este local fica mais 'frio', portanto é detectado facilmente. Isto é fundamental para determinar se uma mancha de infiltração é nova, ou seja, a infiltração persiste, ou antiga, quando a infiltração cessou, pois somente a partir desta identificação é que o reparo pode ser feito", explica o engenheiro.

A importância da impermeabilização em qualquer edificação se dá, principalmente, por dois motivos, continua Maron: "A água é especialmente danosa à estrutura de concreto, pois gera oxidação da sua armadura e 'rouba' certos componentes químicos essenciais para sua durabilidade e resistência como estrutura. Em seguida, a estanqueidade de determinado ambiente é fundamental para que seja habitado, de forma que gere conforto e condições higiênicas ao seu usuário. Assim sendo, problemas em impermeabilizações estão diretamente ligados à redução da vida útil de uma edificação".

Enquanto é relativamente fácil verificar onde está ocorrendo uma infiltração, é significativamente difícil identificar sua origem. Para isso, Maron destaca ser imprescindível o acompanhamento de um profissional especializado em patologia das construções e em impermeabilizações. Isto se torna ainda mais evidente quando há reformas em edificações, em especial nos banheiros.

"No âmbito de reformas, é comum que os banheiros tenham seu revestimento cerâmico trocados, porém não há recomposição da camada impermeabilizante, seja por descuido ou por se tentar obter uma 'economia' na obra. Todavia, isto gera sérios problemas de infiltrações futuras, normalmente sendo necessário remover todo o revestimento recém-concluído para se fazer os ajustes na impermeabilização", avisa o engenheiro.

Thiago Maron faz ainda um alerta: "Rejunte não é impermeabilização. Assim, quando há infiltrações em banheiros principalmente, apenas aplicar um novo rejunte se mostra como uma medida paliativa, não solucionando o problema. Comparativamente, é como se uma pessoa apenas tomasse um analgésico para uma dor de cabeça constante, ao invés de ir ao médico e fazer um exame completo".

Quartzo Engenharia 

A Quartzo Engenharia Diagnóstica & Gerenciamento foi fundada em 2011 e é filiada ao Instituto Brasileiro de Avaliações e Perícias de Engenharia do Amazonas (IBAPE-AM). Desde então, se especializou em análises e perícias de problemas em edifícios, casas e condomínios. A empresa realiza vistoria e inspeção da saúde e segurança de edificações, além de Assessoria Condominial em Engenharia, um serviço técnico voltado para esclarecer questões de construção e engenharia civil em condomínios. O serviço contempla também a análise de projetos de reforma e a fiscalização periódica de obras.

O escritório está localizado no Edifício Rio Negro Center, na sala nº 508, na Rua 24 de Maio, Centro. Para mais informações: (92) 3346-6818 ou [email protected]  

Cirurgias de câncer de próstata devem ser feitas por médicos experientes

No Brasil, de acordo com o Instituto Nacional de Câncer José de Alencar Gomes da Silva (INCA), o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens, depois do do câncer de pele não-melanoma. Estimativa de novos casos, segundo o Instituto, em 2016, era de 61.200.

Com o diagnóstico cada vez maior do Câncer de Próstata (CaP) localizado no Brasil e no mundo, várias formas de tratamento surgem. Em Manaus (AM), o urologista na Urocentro, Cristiano Paiva, explica como funciona um dos tratamentos mais recomendados: a prostatectomia radical.

"Apesar de ainda hoje ser a forma de tratamento mais efetiva para a cura do CaP localizado, a 'PRad' pode alterar de forma significativa a qualidade de vida do paciente se não for realizada por profissional com formação técnica adequada e alto volume cirúrgico anual", alerta.

As complicações de uma cirurgia mal executada são temidas pelos pacientes: a disfunção erétil (impotência sexual) e a incontinência urinária. "Ambas diminuem a auto-estima dos pacientes e seu convívio social mesmo após a comprovada erradicação do câncer. Atualmente as taxas de incontinência urinária variam de 3% a 10% e as de disfunção erétil de 20% a 70%, estando os melhores ou piores resultados diretamente relacionados com a experiência e treinamento do cirurgião responsável pelo procedimento", explica Paiva.

"O ideal é que o cirurgião que atende o paciente tenha treinamento comprovado em Serviço Uro-oncológico de referência de alto volume e realize pelo menos 40 cirurgias radicais por ano, diminuindo assim as taxas de complicações precoces - sangramento, infecção do sitio cirúrgico, necessidade de transfusão sanguínea - e tardias, como a impotência sexual, incontinência urinária, estenose de colo vesical, hérnias e recidiva da doença", informa o médico.

Segundo Paiva, em geral os cirurgiões conseguem esse número de cirurgias ao somar os atendimentos públicos e privados. "O fato de alguns cirurgiões participarem de forma direta no treinamento de residentes das universidades garante um status ainda maior de conhecimento científico e técnico sobre a prostatectomia radical seja qual for a via de acesso utilizada", completa.

Outro fator que contribui para o sucesso da cirurgia é a padronização de das rotinas cirúrgicas, segundo o especialista. "Os procedimentos realizados em hospitais referência com alto volume de cirurgias complexas como cirurgias cardíacas, cirurgias hepatopancreáticas, transplantes e cirurgias oncológicas apresentam menores taxas de complicação devido a padronização das equipes", defende.

Por tanto, o paciente que busca fazer exames ou tratamentos para o câncer de próstata, recomenda Paiva, deve procurar conhecer o histórico do médico. "Antes de fazer a escolha pela via de acesso, é de extrema importância discutir junto com o uro-oncologista, as características específicas do caso clínico como o resultado da biópsia (grau de agressividade do tumor), o valor do PSA, a necessidade de uma retirada ampla de linfonodos, os resultados oncológicos e os resultados funcionais esperados", afirma.

Urocentro

A Urocentro conta com uma equipe de profissionais especializados de Manaus, utilizando modernas técnicas e um novo conceito de atendimento para problemas urinários masculinos, femininos e pediátricos.

A clínica está localizada na Rua Fortaleza, n°.528, no bairro Adrianópolis. Para mais informações: (92) 3213-4515, 3302-6650, 99254-3035, 99255-0753 ou [email protected]

Com hits dos anos 1980, pais são homenageados por escola em Manaus

Foto: Clarissa Bacellar/Portal Amazônia 
Os principais hits musicais dos anos 1980 tomaram conta do palco do Teatro Manauara e do coração de muitos pais neste sábado (12) em Manaus. Com o tema 'Papai nos anos 80', alunos e professoras do Centro Educacional Agnus Dei apresentaram coreografias em uma homenagem ao Dia dos Pais, comemorado neste domingo (13). 

A diretora do centro educacional, Márcia Helena, contou que a escola optou por fazer uma volta no tempo como forma de homenagear os pais. "A escola optou por essa volta aos anos 80 pelos grandes musicais, o auge de grandes bandas, como Paralamas do Sucesso, Titãs. Os alunos vivenciam isso, as professoras também, e foi tudo feito com bastante carinho e dedicação, em prol do homem que é tudo, é o eixo familiar", afirmou. 

Segundo Márcia, as crianças esperam por cada evento com bastante empolgação, porque conseguem viver além do conteúdo pedagógico. "Trabalhamos a figura paterna, os valores e trazemos isso para o contexto musical, para essa festa que emociona", disse.
Foto: Clarissa Bacellar/Portal Amazônia 
Herbert Pollachini não parava de sorrir com o filho Guilherme no colo. "É meu único filho e ele adora. Disse que estava empolgado ensaiando a semana toda para se apresentar e disse que eu iria gostar. É um orgulho isso. Depois que a gente vira pai, tudo muda. Para mim é muito importante participar desses eventos", afirmou.
Foto: Clarissa Bacellar/Portal Amazônia 
Aos 9 anos, Letícia Araújo estava caracterizada com o visual colorido da época e pronta para subir no palco com uma mensagem para o pai. "A gente relembra um pouco como nossos pais viveram. Gostei muito, foi uma descoberta muito boa e adorei o cabelo, as perucas que eles usavam", revelou. "Pai, eu te amo muito", declarou antes de se apresentar.Homenagem também às professoras
Foto: Clarissa Bacellar/Portal Amazônia 
Antes de começar a apresentação dos alunos, a diretora prestou uma homenagem também às professoras da escola. "Vocês são partes integrantes dessa escola, como cada tijolo que sustenta aquela escola. Eu não tenho palavras para agradecer, porque isso só se faz quem carrega muito amor no coração e traz a educação na alma e no sangue. Meu muito obrigada à todas vocês. Pais, obrigada por confiarem no Agnus Dei, que são essas meninas que tomam conta todos os dias dos filhos de vocês", agradeceu.

Confira alguns momentos da homenagem: 
Foto: Clarissa Bacellar/Portal Amazônia
Foto: Clarissa Bacellar/Portal Amazônia
Foto: Clarissa Bacellar/Portal Amazônia
Foto: Clarissa Bacellar/Portal Amazônia
Foto: Clarissa Bacellar/Portal Amazônia
Foto: Clarissa Bacellar/Portal Amazônia
Foto: Clarissa Bacellar/Portal Amazônia
Foto: Clarissa Bacellar/Portal Amazônia
Foto: Clarissa Bacellar/Portal Amazônia

Conheça mudanças da nova versão da norma de qualidade para empresas

Foto: Reprodução/Shutterstock
ISO é a sigla em inglês para Organização Internacional para Padronização. Criada em Genebra (Suíça) em 1947, é uma normatização usada internacionalmente para padronizar diversos campos técnicos e manter a qualidade. A ISO 9001, por exemplo, é um desses sistemas voltados à gestão de qualidade aplicado em empresas e sofreu mudanças recentemente.  

Segundo o auditor na WSA Concultoria, em Manaus, Wesley Ambrozione, para uma empresa receber qualquer certificado da ISO, ela deve garantir a implementação de todos os processos de forma correta e é aí que entra a ISO. "A sua função é a de promover a normatização de produtos e serviços, para que a qualidade dos mesmos seja permanentemente melhorada. A ISO 9001 sofreu mudanças e agora a versão usada é a de 2015 e serve para estabelecer requisitos que auxiliam a melhoria dos processos internos e externos da organização. Ela serve, por exemplo, para melhorar a capacitação dos colaboradores, monitorar o ambiente onde as atividades são executadas, verificar e melhorar a satisfação dos clientes, colaboradores e fornecedores, num processo contínuo de melhoria do sistema de gestão da qualidade", explicou.

O auditor explica também que esta norma faz parte de um designado ISO 9000 e pode ser implementada por organizações de qualquer tamanho e qualquer área de atividade. "Os principais objetivos da Norma são garantir a confiabilidade de produtos e serviços para os clientes da organização, conforme pedidos ou contratos estabelecidos, controlar os riscos inerentes aos processos onde a organização atua, melhorar a credibilidade da organização perante os seus clientes e sociedade", cita Ambrozione.

Segundo o especialista, a norma possui sete Princípios Básicos de Gestão:

1 - Foco no Cliente: Atender as necessidades atuais e futuras do cliente/consumidor, os seus requisitos e procurar exceder as suas expectativas.
2 - Liderança: Estabelecer a unidade de propósito e o rumo da organização, criando e mantendo um ambiente interno, no qual as pessoas possam estar totalmente envolvidas com os objetivos da organização.
3 – Engajamento das Pessoas: Envolver pessoas de todos os níveis para que suas habilidades sejam usadas para o benefício da organização.
4 – Abordagem de Processo: Definir metodologias e sistemas para que o resultado desejado seja alcançado mais eficientemente, gerenciando as atividades como um processo e gerenciando todos os riscos inerentes ao processo.
5 – Melhoria: Definir sistemáticas para que a melhoria contínua do desempenho global da organização seja o objetivo permanente o processo.
6 –Tomada de decisão baseada em evidência: Estabelecer uma base de dados para falar, raciocinar e decidir.
7 – Gestão de relacionamentos: Estabelecer uma relação de benefícios mútuos da organização com seus fornecedores, a fim de aumentar a habilidade de ambos em agregar valor aos processos estabelecidos.

Que empresa deve aplicar as normas?

Wesley Ambrozione afirma que "qualquer tipo ou dimensão de uma organização privada ou governamental, em qualquer ramo de atuação, seja no fornecimento de materiais, produtos, processos administrativos ou operacionais e serviços" deve se adequar às novas. "A adoção das normas ISO é vantajosa para as organizações uma vez que lhes confere maior organização, produtividade e credibilidade, elementos facilmente identificáveis pelos clientes, aumentando a sua competitividade nos mercados nacional e internacional. Os processos organizacionais necessitam ser verificados através de auditorias externas independentes", justificou.

Versão 2015

As normas ISO 9000 já haviam sido revisadas quatro vezes (1987, 1994, 2000, 2008) e na versão 2015 toda estrutura foi alterada. "A ISO 9001 deve espelhar os sete princípios. Nessa versão foi feita a inclusão de duas cláusulas relativas ao contexto da organização: 4.1 Compreender a organização e seu contexto e 4.2 Compreender as necessidades e expectativas das partes interessadas. Juntas, essas cláusulas requerem a organização para determinar os problemas e necessidades que podem ter impacto sobre o planejamento do sistema de gestão da qualidade", informa o especialista.

Outra mudança destacada por Ambrozione é o princípio de gestão da qualidade baseado em 'Melhoria Contínua', que foi alterado para apenas 'Melhoria', "para enfatizar que 'melhoria' deve ser uma filosofia fundamental em uma organização". Nesse campo, a empresa deve atentar à implementação de ações necessárias para atender às exigências dos clientes e melhorar a satisfação dos mesmos; melhorar os processos para evitar não conformidades; melhorar os produtos e serviços para atender às necessidades conhecidas e previstas; melhorar os resultados do sistema de gestão da qualidade

Um requisito da norma que foi eliminado é o de 'Ação preventiva', "uma vez que agora é assumido que todo o sistema será uma ferramenta preventiva".

Mais um ponto de destaque é o de 'Riscos e oportunidades', que devem ser determinados e tratados, "para garantir que o SGQ [Sistema de Gestão de Qualidade] atinja os resultados pretendidos, para prevenir ou reduzir efeitos indesejados e atingir a melhoria contínua".

Além disso, agora, a documentação precisa ser mais objetiva. "Como parte do alinhamento com outras normas de SG uma cláusula comum, 'informações documentadas', foi estabelecida. Quando for o caso, o texto foi alinhado com os requisitos da norma".

Conscientização 

"A cláusula 7.1.5 do conhecimento organizacional aborda a necessidade de determinar e manter o conhecimento adquirido pela organização, incluindo o seu pessoal, para garantir que ele pode alcançar a conformidade de produtos e serviços", destaca Ambrozione. Segundo ele, esta é uma forma de alcançar a padronização interna.  

A nova versão vale desde setembro de 2015, no entanto muitos empresários desconhecem sua importância. "As empresas certificadas na versão de 2008 tem um prazo de três anos, ou seja, até setembro de 2018 para fazerem a atualização dos seus sistemas de gestão e solicitar uma nova certificação pela empresa certificadora", avisou.

WSA Consultoria

A WSA Consultoria é especializada em treinamento de interpretação e formação de auditores In Company ou Externo nos Sistemas de Gestão da Qualidade (ISO 9001), Sistemas de Gestão Ambiental (ISO 14001), Sistemas de Gestão da Segurança e Saúde no Trabalho (OHSAS 18001), Sistemas de Gestão da Qualidade e Segurança de Alimentos (ISO 22000), Sistemas de Gestão da Segurança da Informação (ISO 27001) e Sistemas de Gestão de Laboratórios (ISO 17025).

Os treinamentos podem ser realizados em Manaus, no Amazonas, ou em qualquer região do Brasil. Os treinamentos são teóricos e com acompanhamento prático, presenciais e possuem certificados e apostilas individuais. As empresas podem solicitar treinamentos via e-mail ([email protected]) ou pelos telefones (92) 98240-9227 e (21) 96584-4410. 

Cirurgia robótica é benefício na urologia, afirma especialista

Foto: Divulgação/Cristiano Paiva (site oficial)
Os robôs estão cada vez mais participativos na área de cirurgias em todo o mundo. Facilitadores, os sistemas robóticos ajudam os médicos a trabalharem de forma mais precisa. Em Manaus (AM), o urologista na Urocentro, Cristiano Paiva, informa que um dos sistemas mais modernos já disponível é o 'Da Vinci'.

De acordo com o especialista, o sistema Da Vinci é o único comercialmente disponível que fornece ao cirurgião controle intuitivo, movimentos em escala e manipulação de tecidos delicados. "Tem visualização 3-D dando características de cirurgia aberta permitindo que o cirurgião trabalhe através de pequenas incisões, caracterizando a cirurgia robótica, como minimamente invasivas", descreve o médico.

"O cirurgião manipula os controles mestres situados abaixo com as mãos e pulsos naturalmente posicionados em relação aos seus olhos. O sistema traduz imediatamente os movimentos das mãos, pulsos e dedos do cirurgião, em movimentos precisos e em tempo real para as pinças cirúrgicas", explica Paiva.Cirurgia Robótica

Segundo o médico, nos anos 80 o Departamento de Defesa dos Estados Unidos iniciou um projeto a fim de desenvolver um programa de cirurgia remota para campos de guerra. A ideia foi de substituir médicos por robôs para minimizar as perdas nos conflitos, por isso o nome cirurgia robótica.

Paiva afirma que a cirurgia robótica conseguiu ser adaptada a diversas necessidades e hoje ajuda em inúmeras funções, o que minimiza as 'invasões' nos pacientes. "Os últimos modelos foram construídos com visão 3D, com qualidade HD (1080i) e instrumentais cada vez mais modernos e eficientes. Em um futuro próximo, novas tecnologias estarão sendo incorporadas ao robô, facilitando e aperfeiçoando a cirurgia robótica, o trabalho da equipe cirúrgica e os resultados finais para os pacientes", assegura o médico.

Urocentro

A Urocentro conta com uma equipe de profissionais especializados de Manaus, utilizando modernas técnicas e um novo conceito de atendimento para problemas urinários masculinos, femininos e pediátricos.

A clínica está localizada na Rua Fortaleza, n°.528, no bairro Adrianópolis. Para mais informações: (92) 3213-4515, 3302-6650, 99254-3035, 99255-0753 ou [email protected]

Empresa de Manaus investe em tecnologia para manter qualidade da água

A água é um dos bens mais preciosos para a manutenção da vida no planeta. A Amazônia possui uma vasta fonte, mas até que ponto a água que chega até a torneira é própria para consumo? Visando a manutenção e qualidade da água, principalmente em empresas, escolas e locais de acesso público, a Quimitec Tecnologia Química Ltda. investe em processos tecnológicos que auxiliem nesse âmbito em Manaus (AM).

"Nosso objetivo é ajudar a manter a qualidade da água que as pessoas consomem em Manaus. Temos uma fonte gigante, mas mal utilizada, e que precisa estar de acordo com as normas para não prejudicar a saúde", destaca o químico Ivo Vital. Confira os serviços oferecidos pela empresa:
Sobre a Quimitec

A Quimitec - Tecnologia Química LTDA desenvolve atividades que contribuem para a preservação do meio ambiente através de serviços como o tratamento anticorrosivo da água em sistemas de refrigeração de maneira ecológica.

A empresa ainda realiza outros serviços relacionados ao tratamento da água, como: assessoria e consultoria ambiental, estudos de projetos de efluentes industriais, limpeza e desinfecção de poço tubular e inventário de resíduos industriais.

A Quimitec está localizada na Avenida Dom Pedro I, n°.13, no bairro Dom Pedro I. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (92) 3656-2303.

Sistemas de combate a incêndio em prédios precisam de atenção, informa especialista

Londres (Inglaterra), sofreu um choque quando, em 14 de junho deste ano, um prédio foi tomado por um incêndio. No total, 79 pessoas morreram e tudo começou com curto-circuito em uma geladeira. Um foco de incêndio que poderia ser controlado facilmente acabou tomando proporções descomunais porque o sistema de alarme do prédio, há muito tempo sem manutenção, não funcionou. Este foi o maior incêndio britânico registrado, mesmo após alertas sobre a condição da edificação.

Caso parecido no Brasil aconteceu com o Edifício Joelma, em São Paulo, em 1974, com incêndio causado também por curto-circuito em um aparelho condicionador de ar. Entretanto, nesta época as leis e as normas de sistemas de combate a incêndios ainda eram muito embrionárias e, desde então, evoluíram.
Independente da razão do incêndio, explica o engenheiro civil de Manaus (AM), na empresa Quartzo Engenharia Diagnóstica & Gerenciamento, Thiago Maron, é necessário que haja um sistema de combate a incêndio em toda edificação.

De acordo com Maron, o equipamento necessário varia de imóvel para imóvel. Ele explica que em edificações de baixo risco, como prédios residenciais, o sistema é mais simples, com hidrantes e extintores. Já imóveis com riscos mais altos, como fábricas, exigem sistemas mais complexos.

"Entretanto, toda edificação precisa ter, no mínimo, extintores, iluminação de emergência, placas de sinalização e uma rota de fuga bem feita. O principal objetivo do sistema de combate a incêndio é proteger a vida dos ocupantes de qualquer edificação, facilitando sua fuga em casos de emergência", informa.
Foto: Reprodução/Shutterstock
O engenheiro destaca que o sistema de combate a incêndio deve ser uma preocupação desde a concepção do imóvel, em seu projeto inicial. "É muito mais fácil implementar um sistema de combate a incêndio que foi bem estudado e planejado, construído juntamente com a edificação. Já imaginou ter que instalar um sistema de hidrantes num prédio habitado, por exemplo, como uma escola? Demanda muito esforço, muito dinheiro e atrapalha muitas pessoas", justifica.

Depois de elaborado, o plano deve ser encaminhado para aprovação do Corpo de Bombeiros. Conforme explicação do engenheiro, "atualmente é obrigatória a apresentação do projeto de combate a incêndio para análise pelo Corpo de Bombeiros" e depois de aprovado o sistema pode ser implementado. "Para elaborar os projetos para análise, todo profissional deve ser previamente cadastrado junto ao CBMAM", avisa.

Manutenção

Após a elaboração, implementação e aprovação do sistema de combate a incêndio, muitas pessoas acreditam que as preocupações terminam. No entanto, é preciso lembrar que, como qualquer outro sistema, este deve ser monitorado periodicamente, justamente para evitar o que ocorreu no caso do incêndio em Londres, em que um especialista já havia alertado as autoridades sobre os riscos que o prédio corria desde 2011.

"A recomendação é que o sistema seja verificado por completo pelo menos a cada ano. Alguns equipamentos mecânicos, como a bomba de incêndio, a pressurização da escada de emergência etc., devem ser postos em funcionamento pelo menos todo mês, de forma que funcionem corretamente em caso de emergência", exemplifica Maron.

Vale destacar que toda e qualquer manutenção precisa ser realizada por profissionais qualificados, como engenheiros(as) e arquitetos(as). Segundo o especialista da Quartzo, assim é possível evitar prejuízos tanto aos componentes do sistema como à edificação como um todo. "É imprescindível a emissão de uma Anotação de Responsabilidade Técnica (ART) ou de um Registro de Responsabilidade Técnica (RRT) referente ao serviço", avaliou.

Em Manaus, assegura o engenheiro, a Quartzo Engenharia trabalha com assessoria completa para obtenção do Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB), documento que comprova que o sistema de combate a incêndio está funcionando corretamente.

"Esta assessoria contempla desde uma vistoria da atual situação do sistema, com emissão de Laudo Técnico indicando quais as falhas existentes e o que precisa ser feito para corrigi-las, passa pela elaboração do Projeto de Prevenção e Combate a Incêndio, completamente adequado às normas vigentes atualmente, até a protocolização e o acompanhamento do projeto junto ao CBMAM e, inclusive, o acompanhamento da instalação do sistema de combate a incêndio, dependendo da necessidade do cliente", informa.

Quartzo Engenharia 

A Quartzo Engenharia Diagnóstica & Gerenciamento foi fundada em 2011 e é filiada ao Instituto Brasileiro de Avaliações e Perícias de Engenharia do Amazonas (IBAPE-AM). Desde então, se especializou em análises e perícias de problemas em edifícios, casas e condomínios. A empresa realiza vistoria e inspeção da saúde e segurança de edificações, além de Assessoria Condominial em Engenharia, um serviço técnico voltado para esclarecer questões de construção e engenharia civil em condomínios. O serviço contempla também a análise de projetos de reforma e a fiscalização periódica de obras.

O escritório está localizado no Edifício Rio Negro Center, na sala nº 508, na Rua 24 de Maio, Centro. Para mais informações: (92) 3346-6818 ou [email protected]