Manaus 30º • Nublado
Sexta, 17 Setembro 2021

Brasil e 7 países latino-americanos criticam uso da força na Venezuela

Foto: Divulgação/Agência BrasilO Brasil, em conjunto com a Argentina, Colômbia, Costa Rica, Guatemala, Honduras, México e Paraguai, divulgou comunicado no qual critica "a deterioração da situação interna e o recrudescimento da violência na Venezuela"

Governador José Melo faz reunião com 26 secretários estaduais a portas fechadas

MANAUS - O Governador José Melo fez uma reunião com 26 secretários estaduais nesta sexta-feira (5), em Manaus. O encontro ocorreu um dia após Melo e o vice, Henrique Oliveira, terem os mandatos cassados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A

José Melo segue no cargo de governador do Amazonas até publicação de acórdão

MANAUS - O governador do Amazonas, José Melo (PROS), vai seguir no cargo até que o acórdão com a decisão sobre a cassação dele seja publicado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A informação foi divulgada nesta sexta-feira (5), pelo presidente do

Gastos com nova eleição para governador do AM podem chegar a R$ 17 milhões

MANAUS - Os gastos para realizar uma nova eleição para governador do Amazonas podem chegar a R$ 17 milhões, de acordo com a direção do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM). O pleito, que ainda não tem data marcada, deve ocorrer ainda esse

Cassação de Melo pode gerar total instabilidade ao AM', diz cientista político

MANAUS - A cassação dos mandatos do governador do Amazonas, José Melo, e do vice, Henrique Oliveira, pode causar instabilidade política e econômica ao Estado. A afirmação foi feita pelo cientista político Helso Ribeiro, em entrevista ao Radar 10. Ouç

Políticos do Amazonas se manifestam sobre cassação de José Melo

MANAUS - A decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) de manter a cassação do governador do Amazonas, José Melo, e do vice, Henrique Oliveira, repercutiu entre os políticos no Estado. Entre os políticos que se manifestaram estão o senador Eduardo B

TSE decide manter cassação de Melo; AM pode ter novas eleições

MANAUS - O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu manter a cassação do governador do Amazonas, José Melo (PROS), e do vice dele, Henrique Oliveira (Solidariedade). Os dois foram julgados por compra de votos nas eleições de 2014. O Tribunal também

CMM aprova projeto que institui Programa de Aposentadoria Voluntária Incentivada

MANAUS - O Projeto de Lei que institui o Programa de Aposentadoria Voluntária Incentivada (PAVI) foi aprovado, nesta terça-feira (2), na Câmara Municipal de Manaus. O projeto, oriundo da Mesa Diretora, é destinado a servidores efetivos da Casa Legisl

Ensino para a morte

Foto: Reprodução/ShutterstockVamos escolher qualquer tipo de crime. Assalto a banco, a loja de conveniência, sequestro relâmpago ou não, assassinato a faca, a tiros ou a golpes de caratê, espancamentos, embalados ou não por drogas pesadas, ao som de

Mônica Moura afirma que Dilma sabia dos repasses por meio de caixa dois em campanha de 2014

A reportagem da CBN apurou que mulher do ex-marqueteiro d PT João Santana disse ter conversado pessoalmente com Dilma, no Palácio do Planalto, sobre pagamentos de caixa um e de caixa dois.

Alfredo Nascimento recebeu R$ 200 mil via Caixa Dois para bancar eleição, diz delator

MANAUS - Em delação premiada, o ex-executivo da Odebrecht, João Antônio Pacífico Ferreira, disse que a empreiteira pagou R$ 200 mil, via 'caixa dois', ao então ministro dos transportes, Alfredo Nascimento. O pagamento, segundo o ex-executivo, foi fei

Por que os políticos mentem?

Foto: Reprodução/ShutterstockO leitor não encontrará evidentemente no presente artigo a resposta para o título do mesmo, mas, se alguns políticos o lerem, poderemos ter uma mudança de hábito. O desencontro entre a ética e a política pode ser obs

Projeto pretende regulamentar serviços de transporte como o Uber, em Manaus

MANAUS - Já está na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara Municipal de Manaus (CMM), um projeto de lei que visa a regulamentação do serviço de transporte de passageiros, operado por plataforma digitais, na capital. Segundo o autor do pro

Vanessa e Eron negociaram R$ 1,5 mi em Caixa Dois na eleição de 2012, diz delator

MANAUS - Em delação premiada, Fernando Luiz Ayres da Cunha Santos Reis, ex-executivo da Odebrecht, mencionou o pagamento de R$ 1,5 milhão ao Caixa Dois da campanha da senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB) para a Prefeitura de Manaus, em 2012. Vanessa e

Delatores apontam propina de mais de R$ 80 milhões por usinas no Rio Madeira

Oito dos 76 inquéritos autorizados pelo Supremo Tribunal Federal (STF) para investigar políticos citados nas delações de ex-executivos da Odebrecht estão relacionados ao pagamento de propina em obras das usinas hidrelétricas de Santo Antônio e Jirau,

Prefeito de Manaus Arthur Neto anuncia aposentadoria da política em 2020

MANAUS - O Prefeito Arthur Neto disse nesta quarta-feira (12) que vai se aposentar da política em 2020, quando termina o mandato dele à frente da Prefeitura de Manaus. Ele afirmou que está esgotado e que não vai mais se candidatar a nenhum cargo nas

Arthur Neto pode ser investigado na Lava Jato por citação em delação da Odebrecht

MANAUS - O nome do prefeito Arthur Neto está na lista do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin. No documento estão nomes de pessoas que não possuem foro privilegiado, e que serão investigadas por citação em delação da Odebrecht. De

Políticos da Amazônia Legal estão entre os investigados de Fachin

Um governador, ministros, senadores e deputados federais da Amazônia Legal no âmbito da Operação Lava Jato. De acordo com reportagem publicada nesta terça-feira (11) no jornal "O Estado de São Paulo", o relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federa

Relatório mede transparência do poder público na Amazônia

Desde a criação a Lei de Informações muitas importantes iniciativas de monitoramento da máquina pública foram realizadas. Pesquisadores do Instituto Centro de Vida (ICV), organização que atua na promoção da sustentabilidade do uso da terra e recursos

Estados Unidos pressionam Venezuela a 'reconsiderar' inabilitação de Capriles

Os Estados Unidos (EUA) pressionaram nessa segunda-feira (10) o governo de Nicolás Maduro para que 'reconsidere' a inabilitação de 15 anos para o exercício de cargos públicos, imposta ao líder opositor Henrique Capriles, e para que a Venezuela convoq