Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Sábado, 08 Mai 2021

Mais 90 mil metros cúbicos de oxigênio chegam em Manaus esta semana, em operação da Marinha

Carga foi embarcada pela empresa White Martins em Belém e segue em balsa

Marinha abre processo seletivo para Oficial Temporário

São 32 vagas, para ambos os sexos, com mais de 18 anos e formação em nível superior

Marinha e governo de São Paulo enviam 80 respiradores para Manaus

Desenvolvidos pela USP, equipamentos não dependem de oxigênio líquido

Operação Verde Brasil 2 apreende madeira no Pará

Carregamento foi encontrado por militares durante a madrugada de Natal

Marinha abre inscrição para Processo Seletivo de Praças Temporárias nesta segunda

No período de 3 a 15 de dezembro de 2019 estarão abertas as inscrições de candidatos com nível médio técnico e nível fundamental com Curso de Formação Inicial e Continuada (FIC), com mais de 18 anos – no ano de sua incorporação- para o processo seletivo de Praças da Reserva de 2ª Classe da Marinha (RM2) de ambos os sexos.
Foto:Divulgação/Marinha do Brasil

As 27 vagas disponíveis nas habilitações a seguir, visam ao preenchimento em unidades da Marinha do Brasil, na cidade de Manaus-AM: Saúde (Enfermagem, Higiene Dental, Nutrição e Dietética, Patologia Clínica, Radiologia Médica e Técnico em Farmácia); Industrial (Eletrotécnica, Metalurgia, Motores e Marcenaria); Apoio (Processamento de Dados); e Administrativo (Barbeiro e Motorista).


O Processo Seletivo é constituído de Prova Objetiva de Língua Portuguesa e Conhecimentos Militar-Naval, Prova de Títulos, Verificação de Dados Biográficos, Verificação Documental e Inspeção de Saúde.


O valor da taxa de inscrição é de R$ 46,00, que pode ser realizada via internet, no site do Com9ºDN, www.marinha.mil.br/com9dn.


Mais informações: Serviço de Recrutamento Distrital/ Telefone: (92) 2123-2278.


No AM, principais problemas de barcos são falta de tripulante habilitado e equipamento de socorro

Com o aumento da chegada de barcos no municípios de Parintins (AM), por conta do 54º Festival Folclórico, a Marinha do Brasil tem intensificado as fiscalizações nos rios. Até o momento, a operação para fiscalizar a navegação no Amazonas já notificou cerca de 50 embarcações por conta de irregularidades. 

Concurso da Marinha para o Quadro Técnico de Praças da Armada está com inscrições abertas

A Marinha do Brasil (MB) está com inscrições abertas para o concurso do Quadro Técnico de Praças da Armada (QTPA) com a oferta de 30 vagas. As inscrições podem ser feitas pelo site www.ingressonamarinha.mar.mil.br até o dia 11 de julho.

Público poderá visitar (de graça) os navios da Marinha e Parada Naval neste fim de semana, em Manaus

A Marinha do Brasil, por intermédio do Comando do 9º Distrito Naval (Com9ºDN), realizará visitação pública aos Navios e Parada Naval, neste fim de semana (8 e 9), em comemoração ao 154º Aniversário da Batalha Naval do Riachuelo - Data Magna da Marinha. As exposições serão realizadas em Manaus.

Marinha divulga edital para concurso de nível médio técnico com 90 vagas; confira

A Marinha do Brasil divulgou o concurso do Corpo Auxiliar de Praças (CAP) com a oferta de 90 vagas para aqueles que têm o ensino médio técnico completo em uma das áreas abertas, com inscrições no período de 22 de julho a 16 de agosto. A taxa de inscrição é de R$ 75,00.

Marinha do Brasil abre inscrições para concursos de níveis fundamental e superior

Foram divulgados os editais para dois concursos públicos da Marinha do Brasil (MB): o concurso para Capelão Naval (CAPNAV), com inscrições até 20 de maio, e o concurso para o Colégio Naval (CN), com inscrições até o dia 29 de maio.

Marinha autoriza operação de movimentação de escombros no rio Moju, no Pará

A Marinha do Brasil aprovou, nesta sexta-feira (3), o Plano Técnico apresentado pela  Secretaria de Estado de Transportes  (Setran) para a movimentação dos destroços da ponte Rio Moju e da balsa que colidiu com a estrutura no dia 6 de abril. O projeto cumpre todas as etapas de segurança da área exigidas pela Capitania dos Portos, como o isolamento de cerca de 100 metros da área de navegação, a permanência no local somente dos envolvidos diretamente na operação, a elaboração de plano de contingência para evitar ou atuar em caso vazamento de óleo durante a movimentação dos destroços da balsa, entre outros.

Marinha divulga dois editais de concursos públicos com inscrições já abertas; confira

Foram divulgados os editais para dois concursos públicos da Marinha do Brasil (MB): o Quadro Técnico (QT) e o Quadro Complementar de Oficiais do Corpo da Armada e de Fuzileiros Navais (QC-CA-FN). As inscrições para os dois concursos começaram no dia 26 de março e irão até o dia 12 de abril. Os rendimentos iniciais são a partir de RS 10 mil.

As inscrições podem ser realizadas no site www.ingressonamarinha.mar.mil.br. A taxa de inscrição para o Quadro Técnico (QT) é de R$ 126,00 e para o Quadro Complementar de Oficiais do Corpo da Armada e de Fuzileiros Navais (QC-CA-FN) é de R$ 127,00.

Principais requisitos

Para o Quadro Técnico (QT) poderão se inscrever candidatos de ambos os sexos, brasileiros natos, com menos de 36 anos até o dia 1° de janeiro de 2020, que tenham o ensino superior completo em uma das áreas ofertadas.

Já para o concurso do Quadro Complementar de Oficiais do Corpo da Armada e de Fuzileiros Navais (QC-CA-FN) podem se inscrever somente homens, brasileiros natos. Os interessados devem ter menos de 29 anos até o 1° de janeiro de 2020 e ter o nível superior completo em uma das áreas abertas.

Confira as vagas ofertadas

Para o Quadro Técnico (QT), são 25 vagas distribuídas em: Informática (6), Direito (4), Pedagogia (4), Comunicação Social (2), Estatística (2), Segurança do Tráfego Aquaviário (2), Ciências Biológicas (1), Meteorologia (1), Oceanografia (1), Psicologia (1) e Serviço Social (1).

Já para o Quadro Complementar de Oficiais do Corpo da Armada  estão abertas três vagas, sendo dividida entre as concentrações em Eletrônica, Máquinas e Sistemas de Armas. O número de vagas para Fuzileiros Navais são quatro, sendo divididas entre as áreas de Máquinas, Eletrônica, Educação Física e Sistemas de Armas. No edital, constam as habilitações profissionais de cada concentração da área.

Fases dos concursos

Os candidatos para o Quadro Técnico (QT) farão prova de Conhecimentos Profissionais com 50 questões e a Redação. Os aprovados realizarão os Eventos Complementares, que são constituídos por: Verificação de Dados Biográficos, Inspeção de Saúde, Teste de Aptidão Física (corrida e natação), Prova de Títulos, Avaliação Psicológica e Verificação de Documentos.

Para o concurso do Quadro Complementar de Oficiais do Corpo da Armada e de Fuzileiros Navais (QC-CA-FN), os candidatos realizarão prova com 40 questões de Conhecimentos Profissionais, 10 questões de Inglês e a Redação. Os aprovados serão convocados para realizar os Eventos Complementares: Verificação de Dados Biográficos, Inspeção de Saúde, Teste de Aptidão Física (corrida e natação), Prova de Títulos, Avaliação Psicológica e Verificação de Documentos.

Após a aprovação em todas as etapas, os candidatos farão o Curso de Formação de Oficiais (CFO) e ao final ocuparão os postos de Segundo Tenente (QCCA/FN) e Primeiro Tenente (QT), com rendimentos iniciais de R$10.111 e R$11.130, respectivamente, já contando com adicionais.

Serviço

Concurso Público de nível superior para o Quadro Técnico (QT) e Quadro Complementar do Corpo da Armada e de Fuzileiros Navais (QC-CA-FN)

Inscrição: 26/03/2019 a 12/04/2019

Informação ao candidato: www.ingressonamarinha.mar.mil.br

Marinha abre 960 vagas para o Curso de Formação de Soldados Fuzileiros Navais

A Marinha do Brasil vai iniciar, nesta quarta-feira (27), as inscrições para o Concurso de Admissão às turmas I e II de 2020, do Curso de Formação de Soldados Fuzileiros Navais. As inscrições para as 960 vagas estarão abertas até o dia 28 de março e poderão ser realizadas pelo site www.marinha.mil.br/cgcfn ou presencialmente, nos endereços listados no edital.

Entre os principais requisitos para inscrição estão: ser brasileiro do sexo masculino, com idade de no mínimo 18 e no máximo 21 anos em 1º de janeiro de 2020, e ter o ensino médio completo.
 
Foto: Divulgação/Marinha
No momento da inscrição, o candidato poderá optar para concorrer às vagas dos seguintes locais para servir inicialmente: Unidades da Marinha no Rio de Janeiro - RJ, Unidades da Marinha em Brasília - DF, Grupamento de Fuzileiros Navais de Rio Grande - RS, 1º Batalhão de Operações Ribeirinhas em Manaus - AM, 2º Batalhão de Operações Ribeirinhas em Belém - PA, Grupamento de Fuzileiros Navais de Ladário - MS, Grupamento de Fuzileiros Navais de Natal - RN, Grupamento de Fuzileiros Navais de Salvador - BA e Batalhão de Defesa NBQR de Aramar - SP (a distribuição das vagas ocorrerá de acordo com as necessidades da Administração Naval).

O curso de formação terá a duração de 17 semanas e será realizado em órgãos de formação do Corpo de Fuzileiros Navais no Rio de Janeiro e em Brasília, em regime de internato e dedicação exclusiva até o dia da formatura.

A primeira etapa do processo seletivo consiste em exame de escolaridade, com provas de Português e Matemática, a ser realizado no dia 28 de maio deste ano. Os aprovados na etapa inicial passarão ainda por verificação de dados biográficos e de documentos, teste psicológico, inspeção de saúde e teste de suficiência física.

Durante o curso, além de serem proporcionados alimentação, uniforme e assistência médico-odontológica, o Recruta Fuzileiro Naval perceberá remuneração atinente à sua graduação, como ajuda de custo para suas despesas pessoais.
 

Navio hospitalar da Marinha partirá de Manaus para atender ribeirinhos no Acre e Amazonas

O Navio de Assistência Hospitalar (NAsH) 'Doutor Montenegro', da Marinha do Brasil, partirá de Manaus nesta terça-feira (8), às 10h, do Cais da Estação Naval do Rio Negro, com destino ao município de Cruzeiro do Sul, no Acre, para iniciar a 19ª edição da 'Operação Acre'.

Rio Branco comemora 136 anos de criação; conheça 10 curiosidades sobre a capital

Durante quatro meses, o navio percorre comunidades ribeirinhas localizadas nos estados do Acre e Amazonas oferecendo consultas médicas e odontológicas; exames clínicos e laboratoriais; cirurgias de pequeno porte; pré-natal; exames de mamografia e raio-x; palestras educativas; distribuição de medicamentos; e atenção farmacêutica.
 
Foto: Divulgação/Marinha do Brasil

Exposição, visitas a navios e provas no Rio Negro celebram o Dia do Marinheiro

O Dia do Marinheiro será celebrado com uma diversificada programação durante o mês de dezembro, em Manaus (AM). O Comando do 9º Distrito Naval (Com9ºDN) vai realizar visitas a navios, provas tradicionais no Rio Negro, além de uma exposição gratuita.

Foto: Divulgação/Marinha do Brasil
A população da capital amazonense vai poder conhecer o cotidiano da vida marinheira por meio de visitação pública ao Navio de Assistência Hospitalar (NAsH) 'Doutor Montenegro' e ao Navio-Patrulha Fluvial (NPaFlu) 'Roraima'. As embarcações estarão atracadas no Cais do Rodway, Centro de Manaus, nos dias 8 e 9 (sábado e domingo), das 9h às 17h.

No domingo (9), a partir das 7h, o Com9ºDN apoia a realização das provas do Rio Negro Challenge, com a sua prova de maior destaque: a Travessia Almirante Tamandaré. A prova terá o percurso de 8,5 km, reunindo nadadores locais e nacionais, na Praia da Ponta Negra, zona oeste da capital. No mesmo dia, das 7h às 12h, acontece a Exposição Estática de Aeronave do 3º Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral, no calçadão da Praia de Ponta Negra.

Em continuidade aos eventos programados, também será realizada a Exposição do Dia do Marinheiro, que estará aberta no domingo (9), de 12h às 22h, e na segunda e terça-feira (10 e 11), de 10h às 22h, no Shopping Ponta Negra, localizado na Avenida Coronel Teixeira, 5.705. No dia 11, às 19h30, a Banda de Música dos Fuzileiros Navais do Com9ºDN apresentará um repertório variado composto por músicas militares e MPB, na praça da alimentação do centro de compras.

Para encerrar a programação da Semana da Marinha, no dia 13 de dezembro, às 16h50, acontecerá a Cerimônia Militar alusiva ao Dia do Marinheiro e a Imposição da Medalha Mérito Tamandaré, na sede do Com9ºDN, localizado na Rua Bernardo Ramos, s/nº, Ilha de São Vicente, no Centro de Manaus (AM), mediante convite.

Saiba como surgiu o Dia do Marinheiro

O Dia do Marinheiro surgiu em homenagem a Joaquim Marques Lisboa, o Almirante Tamandaré, que nasceu, em 13 de dezembro de 1807, na cidade de Rio Grande, no Estado do Rio Grande do Sul. O Almirante Tamandaré é considerado herói militar e patrono da Marinha do Brasil devido a sua bravura nos combates da Guerra do Paraguai e por todo o seu serviço prestado em defesa da Pátria.

"As qualidades do Almirante Tamandaré, comprovadas por suas ações bem-sucedidas, são exemplos, não somente para os bons marinheiros, mas para os brasileiros de todos os tempos; relembrá-las é um exercício de patriotismo e inspiração", informou a Marinha do Brasil, por meio do Com9ºDN.

Marinha abre seletivo com 25 vagas em Manaus; salários de até R$ 3,6 mil

A Marinha do Brasil abre, nesta terça-feira (27), inscrições para o processo seletivo do Serviço Militar Voluntário (SMV) para Praças temporárias com oferta de 25 vagas para a cidade de Manaus (AM).

As oportunidades estão distribuídas pelos níveis fundamental (cursos correspondentes à educação profissional de Formação Inicial e Continuada de trabalhadores) e médio/técnico, com remuneração em torno de R$2.600 e R$ 3.600,00, respectivamente, já contando com adicionais.

As 25 vagas disponíveis são destinadas para ambos os sexos, com mais de 18 anos, no ano de sua incorporação, com vagas nas seguintes áreas: Saúde (Enfermagem, Higiene Dental, Radiologia Médica e Técnico em Farmácia); Industrial (Eletrônica, Mecânica, Metalurgia, Motores e Marcenaria); e de Apoio (Ciências Contábeis e Processamento de Dados).

As inscrições irão até o dia 11 de dezembro de 2018 e a taxa de inscrição é de R$ 75,00.

As Praças que ingressam na Marinha pelo Serviço Militar Voluntário fazem parte da 2° Classe de Reserva da Marinha (RM2) e recebem remuneração atinente à sua graduação, seja Marinheiro Especializado (ensino fundamental) ou Cabo (médio/técnico), além terem acesso a diversos benefícios, como alimentação, ajuda para aquisição de uniformes, assistência médico-hospitalar, religiosa, psicológica, entre outros.

Depois de concluir com êxito todas as etapas do processo seletivo e ter sido aprovado no curso de formação, ocorrerá um vínculo entre o novo militar e a Marinha, renovado de ano em ano podendo chegar a oito anos. Esta situação não permite que este militar consiga adquirir a estabilidade.

As fases do processo seletivo para o SMV-Praças

Os candidatos realizarão prova objetiva de Português e de Formação Militar Naval, sendo 25 questões para cada. A bibliografia estará indicada no Aviso de Convocação.

Após isso, haverá os seguintes Eventos Complementares: Verificação de Dados Biográficos (VDB); Verificação Documental (VD); Inspeção de Saúde (IS); Prova de Títulos e Teste de Aptidão Física (TAF). Este último é composto por duas provas: uma de natação para a distância de 25 metros para o tempo máximo de 50 segundos para os homens e de um minuto para as mulheres. A outra prova será uma corrida, com percurso de 2.400 metros a ser efetuado em 16 minutos pelos homens e 17 minutos para as mulheres.

Edital Completo

Inscrições


Hoje é celebrado o dia da Amazônia Azul; entenda

Há quem diga que o futuro da humanidade dependerá das riquezas do mar. Nesse sentido, torna-se inexorável o destino brasileiro de praticar sua mentalidade marítima para que o mar brasileiro seja protegido da degradação ambiental e de interesses alheios.

Na tentativa de voltar os olhos do Brasil para o mar sob sua jurisdição, por ser fonte infindável de recursos, pelos seus incalculáveis bens naturais e pela sua biodiversidade, a Marinha do Brasil criou o termo "Amazônia Azul", para, em analogia com os recursos daquela vasta região terrestre, representar sua equivalência com a área marítima.

Mas como é delineada essa Amazônia Azul?

A Convenção das Nações Unidas sobre o Direito do Mar (CNUDM) tem origem em sua 3ª Conferência, encerrada em 10 de dezembro de 1982, em Montego Bay, na Jamaica. O Brasil assinou a convenção naquela mesma data, juntamente com outros 118 países, mas só a ratificou em 1993; a CNUDM só entrou em vigor em 16 de novembro de 1994. 
Foto: Divulgação/Marinha 

Nela foram definidos os espaços marítimos: o Mar Territorial, que não deve ultrapassar o limite de 12 milhas náuticas (MN); a Zona Contígua, adjacente ao mar territorial, cujo limite máximo é de 24 MN e é medida a partir das linhas de base do mar territorial; a Zona Econômica Exclusiva (ZEE), medida a partir das linhas de base do mar territorial e que não deve exceder a distância de 200 MN; e a Plataforma Continental, que compreende o solo e o subsolo das áreas submarinas, além do mar territorial, podendo estender-se além das 200 milhas até o bordo exterior da margem continental. A distância máxima está limitada a 350 milhas, a contar da linha de base a partir da qual se mede a largura do mar territorial.

Foram definidos ainda conceitos complementares, como as Águas Interiores: situadas no interior das linhas de base do mar territorial e que fazem parte das águas interiores de um país. Como exemplo, as águas do Rio Amazonas, do São Francisco e da Lagoa dos Patos; as Águas Arquipelágicas, circunjacentes aos arquipélagos como os de Martim Vaz e Trindade, Fernando de Noronha e o Atol das Rocas; Alto Mar, como se configuram as partes não incluídas na zona econômica exclusiva, no mar territorial ou nas águas interiores, nem nas águas arquipelágicas de um Estado.

Regime das Ilhas: o Mar Territorial, a Zona Contígua, a Zona Econômica Exclusiva e a Plataforma Continental de uma ilha são determinados de acordo com a convenção citada. Os rochedos, porém, não se prestam à habitação humana ou à vida econômica, não tendo zona econômica exclusiva ou plataforma continental.

Assim, no final dos anos 1990, o Brasil adotou providências em relação aos rochedos São Pedro e São Paulo, situados a cerca de 520 MN do Estado do Rio Grande do Norte: mudou-lhes o nome de “rochedos” para “arquipélago”; construiu e instalou lá um farol, para substituir o que fora destruído por um sismo, em 1930, e construiu uma estação científica permanentemente guarnecida por um pequeno grupo de pesquisadores. 
Foto: Dtenella Longirostris/WWF
O Alto-Mar, segundo os acordos internacionais, é franqueado a todos os Estados, sejam eles costeiros ou não, desde que utilizado para fins pacíficos. Porém, os Estados devem estabelecer os requisitos necessários à atribuição da sua nacionalidade a navios, para o registro deles em seu território e para o direito de mostrar sua bandeira, impedir o transporte ilegal de material e pessoal, reprimir a pirataria e cooperar para a repressão do tráfico ilícito de drogas. A pirataria tem crescido em determinadas áreas do mundo e deve ser combatida. Devemos estar prontos para combater tal ilícito.

Uma breve observação do mapa acima permite esclarecer a importância da Amazônia Azul para o Brasil: com a ampliação da nossa Plataforma Continental e mais as áreas marítimas dos Arquipélagos de Fernando de Noronha e São Pedro e São Paulo, somadas à área marítima das ilhas Oceânicas de Trindade e Martim Vaz, a área disponível para a exploração de riquezas e exploração científica (fundamental para o futuro da humanidade) se assemelha à atual superfície amazônica. Não são necessárias maiores explicações para justificar as razões da necessidade de protegê-la.

Dia da Amazônia Azul

O “Dia Nacional da Amazônia Azul” é celebrado no dia 16 de novembro. Sancionada pela Lei n° 13.187, de 11 de novembro de 2015, a data foi escolhida em homenagem à entrada em vigor da Convenção das Nações Unidas sobre Direito do Mar, em 16 de novembro de 1994.

Veja vídeo explicando a Amazônia Azul

Marinha abre processo seletivo para Oficial Temporário no Amazonas; salários de R$ 11 mil

No período de 16 a 31 de outubro de 2018, estarão abertas as inscrições do Processo Seletivo para o Serviço Militar Voluntário (SMV) do Comando do 9º Distrito Naval (Com9ºDN), na condição de oficiais temporários. 

Ao todo, 26 vagas, para ambos os sexos, com mais de 18 anos e formação em nível superior, nas seguintes áreas: Farmácia, Odontologia, Enfermagem, Fonoaudiologia, Administração, Ciências Contábeis, Comunicação Social, Direito, Informática, Psicologia, Pedagogia, Ciências Náuticas: Habilitação em Náutica, Arquitetura e Urbanismo, Engenharia Civil, Engenharia de Telecomunicações e Engenharia Cartográfica, com salário bruto de cerca de R$11 mil, já contando com gratificações.
Foto: Divulgação / Marinha do Brasil
Como participar do processo seletivo

As inscrições serão realizadas, unicamente via internet, no site do Com9ºDN, escolher a área que deseja concorrer e acessar o link da sua inscrição e o respectivo Aviso de Convocação. A prova tem taxa de R$ 127,00.

Fases do processo seletivo

Os candidatos farão uma prova com 50 questões objetivas divididas em Língua Portuguesa (25) e Formação Militar-Naval (25), com data prevista para 10 de fevereiro de 2019. A bibliografia estará indicada no Aviso de Convocação. Após essa etapa, haverá também a Verificação de Dados Biográficos, Inspeção de Saúde, Teste de Aptidão Física, Prova de Títulos, Verificação Documental, Designação à Incorporação e Incorporação.

Mais informações podem ser obtidas nos editais disponíveis no site do Comando ou pelo telefone: (92) 2123-2278.

Navio da Marinha tem visitação aberta ao público até esta terça-feira em Belém

O Navio Patrulha OceânicoApa” da Marinha do Brasil está atracado no porto de Belém (PA) para visitação aberta ao público até esta terça-feira (25).

Para visitar a embarcação o público deve ir de 13h30 às 17h30 no cais da escadinha da Estação das Docas.  O navio abriga uma helicóptero do tipo esquilo, além de uma tripulação de 105 militares.
Foto: Divulgação/Marinha do Brasil
O navio, que faz parte do  Comando do Grupamento de Patrulha Naval do Sudeste, sediado no Rio de Janeiro, participou recentemente da operação UNITAS-LIX/2018, onde Marinhas de outros países realizaram um exercício militar na Colômbia com o objetivo de incrementar a interoperabilidade e os laços de cooperação e amizade.

Entre as Marinhas parceiras estavam a da Argentina, Canadá, Chile, Colômbia, Estados Unidos da América, Peru, Equador, México, Reino Unido, Honduras e Costa Rica.

Marinha encerra prazo de inscrições nesta quinta-feira

Foto:Reprodução
Terminam amanhã as inscrições para o concurso da Marinha voltado para o Quadro Técnico do Corpo Auxiliar. São 27 vagas para nível superior: Ciências Biológicas (03), Comunicação Social (04), Direito (04), Informática (06), Oceanografia (02), Pedagogia (02), Psicologia (02), Serviço Social (02) e Segurança do Tráfego Aquaviário - Engenharia Naval e Ciências Náuticas (02).

As inscrições podem ser feitas pelo site www.ingressonamarinha.mar.mil.br. O Curso de Formação de Oficiais é realizado no Rio de Janeiro, no Centro de Instrução Almirante Wandenkolk (CIAW), durante 39 semanas. O candidato cursará como Guarda-Marinha, recebendo remuneração mensal, além de benefícios. Após a aprovação no curso de formação, no final de 2019, o militar será nomeado Primeiro-Tenente.