Manaus 30º • Nublado
Terça, 24 Mai 2022

Projetos do Amazonas e Pará ganham prêmio da ONU sobre combate à malária em época de pandemia

Iniciativas dos estados do Pará e do Amazonas foram as escolhidas ao lado de projetos de Honduras, Colômbia e Haiti; distinção "Campeões contra a Malária nas Américas".

Pará registra neste ano queda de 35% no número de casos de malária

A Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) registrou, de janeiro a outubro de 2019, uma redução de 35% nos casos de malária, se comparado ao mesmo período de 2018. São 25.946 casos em 2019 contra 40.178 em 2018. A secretaria afirma que o resulta

Amazonas tem redução de 18% nos casos de malária

O número de casos de malária no Amazonas reduziu 18,5% entre janeiro e outubro deste ano, em comparação com o mesmo período do ano passado. Os dados são da Fundação de Vigilância em Saúde (FVS-AM), que, nesta quarta-feira (06/11), juntamente com secr

Roraima tem aumento de casos de malária e 30% são importados da Venezuela, aponta Saúde

O número de casos de malária, registrados no primeiro semestre deste ano, aumentou em Roraima. Um levantamento da Secretaria Estadual de Saúde (Sesau), obtido pelo G1 na terça-feira (2), aponta que o número já se aproxima do total notificado em todo

Amazonas reduz casos de malária nos primeiros três meses do ano, diz FVS

Apesar do aumento de casos de malária no estado do Amazonas, no ano passado, os três primeiros meses deste ano tiveram queda nos registros, em comparação com o mesmo período de 2018. Segundo a Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas, entre janeir

Combate à malária no Amapá começa por área de garimpo em Porto Grande

As ações de combate à malária no Amapá começaram por uma área de garimpo, conhecida como Vila Nova, em Porto Grande. Em visita à localidade, que registrou mais de 400 casos da doença no ano passado, os agentes de endemias e profissionais da vigi

Zonas Leste e Rural de Manaus começam a receber mosquiteiros para combate à malária

A Prefeitura de Manaus dará início, nesta segunda-feira (15), à primeira etapa da instalação de mosquiteiros para o controle da transmissão da malária na cidade. O trabalho será executado pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), que pretende insta

Casos de malária no AM têm redução de 45% nos primeiros dois meses de 2019

A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) informou, nessa terça-feira (12), que o Amazonas segue em queda com os casos de malária pelo segundo mês consecutivo em 2019. Segundo os dados do órgão, o estado alcançou a redução significativa

Identificados três novos casos de malária em Roraima

Pelo menos três crianças foram internadas desde segunda-feira (18) no Hospital Santo Antônio, em Boa Vista, Roraima, com diagnóstico de malária.De acordo com a Gerente do Núcleo de Malária, Ducinéia Barros, a doença está bem espalhada pelo Estado e,

Amazonas tem redução de 55% de casos de malária no primeiro mês de 2019

A Fundação de Vigilância em Saúde do Estado do Amazonas (FVS-AM), órgão vinculado à Secretaria de Estado da Saúde (Susam), atualizou o número de casos notificados de malária no Amazonas no mês de janeiro de 2019. O Boletim Epidemiológico de Malária a

Acre reduz casos de malária e Amapá tem plano de emergencial contra o mosquito

O Acre registrou 1.739 casos de malária em novembro deste ano. O número é 60% menor em relação ao mesmo mês de 2017, que contabilizou 4.297.Segundo o governo acriano, desde 2015 não havia uma redução tão expressiva. Com isso, o estado superou a meta

Prefeitura abre seleção de 69 Agentes de Combate às Endemias em Manaus

Foi divulgado nesta quarta-feira (8), edital do Processo Seletivo Simplificado (PSS) nº 001/2018 para a contratação temporária de 69 Agentes de Combate às Endemias (ACE) da Secretaria Municipal de Saúde de Manaus (Semsa). A medida faz parte do P

Malária afeta cerca de 25% da população em São Gabriel da Cachoeira, no Amazonas

São Gabriel da Cachoeira no Amazonas é o município que mais notifica casos de malária no Brasil, até o momento são 9.399 casos da doença. Seguido de Cruzeiro do Sul, no Acre, com 8.362 casos e Oeiras do Pará, com 4.914 casos, segundo dados do Ministé

Malária: três municípios do AM tem situação de emergência reconhecida

Por conta da malária, três municípios do Amazonas tiveram situação de emergência reconhecida pela Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil. A situação mais grave está em São Gabriel da Cachoeira, com 8.478 casos da doença este ano.Para discutir

Amazonas tem mais de 35 mil casos de malária somente no primeiro semestre de 2018

O Amazonas é considerado o estado de maior risco de transmissão da malária no Brasil, e lidera o ranking segundo dados do Ministério da Saúde.Em 2018, os números do primeiro semestre mostram um aumento de 10,36% nos casos, se comparado ao mesmo perío

Malária tem aumento de 10% de casos registrados no AM

A malária teve um aumento de 10% de casos registrados no Amazonas no primeiro semestre deste ano. Até junho foram cerca de 35 mil casos. Em 2017, foram 31 mil casos registrados de janeiro até junho.

Mâncio Lima e Cruzeiro do Sul no Acre lideram índices de malária no País

Mâncio Lima, no Acre, tem 17.910 habitantes. É o município campeão de malária no Brasil, em termos proporcionais. Em 2017, mais de metade da população foi diagnosticada com a doença. Entre os casos, há uma proporção de ocorrência relativamente alta n

Em função da malária, Amazonas decreta situação de emergência no Alto Rio Negro

O Governo do Amazonas está intensificando as ações de combate e controle da malária no Estado, para conter o número de casos da doença, que voltou a crescer desde o ano passado. Em 2017, foram registrados 81.302 casos, 65% a mais do que no ano anteri

Amazonas registra 18,6 mil casos de malária nos primeiros 3 meses de 2018

Nesta quarta-feira (25) acontece o lançamento da Campanha Mundial da Luta contra a Malária no Amazonas. Segundo dados da Fundação de Vigilância em Saúde, 18.649 casos da doença foram registrados no Amazonas somente nesse primeiro trimestre de 20

Doenças endêmicas aumentam na região amazônica

Com clima tropical quente úmido, a região amazônica possui as características ideais para a proliferação de mosquitos transmissores de doenças como febre amarela, dengue e malária. Entre janeiro e fevereiro de 2018 aproximadamente 11 m