Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Quarta, 12 Mai 2021

Organização financeira no começo do ano

Sem organização, como saber se o negócio funciona? Como saber se o negócio é rentável? Como saber se a estrutura de custos é viável?

Especialista ministra oficina sobre Educação Financeira para crianças no Espaço Acelera Amazônia

A educação das crianças precisa ir além do que é lecionado nas escolas, principalmente, quando o assunto em pauta é dinheiro. Por esse motivo, o Espaço Acelera Amazônia realizou nesta quinta-feira (10), a oficina Educação Financeira para Crianças, que teve o objetivo de conscientizar e estimular o desenvolvimento de hábitos saudáveis nos pequenos, formando assim uma geração sustentável financeiramente.


A responsável por mostrar o caminho das pedras para as crianças foi a educadora financeira, Glaucia Galucio, que utilizou histórias lúdicas e muita criatividade. "É de extrema importância que as nossas crianças aprendam o quanto antes sobre educação financeira, ainda mais como poupar dinheiro. Antigamente, esse tipo de informação para o público infantil era escasso, mas estamos mudando esse quadro", disse.
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia



Sobre a metodologia utilizada para alcançar as crianças, a educadora financeira explicou que é necessário ter um contato lúdico. Primeiro, Glaucia, contou a história dos Três Porquinhos e mostrou a importância de sonhar e ser paciente. Em seguida, pediu que os participantes desenhassem seus sonhos e desejos, e a partir disso, mostrou aos pais, a melhor forma de alcançar os objetivos de seus filhos.

O administrador e educador financeiro, Enio Oliveira, afirmou que os sonhos das crianças são importantes para fazer um paralelo com a educação financeira. "Na criança, a gente não pode passar os conhecimentos técnicos, pois, elas não vão adaptar muito bem, mas através de brincadeiras, ela vai se aperfeiçoar de uma forma mais completa", explicou.

Para as crianças e os pais

O sonho de Rangel Pereira, de 13 anos, é viajar para Orlando nos Estados Unidos. Durante a oficina de Glaucia, ele descobriu que o seu sonho é possível, mas demanda tempo e paciência. "Eu quero muito viajar, e não vejo a hora de começar a ganhar o meu próprio dinheiro para realizar todos os meus sonhos", comentou.
Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia
Com apenas cinco anos, Abigail Martins, prestou atenção e participou da dinâmica feita por Glaucia. O pai dela, o cientista de dados, Alexandre Martins, ficou satisfeito ao ver a filha aprendendo sobre educação financeira. "A gente exerce nosso sonho de forma sistemática, guardando e poupando, ou até mesmo, investindo o nosso dinheiro. Eu quero que a minha filha seja alguém consciente e dona do próprio dinheiro", afirmou.

Desde cedo, a administradora, Lilian Pantoja, despertou no filho, Lucas, o interesse em conhecer o universo das finanças. "Vejo que o Brasil está indo no caminho do empreendedorismo, então, nada mais justo do que ensinar as crianças uma noção de educação financeira. O Lucas, por exemplo, já sabe um pouco sobre a diferença de preços no mercado, e consegue diferenciar o caro do barato. São pequenas informações que fazem a diferença", relatou.

Lugar de ideias

O Espaço Acelera Amazônia foi inaugurado no dia 19 de setembro de 2019 pela Fundação Rede Amazônica (Fram). No local, os empresários e empreendedores poderão realizar ações de capacitação, como palestras, oficinas e workshops, além de eventos de networking, como debates, exposições e encontros, sempre com objetivo de estimular o empreendedorismo inovador e gerar novos negócios.

O Espaço Acelera Amazônia está localizado no segundo piso do Manaus Plaza Shopping, na Avenida Djalma Batista, 2010 - Chapada. Você pode entrar em contato com a coordenação do projeto através do página oficial no Facebook e Instagram, ou através do WhatsApp.


Sobre a marca


O Acelera Amazônia, selo de apoio da Fundação Rede Amazônica, tem como objetivo inspirar e fortalecer o empreendedorismo inovador através de ações que conectem empreendedores, instituições e comunidade levando em consideração o desenvolvimento sustentável da Amazônia.

Quando o milagre é muito, desconfie do santo

Esse é um assunto que atinge não apenas empreendedores, mas a população em geral. Nos últimos meses tenho visto uma grande oferta de investimentos milagrosos com rentabilidades astronômicas e resultados imediatos. 

Os pilares para uma gestão financeira sustentável

Se você já leu o livro “os segredos da mente milionária”, vai entender bem sobre o que quero falar na coluna de hoje. Se você não leu, já fica a dica para uma leitura boa e legal de fazer. Para começar, na sua opinião, o que é uma vida financeira sustentável? 

Educação empreendedora

Muitos acreditam que empreendedorismo seja uma qualidade de alguns poucos brindados com uma configuração genética apropriada. Há outros que acham que todos nascem com a capacidade empreendedora. Como o gene do empreendedor ainda não foi isolado, essa disputa não tem fim. O seminário “Renovar Idéias”, que o Instituto Teotônio Vilela promove amanhã e sexta-feira, decidiu abrir um espaço para discutir essa questão. 

Oficina de educação financeira é direcionada a famílias em Manaus

A maior parte das famílias brasileiras, 56,2%, esteve endividada em fevereiro deste ano, segundo levantamento da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). Por conta disso, acontece em Manaus uma oficina de educação financeira voltada às famílias neste sábado (18). O evento inicia às 14h no Impact Hub, localizado na Avenida Efigênio Salles, n°.1299, no bairro Aleixo.

A educadora financeira Glauce Galúcio, que ministrará o evento, afirma que é muito importante que pais e responsáveis saibam conversar sobre dinheiro com seus filhos. “As experiências na infância são fundamentais para a formação do caráter do ser humano, fazendo dela o momento ideal para introduzir a educação financeira. Além disso, dialogar sobre boas práticas contribui para o consumo consciente de todos da casa, levando ao equilíbrio financeiro, que é o primeiro passo rumo à conquista dos sonhos”, destaca Galúcio.
Foto: Reprodução/Shutterstock

Os participantes aprenderão a planejar a realização de seus sonhos no curto, médio e longo prazo. Com base na Metodologia DSOP – estruturada nos quatro pilares Diagnosticar, Sonhar, Orçar e Poupar – além de evitar e sair das dívidas, é possível aprender a planejar uma aposentadoria sustentável para garantir a independência financeira.

As vagas são limitadas, portanto é necessário fazer inscrição por telefone. O investimento é de R$ 40. Contato para mais informações e inscrições: (92) 99-248-0221.

DSOP

A DSOP Educação Financeira é uma organização dedicada à disseminação da educação financeira no Brasil e no mundo, por meio da aplicação da Metodologia DSOP, criada pelo educador e terapeuta financeiro, Reinaldo Domingos.

Atualmente, dispõe de uma rede formada por mais de 300 educadores financeiros e mais de 60 franquias de negócios em todo o Brasil e uma nos Estados Unidos (Orlando, Flórida), que compartilham da missão de romper com o ciclo de pessoas com desequilíbrio financeiro e construir novas gerações e famílias sustentáveis financeiramente.