Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Domingo, 09 Mai 2021

Arena da Amazônia recebe festa 'Tchau Carnaval'

Quê: Tchau Carnaval, com MC G15, Wanderley Andrade, João Victor e Rodrigo, Cauxi Eletrizado
Quando: 11 de março
Onde: Arena da Amazônia, na Avenida Constantino Nery
Horário: 14h
Valor: R$ 120 (camarote/meia), R$ 80 (VIP/meia) e R$ 30 (pista/meia)

Carnaboi leva alegria e folia ao Sambódromo de Manaus

Na noite desta segunda-feira (12), o sambódromo reuniu centenas de foliões na programação do Carnaboi 2018. Os brincantes se renderam ao ritmo amazônico, boi-bumbá, e dançaram o "dois pra lá, dois pra cá" por mais de 10 horas de shows.

Nos trios elétricos, os levantadores de toadas Robson Jr., Fabiano Neves, Patrick Monteiro, Zezinho Correa, Carlos Batata, Márcia Siqueira, Canto da Mata, Carlinhos do Boi e outros artistas fizeram parte da programação.

Confira alguns cliques do evento. 
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia

Carnaboi gera oportunidade de trabalho para ambulantes

Uma das marcas dos bumbás são as cores, os adereços e as pinturas. Quem esteve no sambódromo de Manaus teve a oportunidade de se aprontar por lá mesmo, pois além do artesanato, os foliões puderam comprar seus acessórios e fantasias para acompanhar, caracterizados, aos trios com os levantadores de toadas fazendo a diversão.

Além das barracas de bebidas, foram disponibilizadas de comidas típicas, esfihas, pizzas, doces e salgados, churros e outras, tudo para atender as necessidades dos foliões que estiveram no Carnaboi 2018.

Confira fotos do evento. 
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
   
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia

Foliões mirins se divertem no Carnaboi 2018

Na noite desta segunda-feira (12) no Sambódromo de Manaus, a Maratona dos Bumbás animou o público presente no sambódromo de Manaus com os levantadores de toadas do Garantido e Caprichoso, na programação do Carnaboi.

As famílias também aproveitaram e levaram as crianças para a folia, que com muita alegria, se divertiram com a passagem dos trios.

Confira alguns cliques:   
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto:  William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto:  William Costa / Portal Amazônia
Foto:  William Costa / Portal Amazônia
Foto:  William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia 

Carnaboi das selfies: foliões aproveitaram a folia para registrar e postar a animação

Foliões do Carnaboi 2018, que estiveram no Sambódromo de Manaus, nesta segunda-feira (12) aproveitaram a festa para atualizar e movimentar as redes sociais com muitas selfies.

No circuito por onde os trios passavam, além da animação, muitos cliques para o registro do momento de alegria e brincadeira entre os presentes.

Confira algumas fotos dos foliões fazendo suas selfies.   
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia

Atrações animam foliões no Carnaboi 2018 em Manaus

Com a programação especial de Carnaval, o sambódromo reuniu centenas de foliões na noite desta segunda-feira (12), na programação do Carnaboi 2018.

Entre os artistas da terra que estiveram nos trios embalando os foliões, Robson Jr., Fabiano Neves, Patrick Monteiro, Zezinho Correa, Carlos Batata, Márcia Siqueira, Canto da Mata, Carlinhos do Boi e outros.

Confira alguns cliques dos levantadores de toadas.  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto:William Costa / Portal Amazônia
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia
  
Foto: William Costa / Portal Amazônia

Bloco Pretinhos do Mangue exalta o respeito à mulher e ao meio ambiente

Em Curuçá, no nordeste paraense, é do mangue que sai o caranguejo, sustento de muitas famílias, e a lama (conhecida por tijuco), matéria-prima da fantasia usada no tradicional bloco carnavalesco "Pretinhos do Mangue". No domingo (11), segundo a organização do evento, mais de 17 mil brincantes e espectadores acompanharam o cortejo, que começou no Porto dos Pretinhos e seguiu pelas principais ruas da sede municipal até a praça da folia, na orla.

O bloco foi criado em 1989 a partir da frustração de dois amigos que foram ao mangue atrás de alimento, mas não conseguiram nenhum caranguejo. Então decidiram passar lama pelo corpo e saíram pela cidade em forma de protesto. "O mangue oferece o nosso caranguejo, mexilhão e camarão. É daqui que as famílias tiram seu sustento. Nossa intenção é aproveitar esse momento de alegria e passar essa mensagem de preservação", informou o presidente do bloco Edmilson Campos, mais conhecido como "Cafá", que está à frente da agremiação há 18 anos.

"Nosso bloco é o mais democrático que existe, pois quando você passa o tijuco todo mundo fica igual. É uma brincadeira saudável, onde crianças e adultos participam com tranquilidade, e que atrai todos os anos milhares de turistas do Estado, do Brasil e até internacionais", completou Edmilson Campos.

Em 2010, em função de sua importância no calendário local, o bloco foi declarado "Patrimônio Cultural do Município de Curuçá", pela Lei nº 1.981, de 12 de fevereiro de 2010, e "Patrimônio Cultural do Estado do Pará", por meio da Lei nº 7.383, de 16 de março do mesmo ano.

Foto: Divulgação / Agência Pará
Respeito à mulher

Além de conscientizar sobre a importância da preservação ambiental, o "Pretinhos do Mangue" traz, em sua 29ª participação no carnaval, o tema "Mexeu com uma, mexeu com todas. #Chegadeassedio", uma reflexão sobre o respeito à mulher. "Essa é uma  discussão que está em destaque em todo o Brasil e que resolvemos trazer para o carnaval, que é um momento de festa, mas também de respeito. E esse é um conceito que não se estende só à mulher, mas à religião, sexualidade e ao próximo de maneira geral", explicou o presidente do bloco.

Deixa o rio levar

Em destaque no corredor da folia, cinco alegorias, entre elas o tradicional caranguejo  gigante, mascote do bloco; a ostra; ala dos guarás, ave vermelha típica dos manguezais; a canoa dos piratas e a barraca do pescador, onde turistas e foliões degustaram crustáceos e peixes da região. A animação ficou por conta de show de carimbó, na concentração do bloco, e de um trio elétrico comandado por uma banda local, que animou o público com ritmos de fanfarra e o samba-enredo deste ano, "Deixa esse rio te levar".

De acordo com o autor do samba, o curuçaense Adalberto Favacho ("Adal"), a intenção foi mostrar as peculiaridades do município. "Procurei falar sobre pertencimento, sobre quem vive e gosta de Curuçá, mostrando as nossas praias, nossas belezas naturais, e que o maior mangue do mundo passa aqui no nosso quintal. Isso reafirma o valor da cidade para a população local, e é uma forma de mostrar ao turista o que temos de bom", destacou.

Adal nasceu em Curuçá, mas em função de estudos e trabalho, residiu em outros Estados. Depois de 15 anos fora, retornou ao Pará em 2003, quando reacendeu sua paixão pelo bloco e criou a "Rede Mangue de Turuvisão". Ele e o irmão, Augusto Favacho, se transformam em cinegrafista e repórter e satirizam as coberturas jornalísticas no carnaval da cidade. "De lá pra cá viramos um ícone no ‘Pretinhos do Mangue’, divertindo a todos", contou.
Foto: Divulgação / Agência Pará
Tradição e preservação

Quem decidiu aproveitar o carnaval no município não se arrependeu. Entre os brincantes estava o servidor público Paulo Neves, 60 anos. Nascido em Curuçá, ele mora atualmente em Belém, mas todo ano faz questão de compartilhar essa vivência. "Acho importante manter a tradição e a consciência de preservar o meio ambiente. Mostro isso para meus amigos e parentes que moram em outros Estados, e muitos deles estão hoje aqui. Tem gente de Brasília, Macapá, Rio de Janeiro, São Paulo e Paraná, que veio especialmente para curtir esse momento", disse Paulo Neves.

O curuçaense contou ainda que integra um grupo de quase 30 amigos, que há mais de 20 anos se reúne para limpar as áreas de mangue da cidade. "Essa é uma mobilização muito importante. Temos que preservar, pois a cada ano que passa tudo fica mais difícil. Doenças, enchentes, secas, tudo é consequência da ação do homem, do desmatamento, queimadas, entre outros fatores", avaliou Paulo Neves. Ainda segundo ele, outros grupos do município reforçam o trabalho de conscientização ambiental.

No corredor da folia, a família da estudante Lívia Rodrigues, 14 anos, recebe os amigos de Belém. "Nesse período de carnaval a casa costuma ficar sempre cheia. Há cinco anos montamos, inclusive, um camarote para que todos pudessem curtir com mais conforto. Temos o melhor carnaval do Estado, e aqui a diversão é garantida e sempre com muita tranquilidade", ressaltou.

Para que tradição e preservação andem juntas, a organização do evento disponibilizou camburões com barro para que os brincantes pudessem confeccionar o "abadá natural". "Isso contribui para a diminuição da entrada no mangue. Procuramos manter a tradição, respeitando e levando adiante a importância do ecossistema para nossa sobrevivência", frisou Adalberto Favacho.

O município também conta com a Associação Socioambiental e Cultural Pretinhos do Mangue, criada com o objetivo de profissionalizar cada vez mais o carnaval e desenvolver projetos voltados à questão ambiental.

Bloco do Vieiralves traz programação especial ao Carnaval de Manaus

Bloco do Vieiralves, com João e Rodrigo, Uendel Pinheiro, Cauxi Eletrizado
Quando: 11 de fevereiro
Onde: Rua Pará, Vieiralves
Horário: 15h
Valor: R$ 50 (área VIP) e R$ 150 (camarote)
Informações: (92) 98418-9778

Foto:

Tradicional bailinho de carnaval da Estação promete muita diversão

Confetes, fantasias e muita diversão poderão ser conferidos por todas as famílias que optarem por prestigiar o Bailinho de Carnaval 2018 da Estação das Docas. A programação é gratuita e será realizada no próximo dia 13 de fevereiro.

E como as marchinhas carnavalescas não poderiam faltar, a animação ficará por conta das Crias do Curro Velho e do Grupo Sambloco, que embalarão a festa das 16h às 21h, no palco a ser montado no boulevard das feiras.  
Foto: Divulgação

O tradicional bailinho carnavalesco da Estação das Docas já é um dos mais aguardados da capital, por oferecer um ambiente familiar e seguro. "Nosso bailinho é um dos mais procurados de Belém, principalmente pelas famílias. Buscamos sempre oferecer um ambiente seguro e é claro, com muita diversão", destaca Pétala Paiva, gerente de Marketing, Comunicação e Cultura da Pará 2000, Organização Social que administra a Estação das Docas.

Fim de semana terá 17 bandas e blocos de rua em Manaus

Dezessete bandas e blocos de rua ocorrerão de sexta-feira, (2), a domingo, (4), em diferentes bairros de Manaus. Entre elas, as tradicionais bandas da Bica, da Difusora, Bhaixa da Hégua, Boulevard e as irreverentes Gaiola das Loucas e Brochas. Os eventos recebem o apoio da Prefeitura de Manaus e são gratuitos.

Na sexta-feira, (2), no Educandos, zona Sul, ocorre a Banda do Coronel, a partir das 16h30. Na Vila da Prata, zona Oeste, ocorre a Banda da Baby, a partir das 18h.

Já no sábado, (3), nove bandas farão sua festa nos bairros. No Centro, a Banda da Bica e da Difusora prometem arrastar milhares de foliões, a partir das 15h.
Foto: Divulgação

“O folião aguarda irreverência, segurança e Carnaval tradicional com marchinha e samba enredo. Convido toda a população de Manaus a vir brincar na Bica, no Centro da cidade, a partir das 15h”, convidou Ana Cláudia Soeiro, organizadora da Bica, uma das maiores bandas de rua de Manaus.

Ainda no sábado, o Bloco Carnavalesco Gaiola das Loucas será uma das bandas da zona Norte da Cidade. O bloco ocorre na quadra do Manôa, na Rua 5 com a Francisco de Queiroz, Colônia Terra Nova.

As bandas Amigos da Vitória Régia (Mauazinho), Papa Sopa (Parque Dez), Bhaixa da Hégua (Educandos), Boulevard (Álvaro Maia), Brochas e da Paz encerram o fim de semana magro de carnaval no domingo, (4).

Ao todo, a Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult) apoia cem bandas e blocos e rua, contemplados por meio de edital. A programação completa pode ser acessada aqui no site.

Bandas de Carnaval alteram o fluxo de veículos, em Manaus

Agentes do Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização de Trânsito (Manaustrans) vão atuar nas interdições e no monitoramento do tráfego nas áreas da cidade que serão ocupadas por bandas de Carnaval neste final de semana. As bandas da Bica e Difusora, no Centro, serão realizadas no sábado, (3), e a banda do Boulevard, Praça 14, será realizada no domingo, (4).
Foto: Divulgação
As equipes operacionais do Manaustrans estarão presentes em postos fixos, viaturas e motocicletas para ordenar a circulação de veículos e pedestres. Veja como fica o trânsito:

Bandas da Difusora e Bica – Sábado, 3/2
– Interdições a partir da madrugada de sábado:
– Avenida Eduardo Ribeiro, entre as ruas Saldanha Marinho e Monsenhor Coutinho, será interditada a partir de 1h da manhã de sábado para a montagem do palco da Banda da Difusora.
– Rua 10 de Julho, entre as avenidas Ferreira Pena e Getúlio Vargas, será interditada a partir de 1 hora da manhã de sábado para a montagem do palco da Banda da Bica.
– Rua Tapajós, interditada entre a 10 de Julho e Monsenhor Coutinho.
– Rua 24 de Maio interditada entre as ruas Barroso e Joaquim Sarmento.
– Ruas Dona Libânia e Marçal interditadas.
O Manaustrans sugere que os participantes utilizem transporte público ou táxi para chegar ao Centro da cidade. Quem for de veículo próprio, as sugestões para estacionamento são:
– Avenida Sete de Setembro (lado direito) entre as ruas Rui Barbosa e Barroso.
– Avenida Sete de Setembro (lado esquerdo) entre a rua da Instalação e Avenida Eduardo Ribeiro.
– Avenida Eduardo Ribeiro no trecho entre as avenidas Sete de Setembro e Marques de Santa Cruz, lateral da Praça da Matriz.
Banda do Boulevard – Domingo, 4/2
– Interdições:
– Avenida Álvaro Maia fica interditada a partir das 8h entre as avenidas Constantino Nery e avenida Santos Dumont, em ambos os sentidos.
Os agentes do Manaustrans poderão ampliar as áreas interditadas de acordo com a necessidade de reforçar a segurança dos pedestres.

Adolescentes da Fasepa lançam samba-enredo de carnaval

Um dos principais pontos turísticos da capital paraense, a Estação das Docas, foi palco nesta sexta-feira (26) de uma apresentação carnavalesca diferente. Adolescentes e jovens que cumprem medidas de privação de liberdade na Fundação de Atendimento Socioeducativo do Pará (Fasepa) lançaram o samba-enredo da socioeducação, único no país, pelo segundo ano consecutivo dentro do projeto Pôr-do-Som, por meio da parceria com a Organização Social Pará 2000, buscando o exercício do protagonismo dos socioeducandos e sua formação cidadã. 

O sorriso e alegria deram o tom da festa que levou ao grande público uma mostra das ações artísticas e culturais desenvolvidas nas unidades socioeducativas do Estado. Nem mesmo a chuva que caiu no final da tarde em Belém foi capaz de fazer com que o público ‘arredasse o pé’ e deixasse de se divertir e interagir com toda a comunidade socioeducativa presente no evento. Com o tema “Família Fasepa Fortalecendo a Socioeducação. Não para, não”, o samba-enredo deste ano foi gravado nos estúdios da Rádio Cultura, graças a parceria entre a Fasepa e a Fundação Paraense de Radiodifusão (Funtelpa).
Foto: Divulgação

O fato de os jovens estarem privados de liberdade e cumprirem medidas socioeducativas na Fasepa, não significa que estejam à margem de vivenciar as datas comemorativas. Com a chegada do Carnaval, os profissionais que atuam nas unidades promovem diversas oficinas, desenvolvidas pelos arte-educadores musicais e teatrais, em busca de novos talentos e também proporcionando a oportunidade da ressocialização.

Dentre os frutos das oficinas, está o jovem Daniel da Silva, de 18 anos, que cumpriu três anos de medida socioeducativa e hoje é egresso do sistema socioeducativo. Hoje ele é um dos alunos da Fundação Carlos Gomes. O jovem não escondia a alegria de participar da programação que abriu portas para que ele seguisse na área da música. “Tocar em um espaço como esse é uma honra. Eu me sinto muito feliz por participar pelo segundo ano do carnaval aqui na Estação das Docas. É bom saber que tem pessoas de vários locais nos assistindo e reconhecendo o nosso trabalho. A música significa alegria e faz a gente refletir sobre a vida”, avaliou o jovem.

Entre as centenas de pessoas que prestigiaram o Carnaval da Socioeducação, estava a autônoma Fernanda Oliveira que, contagiada pelo ritmo da bateria formada por adolescentes da Fasepa, disse estar bastante satisfeita com o resultado do trabalho. “Foi a primeira vez que eu vi esse trabalho com jovens que cumprem medida socioeducativa e gostei muito. Eu estou muito contente em saber que eles estão sendo acompanhados e direcionados para seguir por um caminho melhor. Eu acredito que quando há oportunidade, o resultado é tão bacana como esse que nós estamos vendo aqui”, ressaltou Fernanda Oliveira.

Tanto o samba-enredo da socioeducação, como as fantasias e adereços contaram com a participação direta dos próprios jovens, sob a orientação dos arte-educadores por meio de oficinas, apresentando elementos representativos que fazem parte da cultura carnavalesca como mestre-sala e porta-bandeira, passista e porta-estandarte, entre outros.

O arte-educador musical da Fasepa, Ricardo Jardim, foi um dos responsáveis por conduzir os adolescentes na bateria da socioeducação. Ele chama a atenção para importância de mostrar esse trabalho para a sociedade, porque é uma forma de desconstruir a imagem de que esses jovens, que cometeram algum tipo de ato infracional, são incapazes de refazer seus projetos de vida e serem reinseridos socialmente. “Esse momento simboliza o novo, o recomeço. A arte e cultura se apresentam como uma das possibilidades de mudança para o jovem que está na medida socioeducativa, basta ele querer. É muito bom ver as pessoas conhecendo mais um pouco do trabalho que a Fasepa faz, compreendendo que é possível apresentar bons caminhos para os jovens a partir do momento em que você ama e acredita naquilo que faz”, disse Ricardo. 

O presidente da Fasepa, Simão Bastos, celebrou o momento destacando a boa receptividade do público e a participação ativa dos adolescentes. “A população teve a oportunidade de visualizar um trabalho socioeducativo, demonstrando que com oportunidade, é possível ter resultados positivos”, afirmou.

Segundo ele, a Fundação vem desde 2015 com ações desta natureza e a população entende como uma prática positiva a participação ativa dos adolescentes nesses eventos.

Ainda segundo Simão Bastos, as práticas socioeducativas constituem um trabalho desafiador, mas é possível reconstruir projetos de vida. “É um trabalho desafiante e que não tem limite. Nos proporciona dar cada vez mais oportunidade para aqueles que não tiveram tantas escolhas na vida. Saímos felizes com o resultado extremamente positivo de um trabalho que é único no país”, concluiu.

Folia nas ruas de Manaus inicia neste fim de semana

Chegou a hora de o folião cair na folia com as bandas e blocos de rua do Carnaval de Manaus.  A partir do próximo sábado, (27), serão realizadas as cem bandas de Carnaval, que este ano recebem o apoio da Prefeitura de Manaus, por meio da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult). Todos os eventos são gratuitos e ocorrerão em diferentes zonas da cidade.

Puxando os blocos, no sábado, (27), a Avenida Lourenço da Silva Braga, Largo do Mestre Chico, na zona Sul, será palco da Banda do Boteco Ideal. Realizada há cinco anos na casa de shows Boteco Ideal, esta será a primeira vez da banda nas ruas.
Foto: Divulgação

“Percebendo o gosto dos frequentadores pelas festas tradicionais, decidimos, este ano, abrir para o público e, com o apoio da Prefeitura, temos essa chance. A gente espera um público de 2 a 5 mil pessoas para caírem na folia com muito axé, marchinhas de Carnaval e, claro, as atrações de forró, que fazem parte da tradição da zona Sul”, destacou o organizador do evento, Erick Guimarães.

Ainda no sábado, a Banda da Chiquita abre alas para os foliões fazerem a festa na Avenida Leonardo Malcher, esquina com a Luiz Antony, no Centro. Já na zona Centro-oeste, a Banda do Tracajá agitará o público com sua alegria e irreverência, na Rua Dublin, Belvedere 2, Planalto.

No domingo, (28), a folia continua no tradicional bairro Praça 14, que recebe os foliões da banda Vitória do Morro Futebol Clube, na Rua Visconde de Porto Alegre (próximo à loja Pemaza). Já os brincantes da Banda do Galhardo farão a festa no Parque Residencial do Prosamim Mestre Chico 1, bloco 25.

As festas ocorrerão até o dia 3 de março. A programação completa você encontra aqui.

Visando o carnaval, Hemoam convoca doadores de sangue

O Amazonas já está entrando em clima de Carnaval, a programação de blocos e bandas já está à todo vapor, mas com isso, vem a preocupação dos órgãos de saúde para possíveis acidentes pela capital e interior. Pensando nisso, a Fundação Hospitalar de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas (Hemoam) está convocando a população para que compareçam a sede da instituição e realizem a doação de sangue.


Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia

De acordo com a assistente social do Hemoam, Noemi Priante, o banco de sangue da Hemoam está normal. O estoque conta com mil bolsas, entre sangue, plaquetas e enzimas, mas ela destaca que tudo pode mudar em questão de segundos. “Não se sabe quando vai ocorrer um acidente grave com várias vítimas, então, isso deixa o nosso estoque vulnerável. As pessoas devem se colocar no lugar das outras, principalmente em época de festa”, afirmou.

A doação é simples, mas exige cautela, principalmente do doador. “Eu sei que muitas pessoas querem ajudar, porém, existem etapas que precisam ser cumpridas. O intuito da doação de sangue é ajudar ao próximo, por isso, enfatizamos quais são as regras da doação. Se você quer ajudar precisa ser sincero com os atendentes”, disse.

Noemi Priante faz um convite aos internautas do Portal Amazônia:


Quem pode doar?
Qualquer pessoa com boa saúde, com idade entre 18 a 69 anos e peso a partir de 50 quilos. O candidato a doação deve estar bem alimentado e munido de documento de identidade. Jovens de 16 e 17 anos podem doar com autorização formal do responsável ou representante legal. Não pode doar sangue a pessoa que:
- Teve hepatite depois dos 10 anos de idade;
- Tem comportamento sexual de risco;
- Usa drogas;
- Teve malária, recebeu transfusão sanguínea ou teve doenças sexualmente transmissíveis nos últimos 12 meses;
- Teve febre nos últimos 30 dias;


Foto: Diego Oliveira/Portal Amazônia

Etapas da doação

Recepção de Doadores: Se for a primeira vez, o candidato informa seus dados. Se já for cadastrado, ele apenas os confirma.
Triagem Clínica: Após o cadastro, ele passa por uma avaliação clínica que consta de questionamentos sobre sua saúde. Além disso, são verificados, entre outros itens: peso, pressão arterial e taxa de hemoglobina.Sala de Coleta: Se apto à doação na triagem clínica, o candidato é encaminhado para doar. O material utilizado é totalmente descartável e sem risco de contaminação.
Copa: Após a coleta o doador faz um lanche.
Sorologia: Antes do sangue ser transfundido, ele passa por uma série de exames sorológicos, entre eles: Sífilis, Doença de Chagas, HIV, Hepatites, HTLV I e II, além da tipagem sanguínea.
Fracionamento: O sangue coletado é fracionado em hemocomponentes – Concentrado de Hemácias, Concentrado de Plaquetas, Plasma e Crioprecipitado. Ou seja, com apenas uma doação podem ser atendidos vários pacientes.
Armazenamento do sangue: Enquanto os exames laboratoriais não são liberados, as bolsas ficam adequadamente acondicionadas dentro das condições exigidas pela legislação ministerial vigente.
Distribuição do sangue: Após a liberação dos exames, os hemocomponentes são distribuídos para rede hospitalar pública e privada da capital mediante solicitação médica. O produto também é utilizado no atendimento transfusional do ambulatório do hemocentro.

Cem bandas e blocos ganham as ruas de Manaus no Carnaval

A partir do último fim de semana de janeiro, cem bandas e blocos tomarão as ruas da cidade, em diferentes zonas, durante o Carnaval de Manaus 2018. Os eventos contam com o apoio da Prefeitura de Manaus, por meio da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), e serão realizados até o dia 3 de março.
Foto: Divulgação

Do axé ao frevo, da zona Norte à zona Sul, o Carnaval de Rua de Manaus tem como tradição a irreverência, a diversidade e, principalmente, a criatividade do folião, a começar pelo nome das bandas.

Confira a programação

9 a 13/02 (de sexta a terça-feira)

9/2 – Banda da Angélica – Avenida Lourenço da Silva Braga, Cachoeirinha (próximo ao Supermercado Makro)

9/2 – Banda do Castelo
– Rua Islândia (antiga São José), 20, Mauazinho I (próximo à torre)

10 a 13/2 – Carnaval de Educandos 2018
– Rua Inocêncio de Araújo, Boulevard Rio Negro e toda a extensão da área do Amarelinho, no Educandos

10/2 – Banda do Bocal Queimado 2018
– Rua Y, Nova Esperança II (próximo à Igreja São Francisco)

10/2 – Banda da Jaqueira
– Avenida Nossa Senhora da Conceição, Cidade de Deus (próximo à Igreja de São Benedito)

10/2 – Bloco Carnavalesco Fura Olho
– Rua do Comércio, esquina com a Rua da Paz, beco da Comunidade Santa Luzia, Japiim I

10/2 – Banda das Virgens
– Entre as ruas Vicente Torres Reis, 174, com Dom João de Souza, 120 (próximo à Vila Militar), São Jorge

10/2 – Bloco das Encantadas
– Avenida Itaúba (entre a Bola do Produtor e a Bola do Jorge Teixeira)
10/2 – Banda do BJ – Rua Bom Jesus, 73, Mauazinho (em frente à Assembleia de Deus)

10/2 – Banda do Manôa
– Rua Araraquara (antiga Rua 4), Conjunto Manôa, Cidade Nova

11/2 – Bloco das Piranhas
– Centro de Convenções, Sambódromo

11/2 – Bloco do Feijão
– Campo de Futebol, Rua Açaí com Travessa Patoá, Zumbi III

11/2 – Bloco da Menopausa
– Rua 3, São José II (próximo à Igreja Cristo Rei)

11/2 – Banda Carnavalesca 2018 do G.R.S. Jovens Livres da Cachoeirinha
– Rua Ajuricaba (entre a Rua Borba e Avenida Carvalho Leal), Cachoeirinha

11/2 – Banda Fura Olho
– São Francisco – Rua Joaquim Ribeiro, São Francisco

11/2 – Banda dos Assombrados
– Rua Inácio Guimarães, 159, Educandos (próximo à Escola Municipal Nazira Chamma Daou)

11/2  – Banda do Joatan
– Avenida L (entre as ruas 5, 6, 7 e 8), Alvorada II

11/2  – Banda do Théo
– Avenida Ferreira Pena (entre Ayrão e Boulevard Álvaro Maia)

11/2 – Banda do Pimentão 2018
– Rua Jardim Botânico com Padre Severo, São Jorge

11/2 – Banda do Mano
– Rua Brasil, Nossa Senhora das Graças (próximo ao 22º DIP)

11/2  – Banda do Pepety
– Avenida S, Conjunto Habitacional Renato Souza Pinto 2, Cidade Nova (próximo ao Campo Osvaldo Frota)

11/2 – Banda das Duquesas da 14
– Rua Duque de Caxias, 1665, Praça 14 de Janeiro (entre as ruas Nhamundá e Japurá)

11/2 – Banda da Getúlio – Avenida Getúlio Vargas, Colônia Antônio Aleixo (ao lado do 28º DIP)

11/2 – Banda do Alho – Avenida Tancredo Neves, Parque Residencial Eduardo Gomes, Redenção (próximo ao Conjunto Hileia)

11/2 – Banda do JT – Avenida Itaúna, Jorge Texeira

11/2 – Bloco da Vovó Judith – Rua Professor Carlos Mesquita (antiga rua do Areal, próximo à quadra de esportes), Santa Luzia

11/2 – Banda Amigos do Bá – Praça Orlando Pimentel, entre avenidas Arica e Solimões, Mauazinho

11/2 – Bloco dos Infiéis
– Rua Prof. Evengelista Browe, Santo Antônio (próximo à academia Top Fit)

11/2 – Banda Kaça Kabaço 2018
– Avenida Itaúba (entre a Bola do Produtor e a Bola do Jorge Teixeira)

11 a 13/2 – Banda Maranatha 2018
– Arena Amadeu Teixeira, Rua Lóris Cordovil, Flores

12/2 – Banda Amigos da Folia
– Tô na Barca – Rua Coronel Taborda de Miranda (antiga rua 27), 33, Núcleo 3, Cidade Nova II

12/2 – Bloco das Cabritas
– Rua Nova do Prosamim, esquina com as ruas Waldemar Pedrosa e Travessa Arthur Reis, Vila da Prata, São Jorge (ao lado do Bar do Jájá)

12/2 – Banda Amigos da Onça
– Rua do Prosamim, entre as ruas 9 e Rua 14, Alvorada II

12/2 – Banda do Gigante
– Rua Engenheiro Vilar Fiusa da Câmara (trecho entre as ruas das Lages e Terra Nova), São José I

12/2 – Banda dos Fofos
– Beco Benjamin Constant, Petrópolis

12/2 – Banda Geração 80
– Rua Afonso Pena, 400 (entre as ruas Barcelos e Nhamundá), Centro

12/2 – Bloco das Virgens
– Rua dos Lírios (ao lado da academia ao ar livre), Jorge Teixeira I

12/2 – Banda Veio Pra Ficar
– Rua 1 (entre as avenidas “B” E” F”), Comunidade Mundo Novo, Cidade Nova I

12/2 – Banda Como o Que Cair
– Rua Henrique Archer Pinto, 123, Santa Luzia

12/2 – Bloco do Caldeira
– Av. José Clemente, esquina com a rua Lobo d’Almada, Centro

12/2 – Banda de Carnaval Juventude Ativa
– Av. Buriti, Coroado

12/2 – Banda da 5
– Rua 5 de Setembro, 574, São Raimundo (ao lado da sede do São Raimundo Esporte Clube)

12/2 – Banda Império do Mauá
– Av. Rio Negro, 101, Mauazinho

13/2 – Galo de Manaus
– Av. das Torres

13/2 – Banda do Jacaré 2018
– Av. B, entre as ruas 07 e 09, Alvorada I (próximo à Igreja Nossa Senhora Auxiliadora)

13/2 – Banda Baratas na Folia – Rua Magalhães Barata, 1019, Betânia (ao lado da Autopeças Paz)

13/2 – Banda do Bin Laden – Rua 26 de Agosto, Riacho Doce

13/2 – Bloco dos Borós – Rua 1º de Junho, s/n, Zumbi II (próximo ao campo de futebol da Igreja São Cristóvão)

13/2 – Banda do Pedrinho – Rua Padre Cabeleira Martins, Compensa I

13/2 – Banda dos 5 Estrelas – Avenida Getúlio Vargas (entre a Av. Ramos Ferreira e Rua 10 de Julho), Centro

13/2 – Banda do Copo Cheio
– Rua 6 (entre a avenida I até a avenida J), Alvorada II

13/2 – Carnaval Popular da Zona Norte
– Av. Margarita, Conjunto Nova Cidade

13/2 – Bloco do Frei José
– Rua Frei José dos Inocentes, Centro

13/2 – Banda da Redenção
– Rua Gurupi, 2323, Redenção (em frente ao Mercadinho da Economia)

13/2 – Bloco Carnavalesco Siri Quer Pau
– Rua Virgílio Ramos, 309, São Raimundo

13/2 – Banda da Sarita
– Avenida Nossa Senhora de Fátima (ao lado da Igreja de São Benedito), Cidade de Deus

13/2 – Banda dos Kretinus
– Rua J, s/n, Armando Mendes

16 e 17/02 (sexta e sábado)

16/2 – Bloco Vermelho e Preto
– Avenida Paranavai (entre Av. Silves e ponte do retorno), Crespo

16/2 – Banda da Equipe Fire Brothers
– Rua Ouro Preto, esquina com Beira-Rio, Coroado III

17/2 – Banda da Marechal
– Rua Marechal Deodoro, 31, Colônia Oliveira Machado (em frente à Loja Rayssa Fashion)

17/2 – Banda do Flajorge – Rua Edson Estanislau Afonso, 144 (no trecho localizado entre as ruas Raimundo de Moraes e 18 de Setembro, ao lado da sede do Flajorge), São Jorge

17/2 – Bloco do Mazon – Rua 17 (entre as ruas 26 e 28), Vale do Sinai (em frente à Igreja Adventista do Sétimo
 Dia)

17/2– Banda da Rua Santa Isabel – Rua Rubídeo (antiga Rua Santa Isabel), Vila da Prata (próximo à Semmas)

17/2– Bloco do Cabeção – Avenida Cássia Baima, s/n, Jorge Teixeira (próximo à Escola Vasco Vasques)

17/2 – Bloco Amigos da Zuila – Rua Mayoruna (antiga rua 1), 46B (próximo à oficina Tom Moto Peças, entre avenidas C e E), Alvorada

17/2 – Banda de Carnaval Patrões da Elyte – Rua Japiim, esquina com Piricaca (ao lado da Escola Raul Queiroz, próximo ao Jardim Botânico)

24/02 (sábado)

Bloco dos Pitt Bichas – Rua Leopoldo Neves, Santa Luzia

Bloco das Poderosas – Rua São Pedro, entre o rip-rap e o beco São Francisco, Crespo

Banda dos Favoritos – Rua José Romã, s/n, São José dos Campos (esquina com a rua Amazonas, próximo à loja de material de construção Quatro Irmãos)

Banda do Lambão do Coroado – Rua Ouro Preto, com Av. Beira Rio, entre Av. Cristo Rei, Coroado (próximo ao Mercadinho Nóbrega)

27 e 28/02 (terça e quarta)

27/2 – Banda do Jangadeiro – Rua Marquês de Santa Cruz, 28, Centro

28/2 – LGBT Folia a Banda – Av. Sete de setembro, s/n, Centro (ao lado da loja C&A)

03/03 (sábado)

Bloco Dom da Zueira – Av. Amazonino, s/n, Santa Etelvina

Banda Tira Ressaca Rosas da Noite – Rua Atlético Paranaense, esquina com a Leopardo, Cidade de Deus

Banda Cintura de Kibe 2018 – Rua Penetração 2 (entre ruas 61 e 51, em frente à Feira da Braguinha), Amazonino Mendes, Mutirão

Desfile das Crias do Curro Velho aborda diversidade

Este ano a Escola de Samba Crias do Curro Velho trará em sua Comissão de Frente a personificação de figuras públicas que o paraense conhece bem como Carlos Gomes, Gaby Amarantos e Beth Cheirosinha, entre outras. O desfile, que já tradicional no Carnaval de Belém, será no dia 3 de fevereiro, com saída da Praça Brasil até a sede do Curro Velho, a partir das 9h.

Um tripé onírico abre o desfile do Carnaval deste ano trazendo alegorias que remetem ao elemento ar, como foguete, pássaro e o famoso 14 Bis criado por Santos Dumont. A réplica do avião foi construída com peças de PVC, garrafas de detergentes e refrigerantes e hastes de arame soldadas, dispensando o uso de cola. 
Foto: Divulgação

Junto do carro abre-alas virá o Maestro Universal, inspirado no compositor paraense Carlos Gomes, orquestrando a escola toda. Logo atrás virão outros personagens, como a Deusa Afro, inspirada na cantora paraense Gaby Amarantos. “Também teremos uma bailarina meio fada, um ET meio Michael Jackson, a 'Mãe da Erva' inspirada na vendedora Beth Cheirosinha, entre outros”, revela o responsável pela Comissão de Frente, Marcelo Lobato.

Segundo ele, todos os materiais utilizados na produção são reciclados, até as roupas são reaproveitadas de outros carnavais. A equipe faz o possível para reutilizar todos os materiais a partir de recursos como a aplicação de pontos e tingimentos. “Quando o carnaval acaba, desmanchamos as garrafas pets, entramos em contato com as fábricas de reciclagem e destinamos os arames, papéis e plásticos para as entidades corretas. Pensamos sempre na reciclagem”, ressalta Marcelo.

A equipe responsável pela produção da Comissão de Frente é composta por quatro pessoas, entre funcionários e alunos voluntários. “Eles pedem para participar, pois tem uma relação afetiva com o Curro Velho. Eles querem se incluir. São alunos que já participaram de várias exposições e oficinas, e tem tudo para serem instrutores no futuro”, afirma Marcelo.

Um deles é Ricardo Serra, de 31 anos, que participa desde os 12 das oficinas promovidas pela Fundação Cultural do Pará (FCP), por meio do Curro Velho. “Sempre quis conhecer mais sobre a arte. No Curro Velho surgiu essa oportunidade de participar pela primeira vez da produção do Carnaval e não pensei duas vezes. É um trabalho muito legal, gosto daqui. Faço com boa vontade. É gratificante ver todos se divertindo no dia do desfile”, concluiu.

O Pré-Carnaval de Belém começou neste fim de semana

O Pré-Carnaval de Belém iniciou neste final de semana com a saída de blocos carnavalescos ontem(6) e hoje (7) percorrendo as ruas da Cidade Velha. A novidade deste ano é que serão cinco finais de semana de "corredor da folia”, segundo a organização do evento, que estima a participação de que 700 mil pessoas.
A Prefeitura Municipal de Belém dará apoio na estrutura e segurança para que foliões e moradores do centro histórico possam desfrutar da brincadeira com tranquilidade, junto com a Guarda Municipal de Belém (GMB) e a parceria com outros órgãos de segurança do Estado, reforça a segurança e o ordenamento de vias. “A operação Corredor da Folia neste primeiro final de semana, conta com o efetivo de 60 agentes, todos em regime de escala extra, no horário previsto de 13h às 21h, atuando no fechamento de vias em apoio à Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (Semob) e ao Departamento de Trânsito do Estado, assim como no policiamento ostensivo, moto patrulhamento e apoio aos agentes da Secretaria Municipal de Economia, no controle da comercialização de produtos”, explicou o Inspetor da Divisão de Operações (DOP) , Roberto Avelar.
A prefeitura também irá alterar o trânsito em algumas vias do Centro Histórico. O bloqueio começa às 12h de sábado, na rua Doutor Assis no trecho compreendido entre rua Padre Champagnat até a avenida Almirante Tamandaré. Em razão do fechamento, o trânsito será todo desviado para a 16 de Novembro, e as linhas de ônibus que realizam viagens pelo trecho interditado também terão os itinerários alterados. O esquema de trânsito se repetirá em todos os finais de semana da programação.
Foto: Divulgação / Prefeitura de Belém
Linhas de ônibus que terão itinerário alterado durante a programação
UFPA – Ver-o-Peso e E. Marex – Arsenal, no sentido bairro/centro, farão: avenidas Boulevard Castilhos França, Portugal, 16 de Novembro, Conselheiro Furtado, Roberto Camelier, a destino;
Arsenal, Pedreira Lomas (BR-316) e Cremação II – Alcindo Cacela, no sentido bairro/centro, farão: avenidas Portugal, 16 de Novembro, ruas de Óbidos, Arsenal, avenida Bernardo Sayão, a destino;
E. Marex – Felipe Patroni e Telégrafo farão: avenida 16 de Novembro, rua Gama Abreu, a destino.
Ceasa – Ver-o-Peso, no sentido centro/bairro fará: Avenida Portugal, rua Inácio Guilhon, avenida 16 de Novembro, rua de Òbidos, rua do Arsenal, avenida Bernardo Sayão, rua Engenheiro Fernando Guilhon, avenida Roberto  Camelier e avenida  Bernardo Sayão a destino.
EstruturaEste ano serão dois trios animando os foliões e, de acordo com informações do presidente da liga dos blocos de pré-carnaval da Cidade Velha, Fabiano Scherer, os trios não terão sons laterais, visando a preservação do patrimônio histórico da área. Já em relação a estrutura da festa, Fabiano afirma que foi ampliada a quantidade de banheiros químicos ao longo do percurso, bem como as defensas (grades de proteção dos prédios históricos), e será feito um controle mais rigoroso com apoio de seguranças particulares.
“A Prefeitura como sempre tem um papel primordial na realização deste evento, por nos dar as licenças e apoio por meio das secretarias, que este ano vão disponibilizar também, três barracas e 30 pessoas de apoio da Defesa Civil do município”, destacou Fabiano.
A concentração será em frente à Igreja da Sé, a partir das 14h é o encerramento às 18h.
Foto: Divulgação / Prefeitura de Belém
Programação Completa
Sábado - 06/01 – 15h
Bloco do I Love – Jammil, I Love Pagode e Baladeros
Domingo - 07/01 – 15h
Bloco Fofó do Lino - Betinho Souza
Bloco Fofó de Belém - Eloi Iglesias
Sábado - 13/01 – 15h
Bloco Kalango - Ricardo Chaves, Jeff Moraes, Karol Diva e São Dois
Bloco Largadinho - Pabllo Vittar, Manu, Os Largadinhos, Jeito Inocente, The Morô, Beto e Naldo e Mizerê
Domingo - 14/01 – 15h
Bloco do Trio - É o Tchan, I Love Pagode, Baladeros e Mizerê
Bloco Fofó do Lino - Betinho Souza
Bloco Fofó de Belém - Eloi Iglesias
Sábado - 20/01 – 15h
Bloco Amor de Carnaval - Fica Comigo, Gigga, Rafa M, Baladeros, Nosso Tom e Jeff Moraes
Bloco Los Primos - Chicaramba, Banda Amazonas, FB Mania, Forró Nu 12 e Breno Tilman
Domingo - 21/01 – 15h
Bloco Axé Pra Recordar - Denny Denan, Tonynho & Banda, Mizerê e Banda Pirô
Bloco Fofó do Lino - Betinho Souza
Bloco Fofó de Belém - Eloi Iglesias
Sábado - 27/01 – 15h
Bloco da Diretoria - Zhell Chicleteiro, Patrícia Gomes, Thiago Costa, I Love Pagode e FB Mania
Domingo - 28/01 – 15h
Bloco Bregaço - Joelma, Viviane Batidão e Fruto Sensual
Bloco Fuxico – Banda Bregaço com Jacke Marques
Sábado - 03/02 – 15h
Bloco Amigos do Urubu - Tuca Fernandes, Renatinho da Bahia, Ousadas, Mizerê, Virtudão, Banda Pirô e Batria da Grande Família
Bloco Xibé da Galera - Sambloco, Fanfarra de Ponta e Baile à fantasia
Domingo - 04/02 – 15h
Bloco Kalango Kids (9h) e personagens infantis
Bloco Filhos de Glande – Orquestra Carnafônicas e Convidados
Bloco do Lino - Betinho Souza
Bloco Fofó de Belém - Eloi Iglesias

Confira os eventos de Carnaval que vão bombar em Manaus

O ano mal começou e você já está pensando no agito do Carnaval? Bem, não se preocupe. O Portal Amazônia preparou uma lista com os eventos que vão bombar no período carnavalesco. Confira: 

Banda do DJ Evandro JR
Quando: 6 de janeiro
Onde: Estacionamento do Via Norte
Horário: 17h
Valor: Entrada franca

Feijoada da Bateria Furiosa
Quando: 6 de janeiro
Onde: Cassam Clube Militar, na Avenida Rodrigo Otávio, sn - Aleixo
Horário: 12h
Valor: R$ 40 (camiseta) e R$ 50 (camisa)

Foto: Reprodução/Shutterstock

Bloco do Butiquim

Quando: 20 de janeiro
Onde: Rua Ramos Ferreira, 102 - Bairro Aparecida
Horário: 16h
Valor: R$ 30

Drink it: Esquenta de Carnaval
Quando: 25 de janeiro
Onde: Mais ou menos Bar, na Rua Emílio Moreira, 612 - Praça 14 de Janeiro
Valor: R$ 20

LGBT Folia
Quando: 28 de janeiro
Onde: Avenida 7 de Setembro, sn - Centro (Ao lado da C&A)
Horário: 17h
Valor: Entrada franca

Carnaval Manaus Folia
Quando: 4 de fevereiro
Onde: Rua Poracanam, sn - Cidade Nova (próximo ao lanche Sortidinho)
Valor: R$ 10 (antecipado) e R$ 20 (bilheteria)
Foto: Reprodução/Shutterstock

Bloco dos camisas pretas

Quando: 10 de fevereiro
Onde: Rua José Clemente, sn - Centro
Horário: 15h
Valor: Entrada franca

Carnatrance
Quando: 10 de fevereiro
Onde: Amazonas Dragway, Estrada Manuel Urbano, sn - Iranduba
Horário: 22h
Valor: Entrada franca 

Skarimbloco: Ska & Carimbó
Quando: 10 de fevereiro
Onde: Rua Vinicius de Moura, sn - Centro
Horário: 16h
Valor: Entrada franca

Quer que o Portal Amazônia divulgue o seu evento/bloco de Carnaval? Deixe nos comentários o dia, local, horário e valor da festa que a nossa equipe terá o prazer de acrescentar na lista.