Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Segunda, 10 Mai 2021

Corredor da folia dá lugar a tranquilidade e músicos lembram carnaval em Abaetetuba

Um grupo de amigos decidiu se reunir na via principal da cidade onde, em anos anteriores, se transformava no corredor da folia

Saiba o que abre e o que fecha no período de carnaval em Rondônia

Segundo a Fecomércio, nos municípios onde não foi decretado feriado e demais restrições, o comércio deve abrir as portas e funcionar normalmente

Transmissão de carnaval ao vivo com show de escolas de samba é cancelada no Amapá

A suspensão atendeu recomendação do MP para que sejam canceladas todas as atividades carnavalescas no período de vigência do decreto do governo do Amapá

Arcon fiscaliza decreto que proíbe viagens entre Belém/Marajó no Carnaval

O decreto proíbe a circulação de passageiros entre Belém e o arquipélago do Marajó, por via terrestre e fluvial, a partir de 0h desta sexta-feira

Para evitar aglomerações, Tocantins não terá ponto facultativo no carnaval

As comemorações de carnaval já estavam proibidas pelo Poder Público

Ilhas e distritos de Belém recebem programação do carnaval 2020, a partir deste sábado

A programação gratuita conta com as apresentações dos blocos carnavalescos e o desfile das escolas de samba.

MT Hemocentro alerta para necessidade de repor estoque de sangue em janeiro

O MT Hemocentro, único banco de sangue público de Mato Grosso, alerta a população para a necessidade de repor o estoque de sangue neste mês de janeiro, quando ocorre queda nas doações voluntárias em razão do período de férias. Até o dia 8 deste mês, a média geral de queda no estoque é de 45%.



O percentual de redução varia de acordo com o tipo sanguíneo, mas a queda registrada no estoque estratégico chega a 70%. As maiores reduções são dos estoques do tipo A negativo, com menos 70%, e AB negativo, com menos 66%.



A diretora da unidade especializada, Gian Carla Zanela, explica que a doação de sangue deve ser voluntária, o que exige da sociedade o senso de solidariedade e de compromisso com a causa de salvar vidas.


 
Foto: Reprodução/Shutterstock

“Este período de férias e recessos é muito crítico para o banco de sangue. A queda na quantidade de doação é muito expressiva e, no entanto, a demanda por bolsa de sangue para abastecer os hospitais e prontos-socorros públicos não diminui, pelo contrário, aumenta devido ao crescimento de ocorrências de acidentes, principalmente, de trânsito. O MT Hemocentro é a única referência estadual em transfusão de sangue pelo Sistema Único de Saúde (SUS), sendo responsável por repor o estoque diário das unidades da rede pública de saúde nos municípios e na capital. Não podemos ficar sem doações”, enfatiza a diretora.



Serviço




Em janeiro, uma campanha em parceria com a sociedade está sendo realizada. Neste mês, é previsto o comparecimento de uma equipe de 120 policiais rodoviários federais no MT Hemocentro para fazer a doação de sangue; além dos doadores cadastrados e já fidelizados.



O MT Hemocentro tem capacidade para captar 150 doações por dia, o que assegura uma estabilidade no estoque de bolsa de sangue para atender a população. As doações de sangue e o agendamento de campanhas de doação podem ser feitas nas 16 unidades de coleta existentes nos municípios e, na capital, o doador pode procurar as seguintes unidades:



MT HEMOCENTRO - Banco de Sangue Público de Mato Grosso

Sede: Rua 13 de Junho, 1055. Porto. Cuiabá - MT.
Tel.: (65) 3623-0044 ramal 220 / 221 / 225

Horário de Funcionamento: segunda a sexta-feira, das 07h30 às 17h30.



Unidade de Coleta do Pronto Socorro Municipal de Cuiabá

Rua General Vale 182. Bandeirantes. Cuiabá - MT.

Horário de Funcionamento: segunda a sexta-feira, de 08h as 12h e de 13h as 16h00.

Operação de Carnaval do Procon Pará inicia ações de fiscalização

O Procon Pará, vinculado à Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), iniciou a Operação de Carnaval, que já fiscaliza pontos localizados na capital do Estado, diante da grande procura dos brincantes por passagens aéreas, hospedagens, abadás e ingressos para camarotes. O objetivo principal é verificar se os locais de venda estão atuando de acordo com o Código de Defesa do Consumidor.



Neste primeiro momento, equipes de fiscais começam a entregar recomendações técnicas para que os responsáveis levem as informações necessárias para os brincantes. Algumas delas são: se o consumidor tem direito a algo durante a permanência no bloco, a posição em que poderá ficar, preços que devem estar de forma clara e precisa, a política de troca em caso de defeito e a presença do Código de Defesa do Consumidor.

Foto: Divulgação

“Nós já iniciamos a fiscalização de forma preventiva nos postos de vendas, orientando os responsáveis a se adequarem quanto à legislação”, explicou o agente do Procon Pará, Edson Costa.
Segundo a coordenadora de Fiscalização do órgão, Ágatha Barra, o Procon agendou uma reunião com representantes da Liga dos Blocos de Carnaval, que tem mais de 20 blocos de rua. “Nós queremos fazer essa reunião, justamente, para ajustar e esclarecer possíveis dúvidas dos representantes da Liga de Blocos sobre atuarem de acordo com a legislação”, ressaltou a coordenadora.


AlertaOs foliões precisam se atentar para os valores cobrados no ato da compra, pois podem ser diferentes para cada forma de pagamento, além de saber sobre troca de abadás, em caso de defeito e ao que o passaporte dá direito.



A operação vai ocorrer durante este período de pré–carnaval. O consumidor que já adquiriu o passaporte para a folia, mas esteja se sentindo lesado, deve procurar a sede do Procon, localizada na travessa Lomas Valentinas, n. 1.150 ou ligar para o número 151.

Prefeitura alerta organizadores de bandas carnavalescas para regularização ambiental na Semmas

A Prefeitura de Manaus faz um alerta aos organizadores de bandas e eventos carnavalescos para que se regularizem junto ao órgão ambiental do município, a fim de evitar transtornos durante a festa. A autorização para uso de som, fornecida pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), é condicionante para a realização das festas em ruas, praças e clubes. O pedido deve ser feito com o máximo de antecedência. Este ano, o órgão emitiu apenas quatro autorizações.


Foto: Divulgação

A obrigatoriedade da licença é prevista na Lei 1.817, de 23 de dezembro de 2013, que instituiu o “licenciamento ambiental dos empreendimentos ou atividades, efetiva ou potencialmente poluidores ou capazes, sob qualquer forma, de causar degradação ambiental de âmbito local”. Para eventos de 1 a 3 dias de duração, a lei prevê ainda o pagamento de 2 UFMs (Unidade Fiscal do Município), o equivalente a R$ 185,94. No caso de eventos mais longos, é cobrada 1 UFM (R$ 92,97) por cada dia excedente.


As taxas de licenciamento ambiental são recolhidas ao Fundo Municipal para o Desenvolvimento do Meio Ambiente (FMDMA).
As bandas devem se regularizar também junto ao Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU) – Gestão de Trânsito e Gestão de Transportes Urbanos, Vigilância Sanitária Municipal (Visa Manaus), Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Eletrobrás Amazonas Energia. Além de autorizar o uso do som, a Semmas fiscaliza o cumprimento das exigências da licença emitida para o evento.


O processo é simples, mas é importante que não se deixe para dar entrada aos pedidos na última hora.
Os organizadores de festas devem procurar a sede da Semmas, na rua Rubídio, nº 288, Vila da Prata, levando o requerimento padrão preenchido, anexando o comprovante de pagamento da taxa de serviço, croqui de localização do evento, abaixo-assinado com nome, endereço, número do documento de identidade e assinatura dos moradores do entorno e a especificação sonora, com os equipamentos a serem utilizados no evento.




Durante o período de festas carnavalescas, os plantões da fiscalização são intensificados por meio da Central Integrada de Ficalização (CIF), do Centro de Controle e Comando Integrado (CICC). As bandas não podem extrapolar o que foi determinado na licença.

Kamélia chega no sábado para abrir oficialmente o Carnaval amazonense

Patrimônio cultural imaterial do Estado do Amazonas, a boneca mais famosa e símbolo do Carnaval de Manaus, a Kamélia chega neste sábado, (4), às 20h52, para abrir oficialmente a temporada das folias momescas da capital amazonense.



Vinda de Salvador, capital da Bahia de Todos os Santos, a boneca será recepcionada no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, Tarumã, zona Oeste, onde recebe as chaves da cidade e, de lá, em carreata, segue para a sede do Olímpico Clube, em Presidente Vargas, zona Centro-Sul, onde dará início à 80ª edição do tradicional “Baile da Chegada da Kamélia”.



Entre as atrações confirmadas estão Rosivaldo e o metais de Olinda, Bateria Feminina Salto Fino, Bateria da Vitória-Regia, Bateria de A Grande Família e uma convidada especial. “Será a grande surpresa da noite, conhecida no carnaval de Manaus”, adianta o presidente do Conselho do Olímpico Clube e presidente da Diretoria do Grêmio Recreativo Escola de Samba Império da Kamélia, Almerinho Botelho.

Ingressos e mesas podem ser adquiridos na secretaria do clube, através do telefone 98466-7774.

Foto: Divulgação



80 anos de tradição



Este ano, a boneca Kamélia está comemorando 80 anos. Sua primeira aparição ocorreu no tradicional Bar Avenida, localizado, à época, na esquina da Av. Eduardo Ribeiro com a Rua Saldanha Marinho, no Centro Histórico de Manaus. Na ocasião, a boneca possuía apenas 75 cm e tinha sido comprada na Bahia por um dirigente do Olímpico Clube, que decidiu levá-la para o Carnaval.



Em convite especial aos foliões, Almerinho Botelho, conta que a Boneca Kamélia foi criada inspirada na famosa marchinha “Jardineira”, de Benedito Lacerda.



Ainda de acordo com Almerinho, o Baile da Chegada da Kamélia tem a finalidade de manter a tradição dos antigos carnavais de salão. “Em nossos bailes você só dançará ao som de marchinhas, frevos e muito samba”, adianta.

Cinco blocos de Carnaval animarão as ruas no fim de semana, em Manaus

Os foliões que não querem se despedir do Carnaval de Rua de Manaus ainda poderão cair na folia, desta sexta-feira, (15), até o domingo (17), em cinco bandas e blocos apoiados pela Prefeitura de Manaus, nas zonas Norte, Sul e Oeste.


Na programação, estão Banda do Fla Jorge (zona Oeste), Banda dos Sapeka (zona Norte), Banda Carnavalesca Patrões da Elyte (zona Norte), Bloco Dom da Zoeira (zona Norte) e Bloco na Rua (zona Sul). Este é o penúltimo fim de semana das bandas e blocos.
Trazendo o tema “Diga não à violência doméstica”, a Banda dos Sapeka, que ocorre nesta sexta-feira 15/3, na rua Canário, bairro Cidade de Deus 2, abre espaço para a reflexão. Com início às 18h, os grupos Juninho Toca Mais e Jucynha Kero Kero levarão para o público os ritmos de forró, swingueira, axé, marchinhas e outros estilos.


Foto: Divulgação

Já no sábado, (16), a 10ª edição da Banda do Fla Jorge, que une foliões, amigos e torcedores do time de futebol Flamengo, terá início às 14h, na rua Edson Stanislau Afonso, n° 144, bairro São Jorge. Animando a folia, a Bateria Dragões do Império e o DJ Jeronimo já estão confirmados para o dia.

Ainda durante a tarde de sábado, a partir das 16h, a Banda Carnavalesca Patrões da Elyte fará a festa na rua Japiim, bairro Cidade de Deus, e, simultaneamente, o Bloco Dom da Zoeira tomará conta dos embalos carnavalescos na avenida Amazonino Mendes, bairro Santa Etelvina.

No domingo, (17), fechando a programação do fim de semana, o Bloco na Rua está agendado para começar às 16h20, na avenida Eduardo Ribeiro, bairro Centro.

Com o apoio da Prefeitura de Manaus, por meio da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), o Carnaval de Rua de Manaus continuará até o dia 24 de março, quando, até então, terão sido realizadas 110 bandas e blocos de rua. 

Bandas e blocos pós-carnaval saem às ruas neste final de semana, em Manaus

A folia momesca ainda não acabou e a programação do Carnaval de Rua de Manaus seguirá até o fim do mês de março. E neste fim de semana acontecerão sete bandas e blocos, entre elas a 7ª Banda Só Fuleiros, Bloco do Litrão, Bloco Tira Ressaca Vai que Cola, Banda da Marechal e 13º Bloco do Feijão do Zumbi dos Palmares 3, em diferentes zonas da cidade.

Iniciando a festa às 13h, neste sábado (9), a “7ª Banda Só Fuleiros” acontecerá na rua 59, no bairro Cidade Nova, zona Norte. Simultaneamente, o “Bloco Tira Ressaca Vai que Cola” ocorrerá na rua Teixeira de Queiroz, no Zumbi, zona Leste, e seguindo o mesmo horário de abertura da folia, o “Bloco Amigos da Zuíla” festejará na rua Mayouruna, bairro Alvorada, zona Centro-Oeste.

Foto: Divulgação/Prefeitura de Manaus
Na zona Oeste, a folia será na Compensa 1, com o “Bloco do Litrão”, que começará às 14h, e contará com show da Banda Impakto. “Desde dezembro do ano passado, as pessoas ficam empolgadas e já começam a perguntar se nosso bloco vai acontecer. Anos atrás, esse bloco acontecia na garagem da minha casa, no bairro Compensa, mas acabou crescendo e este ano teremos a 8ª edição”, destacou Nilton Correia, um dos organizadores do bloco.

Domingo

Na manhã deste domingo (10), o Carnaval iniciará por volta de 11h com a “Banda do Pangaré Gaiato e Enxerido”, na avenida Leopoldo Peres, bairro Educandos, zona Sul. E, na tarde do mesmo dia, a “Banda da Marechal” chegará a sua 12ª edição, trazendo os grupos Feras do Forró, Rabo de Vaca e Dennys Salvador na programação.

“A festa vai começar às 14h, e ao longo da tarde as atrações musicais tocarão forró, swingueira, marchinhas, hits de carnaval e demais estilos musicais. Estamos com uma estimativa de público de 500 foliões”, declarou.

Foto: Divulgação/Prefeitura de Manaus
E fechando a programação de domingo, os embalos de Carnaval ficarão por conta do “13º Bloco do Feijão do Zumbi dos Palmares 3”, que terá início às 15h, na rua Bom Jesus, bairro Zumbi dos Palmares 3, zona Leste.

'Bloco das Mana' agita fim de semana em Porto Velho

O quê: Bloco das Mana, com DJ's Jhon, Senses, Gabs e Caliel
Quando: 10 de março (domingo)
Onde: Chico Eventos - Estrada da Penal, 5445 - Bairro Rio Madeira
Horário: A partir das 15h
Valor: R$ 30



Foto: Reprodução/Shutterstock

Fã da Globo, criança com autismo se fantasia de jornalista no Amapá

João Pedro Coutinho da Silva sabe o que deseja ser quando crescer desde os dois anos, quando foi diagnosticado portador de autismo: jornalista. Atualmente, aos 7 anos, o menino tem uma série de vídeos gravados e divulgados no Facebook pela mãe, todos inspirados no telejornalismo da Rede Amazônica, afiliada da Rede Globo no Amapá. De acordo com o G1 Amapá, a paixão é tamanha que, neste Carnaval, ele pediu aos pais uma fantasia de repórter.

Mas o pedido foi bem específico, tinha que ser do jeito que ele queria, com os logos de Carnaval da Rede Globo e também da Rede Amazônica. João disse aos pais que tinha um motivo muito importante para a ocasião: ele precisava fazer a cobertura da festinha à fantasia da escola dele, onde estuda o 2º ano do ensino fundamental. E assim ocorreu.

João Pedro Coutinho da Silva, de 7 anos, é fã da Rede Globo e quer ser jornalista — Foto: Rita Torrinha/G1

“Ele disse que queria sair de ‘Globeleza’. A gente não havia entendido, mas ele desenhou a blusa. Ele escolheu tudo e disse onde tinha que ficar cada logo. Pediu também câmera e microfone. A tia dele fez a câmera e eu o microfone, mas eu tive que fazer três vezes porque ele é muito exigente e observa os detalhes. O meu irmão mandou fazer o bordado”, conta a mãe do menino, Eloane Coutinho, de 36 anos.

Eloane e o marido, Odinelson Pinheiro, de 38 anos, são professores da rede pública de ensino. Eles contam que João foi diagnosticado com autismo de alta funcionalidade. Ele é hiperlexo, que é a habilidade de aprender e decodificar símbolos. Com esse dom, os pais decidiram incentivar o filho e usar esse interesse como terapia.

“Ele aprendeu a ler sozinho aos dois anos. Ele lia um parágrafo inteiro, mas não conseguia formar uma frase num diálogo, conversar. A comunicação é o hiperfoco dele e a gente aproveitou isso para usar no tratamento dele, e tem dado muito certo”, detalhou.

João sonha em ser jornalista da TV Globo — Foto: Eloane Coutinho/Reprodução Facebook

João não perde um telejornal. O que ele mais gosta é do JAP1, transmitido diariamente ao meio-dia. Isso porque ele é fã da apresentadora Aline Ferreira. Os pais falam que ele conhece todos os apresentadores e repórteres, além de saber o nome de todas as emissoras afiliadas da Globo. Ele também faz a mãe e o pai assistirem aos programas.

“Ele assiste todos os dias o JAP1 e faz a gente assistir, quando a gente vira um pouco, ele puxa o nosso rosto para prestarmos atenção. Ele diz que vai ser jornalista. Desde os dois anos que ele tem essa questão de gravar. Ele baixa os aplicativos e ele mesmo grava, faz as vinhetas e edita”, completa o pai.

 João se encanta ao ver uma filmadora profissional nas mãos do cinegrafista Wesley Abreu — Foto: Rita Torrinha/Rede Amazônia

No primeiro contato, João fala muito pouco, mas ao ser perguntado sobre o que mais gostava nos jornais da rede, ele falou baixinho: “da Aline Ferreira, Salgado Neto, Elyerge Paes, o G1, o portal da Globo, é meu preferido”.

Em 2018 João conheceu a sede da emissora amapaense, visitou os estúdios, conheceu a apresentadora Aline Ferreira e tirou muitas fotos na bancada do jornalismo e com os jornalistas da casa.

Se ele seguirá a carreira de jornalista, somente o tempo vai revelar. Por enquanto, o que os pais querem é ver o filho feliz, realizado no presente e continuando a ser uma criança como todas as outras, cheias de sonhos e realizações.

Gang do Eletro traz irreverência do eletromelody para o Carnaval de Manaus

Eletromelody, é um som peculiar que vem do Pará, e vai fazer a capital amazonense 'tremer' neste segunda-feira, (4), com o show do grupo paraense 'Gang do Eletro', durante o Bloco Cauxi Eletrizado 2019. Em entrevista ao Portal Amazônia, o DJ Waldo Squash, que integra o grupo, falou sobre a apresentação e o repertório que trouxe para o Carnaval de Manaus.

Criado em 2008, o 'Grang do Eletro' ganhou destaque no Pará. Com uma musicalidade espontânea, letras chamativas e coreografias diferentes, os hits  foram parar nas novelas globais, como 'Malhação' e 'A Regra do Jogo'. Em 2018, através de um comunicado nas redes sociais, um dos integranres, a cantora Keila Gentil, informou a saída do grupo.


Foto: Divulgação

Ainda no mesmo ano, o trio remanescente da Gang do Eletro – Will Love, Marcos Maderito e Waldo Squash – se apresentou na Alemanha com a participação de Nanna Reis, no lugar de Keila. 

O DJ Waldo garante que o eletromelody é um ritmo usado em qualquer época do ano, principalmente, no Carnaval, momento de festa e alegria em todo o Brasil. "É gratificante circular o país para mostrar essa vertente da música amazônida que nasceu na periferia do Pará, e que tanto nos representa. Já tocamos no Carnaval de Pernambuco, Ceará e Bahia, e agora, viemos fazer o Amazonas tremer", afirmou. 

Ouça um dos sucessos da Gang do Eletro:



Em Manaus, a Gang do Eletro vai contar com um apoio de peso, os cantores Juca Culatra e Thais Badu. “São pessoas que estão por dentro dos ritmos do Pará. Após a saída de Keila, a gente chama pessoas que possam agregar ao nosso som e que gostem de 'tremer'. Tenho certeza que o público vai aprovar essa mistura, ainda mais relembrando as canções de pessoas que fizeram história na música paraense”, destacou Waldo. 

Na opinião de Waldo, o Carnaval deixou de ser apenas samba. “Não é mais uma festa clichê, você percebe isso, principalmente em festas de rua. Temos uma sonoridade mais diversificada”, explicou. Sobre o repertório que apresentará no Cauxi, a 'Gang do Eletro' mostrará os hits da carreira, como os sucessos 'Galera da Laje', 'Velocidade do Eletro', 'Só no Charminho', mas também relembrará canções que marcaram o brega no Pará, incluindo as músicas 'Gererê' e 'No Formato do Meio'. 

Bloco do Cauxi

Quer ouvir a sonoridade paraense? A edição 2019 do Bloco Cauxi Eletrizado acontece neste segunda-feira (4), a partir das 16h. Além da Gang do Eletro, o evento contará com a participação da bateria da Mocidade Independente de Aparecida, Alaídenegão, Cabocrioulo, Os Tucumanus e DJ Tubarão. Na bilheteria, o ingresso custará R$ 40.

Reino Unido da Liberdade é tetracampeã do grupo especial de Manaus

Com o tema 'Tambores, crenças e costumes afro-brasileiros, a benção de mãe Zulmira', a Reino unido da Liberdade se consagrou tetracampeã do Grupo Especial do Carnaval de Manaus. Segundo a apuração oficial divulgada nesta segunda-feira (4), a escola do Bairro Morro da Liberdade conseguiu o total de 179,90 pontos. As agremiações Grande Família e a Mocidade Independente de Aparecida, ficaram em segundo e terceiro lugar, respectivamente. 

Já era madrugada de domingo, (3), quando a Reino Unido da Liberdade “desceu o morro”, espalhou axé e tomou conta da Avenida do Samba, cantando um enredo que retratou a grandeza da influência africana no processo de formação da cultura afro-brasileira. A apresentação comemorou os 30 anos da primeira vitória da escola no Grupo Especial, quando, à época, apresentou o enredo “Mãe Zulmira – Amanhecer de uma raça”.

Foto: Fran Cardoso/Rede Amazônica

Com a arquibancada completamente tomada pelos torcedores, na avenida, mais de 3,8 mil brincantes representaram a escola que conquistou o tetracampeonato. A dor e sofrimento foram representados pela comissão de frente, que encenou a chegada ao Brasil em navios negreiros e a luta contra a escravidão. A partir daí, a história passa a ser contada sob o prisma da herança cultural.

O carro abre-alas representou a miscigenação e as fazendas. O segundo carro mostrou a diversidade culinária, vestuário e linguagem. As festas populares afro-brasileiras vieram no terceiro carro, seguido do templo religioso em homenagem a mãe Zulmira. “Sob a benção da mãe Zulmira vamos fazer um excelente Carnaval”, vibrou o presidente da Reino Unido da Liberdade, Reginei Rodrigues, minutos antes da escola incendiar a avenida.

Agências bancárias só voltam a abrir na quarta-feira às 12h

Sexta-feira (1º), véspera de feriado prolongado de Carnaval, foi o último dia de funcionamento normal dos bancos. A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) informa que as agências bancárias estarão fechadas para atendimento ao público na segunda-feira (4) e na terça-feira (5). Na quarta-feira de cinzas (06), os bancos abrirão a partir do meio-dia, com exceção do estado do Rio de Janeiro no qual, em função da Lei 8217 que estabelece feriado estadual, não há expediente em 6 de março.

A entidade lembra que a população pode utilizar os canais eletrônicos e correspondentes para o pagamento das contas. Além disso, os tributos que possuem código de barras podem ter o seu pagamento agendado nos caixas eletrônicos, no internet banking e pelo atendimento telefônico dos bancos. Já os boletos bancários de clientes cadastrados como sacados eletrônicos poderão ser pagos via DDA (Débito Direto Autorizado).

As contas de consumo (água, energia, telefone etc.) e carnês com vencimento em 4 ou 5 de março poderão ser pagas, sem acréscimo, na quarta-feira (6). Normalmente, os tributos já vêm com datas ajustadas ao calendário de feriados nacionais, estaduais e municipais. Caso isso não tenha ocorrido no documento de arrecadação, a sugestão é antecipar o pagamento.

Já para aqueles clientes que passarão a semana inteira viajando e não dispensam a ida a uma agência, é possível consultar o endereço dos bancos no site Busca Banco da Febraban. Basta acessar o link www.buscabanco.com.br e fazer a busca de acordo com o Estado e município desejado.
 

Prefeitura cancela carnaval para investir em melhorias do município de Tarauacá

Com recurso de R$ 100 mil para festa, a Prefeitura de Tarauacá, interior do Acre, cancelou o carnaval 2019 para investir o dinheiro em melhorias na cidade. A decisão foi tomada durante uma reunião com a prefeita Marilete Vitorino e os presidentes de bairros do município.

De acordo com o G1 Acre, o assessor da prefeitura Gilson Amorim falou que essas melhorias incluem tapar buracos, arrumar ruas e calçadas da cidade, entre outras.







“Não vamos fazer o carnaval, foi feita uma reunião com todos os presidentes de bairros, a prefeita pediu a opinião deles, e concordaram em pegar esse recurso e investir na infraestrutura da cidade. Entendemos que no momento o município precisa melhorar a infraestrutura", destacou.


O assessor acrescentou que o dinheiro é recurso próprio do município. A verba seria gasta com segurança, aluguel de palco, bandas, entre outras coisas para a festa popular. "A iniciativa privada vai fazer a festa. Estão se organizando e vão realizar", confirmou.

Hamburgueria de Manaus aposta em sanduíches com nomes de blocos e bandas

Com as festividades do Carnaval se aproximando, o empresário Thiago Rodrigues, decidiu criar combos de hambúrgueres que homenageiam blocos e bandas de Manaus. Segundo Rodrigues, a ideia surgiu como forma de homenagear os eventos carnavalescos que acontecem nos principais bairros que o empreendimento atende.

A promoção segue até o dia 28 de fevereiro, e entre as opções, os clientes podem degustar os combos do 'Bloco das Pirinhas', 'Banda do Pepety', 'Bloco do P10', 'Bloco do Caldeira', 'Bloco do Infiéis', 'Banda do Galo', 'Banda da Bica', 'Banda Cintura de Quibe' e 'Banda do Manôa'.


Foto: Divulgação

Essa não é a primeira vez que o empresário aposta em combos temáticos para chamar a atenção dos clientes. Em 2018, ele criou sanduíches com as cores dos bumbás de Parintins, Garantido e Caprichoso. Já no Halloween, eles apostou em pães pretos e fez sucesso. No início deste ano, a Hamburgueria do jovem iniciou uma disputa onde os internautas tiveram a oportunidade de criar seu próprio hambúrguer.

Para Rodrigues, os empresários de Manaus precisam conhecer seu público-alvo, e a partir disso, desenvolver um laço para fidelizá-lo. “Tudo o que faço é pensando no engajamento dos meus clientes. ”O marketing sazonal é muito interessante, pois, engaja bastante o publico. O negócio é trazer promoções, e dessa forma, aumentar o faturamento. Todo mundo sai ganhando”, explicou.

Ficou curioso e quer experimentar os combos que levam os nomes dos bloquinhos de Manaus? Você pode seguir a hamburgueria de Thiago nas redes sociais para saber de todas as novidades. 

Festas pré-carnaval antecipam folia em Boa Vista; veja opções

A folia para o Carnaval 2019 em Boa Vista já começou e os preparativos estão a todo vapor. Confira uma lista que inclui blocos de rua e festas privadas que prometem aquecer os foliões na capital. As atrações ficam por conta de bandas e DJs locais.

Um dos destaques da programação é o Baile da Hayub, que acontece no sábado (23), na Ícone Club. Na festa, será feito o lançamento do Bloco do Arco-íris, voltado para o público LGBTQ+.

Outro destaque é a realização do último ensaio do Bloco do Mujica, que ocorre neste domingo (24).


Foto: Divulgação

Este ano, o carnaval de blocos organizado pela Prefeitura de Boa Vista ocorre entre os dias 1º e 5 de março. A programação ainda não foi divulgada.

Programação completa do pré-carnaval em Boa 

1° Grito de Carnaval do Sant’Ana
Quando: sexta (22), a partir das 23h
Onde: Av. Ville roy, 4322 - Aparecida
Atrações: Juninho e Banda, Xote de Buteco, Back Country, Dj Stay Box, Ném Ventura e Pagode com Stylo
Valor: R$ 30

Império da Folia
Quando: sexta (22), a partir das 21h30
Onde: Ville Garden, Caçari
Atrações: Banda Fuzuêra, Ném Ventura e DJ Andrezinho
Valor: abadás a partir de R$ 100

Bloquinho da Naipe
Quando: sábado (23), a partir das 18h
Onde: Av. Ville Roy, 4293, Canarinho
Atrações: Back Country, Marcio Alexandre, Gustavo e Alexandre, Xote de Buteco, Djs Andrezinho, Estrela e Andmix
Valor: abadás a partir de R$ 40

Oriental Folia
Quando: sábado (23), a partir das 16h
Onde: Rua Araújo Filho, Centro
Atrações: Climatizando, Juninho Pegada, Remela de Gato, Dj Andrezinho
Valor: abadás a partir de R$ 60

Baile da Hayub
Quando: sábado (23), a partir das 23h
Onde: Ícone Club, Araújo Filho, Centro
Atrações: Hayub Thomé, DYO, Mateus Forte, Lukas Vitar e Natus Vince
Valor: a partir de R$ 10

Bloco da Resenha
Quando: domingo (24), a partir das 13h
Onde: D’Rosi Eventos
Atrações: Banda Fuzuêra, Juninho Pegada, Ousadia na Pegada, Bateria de Samba do Mestre Mozinho e DJ Estrela
Valor: abadás a partir de R$ 120

Bloco do Mujica
Quando: domingo (24), a partir das 18h
Onde: Espaço Paricá, RB- 174, Aeroporto
Atrações: Jamrock, George Farias, Neuber Uchôa, Lucas Silva e Trio de sopro composto por Aníbal Palomo, Reni e Omar
Valor: R$ 15