Publicidade

Cidades

Home > Noticias > null

Tráfego de caminhões em trecho da BR-163, no Pará, está liberado, diz ministro

De acordo com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, a fila de caminhões deve ser zerada até o final do dia

Portal Amazônia, com informações da Agência Brasil

jornalismo@portalamazonia.com


O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, disse nesta quinta-feira (7) que o tráfego de caminhões no trecho da BR-163, no sentido do Porto de Miritituba (PA), está liberado nos dois sentidos. A BR-163 é uma das principais vias de acesso aos portos do chamado Arco Norte, utilizado para a exportação de soja e milho do país.

De acordo com o ministro, a fila de caminhões deve ser zerada até o final do dia. “Expectativa é zerar a fila de caminhões até o fim desta quinta, 24 horas antes do previsto”, informou o ministro por meio de uma rede social.
 
 
Foto: Divulgação/Dnit
 
A via estava fechada nos últimos dias em razão de fortes chuvas na região. Há atualmente dois trechos da rodovia que não estão asfaltados: um de 51 km que chega a Miritituba (PA) e outro de 58 km que leva a Santarém (PA).

Na quarta-feira (6), o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) informou que a BR-163 continuaria bloqueada até amanhã (8). De acordo com o órgão, as ações de reparo da estrada se concentraram em dois pontos críticos: na região da Serra da Santinha e na encosta norte da Serra da Anita, no Pará.
 
Cidades

Tráfego de caminhões em trecho da BR-163, no Pará, está liberado, diz ministro

De acordo com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, a fila de caminhões deve ser zerada até o final do dia

Portal Amazônia, com informações da Agência Brasil

jornalismo@portalamazonia.com


O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, disse nesta quinta-feira (7) que o tráfego de caminhões no trecho da BR-163, no sentido do Porto de Miritituba (PA), está liberado nos dois sentidos. A BR-163 é uma das principais vias de acesso aos portos do chamado Arco Norte, utilizado para a exportação de soja e milho do país.

De acordo com o ministro, a fila de caminhões deve ser zerada até o final do dia. “Expectativa é zerar a fila de caminhões até o fim desta quinta, 24 horas antes do previsto”, informou o ministro por meio de uma rede social.
 
 
Foto: Divulgação/Dnit
 
A via estava fechada nos últimos dias em razão de fortes chuvas na região. Há atualmente dois trechos da rodovia que não estão asfaltados: um de 51 km que chega a Miritituba (PA) e outro de 58 km que leva a Santarém (PA).

Na quarta-feira (6), o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) informou que a BR-163 continuaria bloqueada até amanhã (8). De acordo com o órgão, as ações de reparo da estrada se concentraram em dois pontos críticos: na região da Serra da Santinha e na encosta norte da Serra da Anita, no Pará.
 

TAG BR-163