Cidades

Sucuri de 10 metros é flagrada próximo de igarapé no Acre; confira vídeo

Segundo o fazendeiro, dono da propriedade onde a cobra foi encontrada, são pelo menos duas sucuris do mesmo porte na área.


Uma sucuri assustou trabalhadores de uma fazenda no interior do Acre. O animal foi flagrado próximo a um igarapé, altura doo quilômetro 100 da BR-364, na cidade de Sena Madureira, distante cerca de 143 quilômetros da capital Rio Branco. 
 
Foto: Divulgação
 
Segundo o major Cláudio Falcão do Corpo de Bombeiros do Acre, a cobra está na fase adulta e mede cerca de dez metros. E orienta para que as pessoas tenham cuidado ao se aproximar da área.

“Especificamente no caso dessas serpentes sucuris, que são animais aquáticos de grande porte, é um risco muito grande para as pessoas que se aventuram nesses locais. A melhor coisa é procurar local seguro, mesmo que seja um igarapé, que seja preparado previamente, como um balneário. No caso de se deparar com um animal desse, a pessoa deve se afastar imediatamente, já que o animal vai se sentir ameaçado e vai se defender. Também, não se deve tentar tirar a vida do animal, o mais correto é se afastar rapidamente”, disse.

A cobra foi encontrada por um dos trabalhadores da propriedade do fazendeiro Said Elias, que afirma ter outra do mesmo tamanho em sua propriedade.

Em entrevista ao G1 Acre, o fazendeiro conta que ficou sabendo das cobras a cerca de 2 meses e em função dessa presença teve que afastar o gado e colocar cerca para que os animais não sejam capturados pelas cobras.

“Esse local fica bem próximo à estrada. Às vezes as pessoas passam e vêm elas nessa área que é alagadiça. É o ambiente delas mesmo, sei que existem duas por lá. As pessoas costumam se banhar nesse local, mas, como já sabemos dessas cobras, sempre avisamos do perigo. Eu mesmo tomava banho lá antes de saber”, disse.

Um dos trabalhadores do fazendeiro gravou um vídeo em que aparece uma das cobras. Confira:




Cidades

Home > Noticias > null

Sucuri de 10 metros é flagrada próximo de igarapé no Acre; confira vídeo

Segundo o fazendeiro, dono da propriedade onde a cobra foi encontrada, são pelo menos duas sucuris do mesmo porte na área.

Redação

jornalismo@portalamazonia.com


Uma sucuri assustou trabalhadores de uma fazenda no interior do Acre. O animal foi flagrado próximo a um igarapé, altura doo quilômetro 100 da BR-364, na cidade de Sena Madureira, distante cerca de 143 quilômetros da capital Rio Branco. 
 
Foto: Divulgação
 
Segundo o major Cláudio Falcão do Corpo de Bombeiros do Acre, a cobra está na fase adulta e mede cerca de dez metros. E orienta para que as pessoas tenham cuidado ao se aproximar da área.

“Especificamente no caso dessas serpentes sucuris, que são animais aquáticos de grande porte, é um risco muito grande para as pessoas que se aventuram nesses locais. A melhor coisa é procurar local seguro, mesmo que seja um igarapé, que seja preparado previamente, como um balneário. No caso de se deparar com um animal desse, a pessoa deve se afastar imediatamente, já que o animal vai se sentir ameaçado e vai se defender. Também, não se deve tentar tirar a vida do animal, o mais correto é se afastar rapidamente”, disse.

A cobra foi encontrada por um dos trabalhadores da propriedade do fazendeiro Said Elias, que afirma ter outra do mesmo tamanho em sua propriedade.

Em entrevista ao G1 Acre, o fazendeiro conta que ficou sabendo das cobras a cerca de 2 meses e em função dessa presença teve que afastar o gado e colocar cerca para que os animais não sejam capturados pelas cobras.

“Esse local fica bem próximo à estrada. Às vezes as pessoas passam e vêm elas nessa área que é alagadiça. É o ambiente delas mesmo, sei que existem duas por lá. As pessoas costumam se banhar nesse local, mas, como já sabemos dessas cobras, sempre avisamos do perigo. Eu mesmo tomava banho lá antes de saber”, disse.

Um dos trabalhadores do fazendeiro gravou um vídeo em que aparece uma das cobras. Confira:



TAG sucuriacresena madureira