Publicidade

Economia

Home > Noticias > null

Nova edição da Feira da FAS ganha participação de empreendedoras indígenas, em Manaus

Nos dias anteriores à feira, as participantes se reunirão na fundação para compartilhar saberes e fazeres a partir da visão do empreender indígena

Redação

jornalismo@portalamazonia.com


O trabalho artesanal indígena ganhará visibilidade na 14ª Feira da Fundação Amazonas Sustentável (FAS), com a participação de 30 empreendedoras indígenas das regiões do Alto Rio Negro, Alto e Médio Solimões, Baixo Amazonas, Purus, Juruá, Médio Madeira, Manaus e entorno. O evento ocorre dia 11 de agosto, das 8h às 19h, na sede da organização, bairro Parque 10. A entrada é gratuita.


A Feira da FAS busca construir uma “ponte” entre o pequeno empreendedor e o público, bem como estimular o consumo consciente. Nesta edição, em especial, o evento também pretende mostrar para os visitantes o potencial artístico dos povos indígenas, além de fortalecer sua identidade cultural e cidadania através do empreendedorismo.



 

 

   
Foto: Divulgação
 

 


“Iniciativas como essa incentivam a geração de renda entre os povos indígenas. É um espaço de valorização conquistado por eles para apresentar sua cultura”, destaca o coordenador da feira, Cleber Santos.


Ao circular pelo evento, os participantes encontrarão desde produtos do cotidiano indígena até aqueles usados como forma de decoração. As opções incluem utensílios de cerâmica e madeira, colares, brincos, pulseiras, quadros, bolsas, cestos, entre outros. Peças que retratam costumes, tradições e demais referências culturais do Estado, produzidas com matérias-primas locais, manifestando a criatividade e a identidade cultural de cada etnia.


“Diversas etnias, lado a lado, para mostrar e vender o que produzem em suas aldeias, dando visibilidade à arte e à cultura indígena”, enfatiza Santos.




A participação de mulheres indígenas na Feira da FAS é parte da programação do I Encontro de Empreendedoras Indígenas, que será realizado pela Fundação Amazonas Sustentável (FAS) em parceria com a Rede de Mulheres Indígenas do Amazonas – MAKIRA-ËTA, no período de 7 a 11 de agosto.


Nos dias anteriores à feira, as participantes se reunirão na fundação para compartilhar saberes e fazeres a partir da visão do empreender indígena, com a discussão de temas como gestão, produção e comercialização sustentável, fortalecimento institucional, mobilização política, direitos indígenas e desafios.

Economia

Nova edição da Feira da FAS ganha participação de empreendedoras indígenas, em Manaus

Nos dias anteriores à feira, as participantes se reunirão na fundação para compartilhar saberes e fazeres a partir da visão do empreender indígena


O trabalho artesanal indígena ganhará visibilidade na 14ª Feira da Fundação Amazonas Sustentável (FAS), com a participação de 30 empreendedoras indígenas das regiões do Alto Rio Negro, Alto e Médio Solimões, Baixo Amazonas, Purus, Juruá, Médio Madeira, Manaus e entorno. O evento ocorre dia 11 de agosto, das 8h às 19h, na sede da organização, bairro Parque 10. A entrada é gratuita.


A Feira da FAS busca construir uma “ponte” entre o pequeno empreendedor e o público, bem como estimular o consumo consciente. Nesta edição, em especial, o evento também pretende mostrar para os visitantes o potencial artístico dos povos indígenas, além de fortalecer sua identidade cultural e cidadania através do empreendedorismo.



 

 

   
Foto: Divulgação
 

 


“Iniciativas como essa incentivam a geração de renda entre os povos indígenas. É um espaço de valorização conquistado por eles para apresentar sua cultura”, destaca o coordenador da feira, Cleber Santos.


Ao circular pelo evento, os participantes encontrarão desde produtos do cotidiano indígena até aqueles usados como forma de decoração. As opções incluem utensílios de cerâmica e madeira, colares, brincos, pulseiras, quadros, bolsas, cestos, entre outros. Peças que retratam costumes, tradições e demais referências culturais do Estado, produzidas com matérias-primas locais, manifestando a criatividade e a identidade cultural de cada etnia.


“Diversas etnias, lado a lado, para mostrar e vender o que produzem em suas aldeias, dando visibilidade à arte e à cultura indígena”, enfatiza Santos.




A participação de mulheres indígenas na Feira da FAS é parte da programação do I Encontro de Empreendedoras Indígenas, que será realizado pela Fundação Amazonas Sustentável (FAS) em parceria com a Rede de Mulheres Indígenas do Amazonas – MAKIRA-ËTA, no período de 7 a 11 de agosto.


Nos dias anteriores à feira, as participantes se reunirão na fundação para compartilhar saberes e fazeres a partir da visão do empreender indígena, com a discussão de temas como gestão, produção e comercialização sustentável, fortalecimento institucional, mobilização política, direitos indígenas e desafios.


TAG manausamazonasFeira da FASindigenas