Esportes

Estrelas internacionais, desafio de regiões e super luta: tudo sobre a Copa Podio Manaus

Conheça todas as atrações da Copa Podio de Jiu-Jítsu. Evento é no dia 12 de agosto, na Arena Amadeu Teixeira, com transmissão do Amazon Sat


Se no Brasil como um todo proliferam jogadores de futebol, no Amazonas a abundância é de lutadores de jiu-jítsu. Seja na sua família ou entre amigos, dificilmente você que mora em Manaus não conhece alguém que pratique a arte suave. E esta tradição de décadas ganha um novo capítulo no dia 12 de agosto: a capital amazonense recebe a quinta temporada da Copa Podio, um dos maiores eventos mundiais da modalidade. O evento na Arena Amadeu Teixeira terá transmissão exclusiva do canal Amazon Sat e conta com uma série de atrações para os amantes das lutas.

A Copa Podio é pioneira no formato de Grand Prix, que torna o jiu-jítsu um verdadeiro espetáculo esportivo. A competição desembarca em Manaus após passar por Porto Alegre, Buenos Aires, Rio de Janeiro e São Paulo nas temporadas anteriores. Grandes nomes do jiu-jítsu disputam a competição, não apenas do Brasil, mas também da Noruega, Angola, Polônia e Estados Unidos.

"É um evento que abriu portas para a profissionalização do jiu-jítsu. Quando a gente começou, lá em 2011, não havia nenhum evento com este formato", disse o organizador Jeferson Maycá, revelando ainda que é um desejo antigo trazer a Copa Podio para Manaus.


 
Manaus sedia a disputa do Grand Prix dos Pesos Médios. Além dos atletas internacionais e de nomes conhecidos nacionalmente, como Kywan Gracie e Fellipe Trovo, dois amazonenses estão na disputa: o manacapuruense Rudson Mateus, recém campeão mundial na Califórnia; e a revelação Maik Matos. Os especialistas apontam que os favoritos ao título são o norte-americano DJ Jackson e o brasileiro Gustavo 'Braguinha' Batista.

Amazônia x Pantanal

Mas não é apenas isso. A Copa Podio possui um desafio de equipes, que em Manaus ganha um caráter mais regionalizado. A organização do evento decidiu promover um desafio entre o time dos 'Caboclos', com atletas do Amazonas liderados por Xande Ribeiro, contra os 'Pantaneiros', com atletas do Mato Grosso do Sul sob as ordens de Roberto Cyborg.

 

 

Equipe dos Caboclos terá o apoio maciço da torcida amazonense. Foto: Lorena Furtado/Copa Podio

 

A grande expectativa é pelo duelo sem kimono entre Xande e Cyborg. Com dois ouros absolutos na faixa preta e cinco no peso pesado, o amazonense atualmente dá aula em uma academia na Califórnia, nos Estados Unidos. "O Cyborg é mais pesado que eu [15 quilos a mais], mas eu como caboclo não poderia fugir desse desafio. Vamos mostrar para esse povo do que somos feitos: garra, raça e muito jiu-jítsu", exaltou Xande.

Os Caboclos ainda são reforçados por outros três 'casca-grossa' do Amazonas: Eduardo Inojosa, André Júlio e Fernandinho Vieira. Inojosa, por exemplo, já disputou uma edição da Copa Podio e é aluno de Xande na Califórnia. "Eu vejo ele [Xande] como uma inspiração. Treino com ele há dois anos, morei na casa dele em San Diego, me ajudou em tudo. Além de já ter ganhado tudo, é uma pessoa incrível", enalteceu Inojosa.

Desde os 13 anos na arte suave, André Júlio é um dos caboclos mais experientes. Ele é o atual vice-campeão do Mundial de Abu Dhabi, maior evento mundial da modalidade, e campeão do Grand Prix de Londres. "A Copa Podio é um divisor de águas no jiu-jítsu do Amazonas. É diferente de tudo que temos aqui. Um evento que tem boas premiações, traz visibilidade, patrocínios. Treinamos como profissionais, mas somos tratados como amadores. Mas isso não acontece na Copa Podio", explica.

Super luta e Desafio Kids

Outra atração da Copa Podio Manaus é uma super luta entre os finalistas do Grand Prix dos Pesos Leve desta temporada: o brasileiro Isaque Bahiense, atual campeão, contra o norueguês Espen Mathiesen, que busca a revanche na capital amazonense.

A curiosidade é que a super luta remete ao jiu-jítsu antigo, onde o combate só acaba em caso de finalização, sem o sistema de pontos. "O Isaac é o atual campeão, mas esse norueguês é uma revelação. A guarda dele é uma guarda rara, tanto que apelidamos ele de guardião das galáxias", conta Jeferson Maycá.

Ainda na pesagem, um dia antes do evento (11 de agosto), a disputa que sacode a Arena Amadeu Teixeira é a do Desafio Kids. Doze crianças de oito a doze anos foram divididas em duas equipes, uma liderada por Isaque e a outra por Mathiesen. As lutas terão seis crianças amazonenses contra seis meninos de outras localidades do país e também do mundo, já que dois são norte-americanos: Frankie Zambada e Cole Abate.

"A gente tem o cuidado de não fazer um clima de competição entre eles, nada de encarada, essas coisas. Criamos as equipes para atenuar isso. A minha equipe de comunicação propôs umas brincadeiras lúdicas, mas essas crianças querem é lutar (risos). Porém há uma preocupação redobrada dos árbitros", destacou Maycá.

 

 

Desafio Kids: crianças vão tomar conta da disputa da Copa Podio. Foto: Mário Albuquerque/Copa Podio

 

O Amazon Sat transmite a Copa Podio na TV aberta para os estados do Amazonas, Pará, Roraima, Rondônia e Acre. Você também pode acompanhar a programação do canal em qualquer localidade pelo Amazon Sat Play.

Ingressos

Os ingressos para a Copa Podio Manaus estão à venda no site da organização e também nas três lojas Arco Iris Surfwear (Manauara Shopping, Amazonas Shopping e Sumaúma Park Shopping).

Os valores são R$ 55 arquibancada superior e R$ 85 arquibancada inferior. Os setores de cadeira especial (pista) e área vip (mesa com quatro lugares) continuam disponíveis para compra somente no site.


Esportes

Estrelas internacionais, desafio de regiões e super luta: tudo sobre a Copa Podio Manaus

Conheça todas as atrações da Copa Podio de Jiu-Jítsu. Evento é no dia 12 de agosto, na Arena Amadeu Teixeira, com transmissão do Amazon Sat

Gabriel Seixas

gabriel.seixas@portalamazonia.com


Se no Brasil como um todo proliferam jogadores de futebol, no Amazonas a abundância é de lutadores de jiu-jítsu. Seja na sua família ou entre amigos, dificilmente você que mora em Manaus não conhece alguém que pratique a arte suave. E esta tradição de décadas ganha um novo capítulo no dia 12 de agosto: a capital amazonense recebe a quinta temporada da Copa Podio, um dos maiores eventos mundiais da modalidade. O evento na Arena Amadeu Teixeira terá transmissão exclusiva do canal Amazon Sat e conta com uma série de atrações para os amantes das lutas.

A Copa Podio é pioneira no formato de Grand Prix, que torna o jiu-jítsu um verdadeiro espetáculo esportivo. A competição desembarca em Manaus após passar por Porto Alegre, Buenos Aires, Rio de Janeiro e São Paulo nas temporadas anteriores. Grandes nomes do jiu-jítsu disputam a competição, não apenas do Brasil, mas também da Noruega, Angola, Polônia e Estados Unidos.

"É um evento que abriu portas para a profissionalização do jiu-jítsu. Quando a gente começou, lá em 2011, não havia nenhum evento com este formato", disse o organizador Jeferson Maycá, revelando ainda que é um desejo antigo trazer a Copa Podio para Manaus.


 
Manaus sedia a disputa do Grand Prix dos Pesos Médios. Além dos atletas internacionais e de nomes conhecidos nacionalmente, como Kywan Gracie e Fellipe Trovo, dois amazonenses estão na disputa: o manacapuruense Rudson Mateus, recém campeão mundial na Califórnia; e a revelação Maik Matos. Os especialistas apontam que os favoritos ao título são o norte-americano DJ Jackson e o brasileiro Gustavo 'Braguinha' Batista.

Amazônia x Pantanal

Mas não é apenas isso. A Copa Podio possui um desafio de equipes, que em Manaus ganha um caráter mais regionalizado. A organização do evento decidiu promover um desafio entre o time dos 'Caboclos', com atletas do Amazonas liderados por Xande Ribeiro, contra os 'Pantaneiros', com atletas do Mato Grosso do Sul sob as ordens de Roberto Cyborg.

 

 

Equipe dos Caboclos terá o apoio maciço da torcida amazonense. Foto: Lorena Furtado/Copa Podio

 

A grande expectativa é pelo duelo sem kimono entre Xande e Cyborg. Com dois ouros absolutos na faixa preta e cinco no peso pesado, o amazonense atualmente dá aula em uma academia na Califórnia, nos Estados Unidos. "O Cyborg é mais pesado que eu [15 quilos a mais], mas eu como caboclo não poderia fugir desse desafio. Vamos mostrar para esse povo do que somos feitos: garra, raça e muito jiu-jítsu", exaltou Xande.

Os Caboclos ainda são reforçados por outros três 'casca-grossa' do Amazonas: Eduardo Inojosa, André Júlio e Fernandinho Vieira. Inojosa, por exemplo, já disputou uma edição da Copa Podio e é aluno de Xande na Califórnia. "Eu vejo ele [Xande] como uma inspiração. Treino com ele há dois anos, morei na casa dele em San Diego, me ajudou em tudo. Além de já ter ganhado tudo, é uma pessoa incrível", enalteceu Inojosa.

Desde os 13 anos na arte suave, André Júlio é um dos caboclos mais experientes. Ele é o atual vice-campeão do Mundial de Abu Dhabi, maior evento mundial da modalidade, e campeão do Grand Prix de Londres. "A Copa Podio é um divisor de águas no jiu-jítsu do Amazonas. É diferente de tudo que temos aqui. Um evento que tem boas premiações, traz visibilidade, patrocínios. Treinamos como profissionais, mas somos tratados como amadores. Mas isso não acontece na Copa Podio", explica.

Super luta e Desafio Kids

Outra atração da Copa Podio Manaus é uma super luta entre os finalistas do Grand Prix dos Pesos Leve desta temporada: o brasileiro Isaque Bahiense, atual campeão, contra o norueguês Espen Mathiesen, que busca a revanche na capital amazonense.

A curiosidade é que a super luta remete ao jiu-jítsu antigo, onde o combate só acaba em caso de finalização, sem o sistema de pontos. "O Isaac é o atual campeão, mas esse norueguês é uma revelação. A guarda dele é uma guarda rara, tanto que apelidamos ele de guardião das galáxias", conta Jeferson Maycá.

Ainda na pesagem, um dia antes do evento (11 de agosto), a disputa que sacode a Arena Amadeu Teixeira é a do Desafio Kids. Doze crianças de oito a doze anos foram divididas em duas equipes, uma liderada por Isaque e a outra por Mathiesen. As lutas terão seis crianças amazonenses contra seis meninos de outras localidades do país e também do mundo, já que dois são norte-americanos: Frankie Zambada e Cole Abate.

"A gente tem o cuidado de não fazer um clima de competição entre eles, nada de encarada, essas coisas. Criamos as equipes para atenuar isso. A minha equipe de comunicação propôs umas brincadeiras lúdicas, mas essas crianças querem é lutar (risos). Porém há uma preocupação redobrada dos árbitros", destacou Maycá.

 

 

Desafio Kids: crianças vão tomar conta da disputa da Copa Podio. Foto: Mário Albuquerque/Copa Podio

 

O Amazon Sat transmite a Copa Podio na TV aberta para os estados do Amazonas, Pará, Roraima, Rondônia e Acre. Você também pode acompanhar a programação do canal em qualquer localidade pelo Amazon Sat Play.

Ingressos

Os ingressos para a Copa Podio Manaus estão à venda no site da organização e também nas três lojas Arco Iris Surfwear (Manauara Shopping, Amazonas Shopping e Sumaúma Park Shopping).

Os valores são R$ 55 arquibancada superior e R$ 85 arquibancada inferior. Os setores de cadeira especial (pista) e área vip (mesa com quatro lugares) continuam disponíveis para compra somente no site.

TAG ManausAmazonasJiu-Jitsu lutasEsporte