Publicidade

Música

Home > Cultura > null

Cantor amazonense Pyter Radikal lança videoclipe Zumbeira

Se você já viu os filmes do Rambú da Amazônia, com certeza vai se lembrar de Pyter

Diego Oliveira

jornalismo@portalamazonia.com


MANAUS - O produtor audiovisual e cantor Pyter Radikal lançou no início do mês o videoclipe 'Zumbeira', que faz parte do seu  novo CD 'Fênix'. A canção marca a volta do artista ao cenário musical, após um tempo afastado por causa de uma tragédia pessoal. Em entrevista ao Portal Amazônia, Radikal falou sobre o início da carreira, os filmes que atuou e o lançamento de 'Fênix'.

Confira o clipe 'Zumbeira'

A carreira de Pyter começou na música, fez parte de várias bandas e relativo sucesso em Belém, com a canção 'Venha meu amor'. "Decidi tentar a sorte em São Paulo, mas nem sempre as coisas saem como desejado e retornei para Belém onde integrei uma banda de tecnobrega. As minhas músicas estouraram em várias rádios da cidade. Durante uma conversa com amigos fiquei sabendo do projeto Rambú e foi assim que fiquei conhecido na cidade", lembrou o artista.

Se você já viu os filmes do Rambú da Amazônia, com certeza vai se lembrar de Pyter. Ele atuou ao lado de Aldenir Forte, o famoso Rambú. "Fiz o vilão em o 'Rapto do Jaraqui Dourado', e retornei com dois personagens em 'O Clone'. A experiência foi maravilhosa. Depois disso resolvi fazer o filme '007.1 - Pyter Radikal na Selva com guaraná com açaí'. As gravações aconteceram em Manaus e Belém, a produção virou até trabalho escolar por tratar de questões ambientais", contou.

       
      Além de cantar, Pyter ainda atuou em vários filmes. Foto: Reprodução/Facebook       
 

Mudanças

No início deste ano, Pyter foi assaltado e recebeu um tiro nas costas. Foram mais de 20 dias em recuperação e apesar da violência, o artista se emocionou com o apoio que recebeu de familiares e amigos. "É um processo de reflexão. A violência é algo que a cada dia fica pior, as pessoas precisam andar sempre com medo, e isso, não é certo. Com tudo isso, descobri que sou muito amado pelo meu circulo de amizades. Recebi todo tipo de apoio que você possa imaginar", declarou. 

Recuperado, o artista foca agora na produção do CD 'Fênix'. "Escolhi dar esse nome para o projeto por causa de tudo o que me aconteceu", revelou Pyter. O álbum terá 15 faixas com vários ritmos, como por exemplo, reggaeton, arrocha, forró e música eletrônica. Entre as canções escolhidas para compor o projeto estão 'Zumbeira', 'Nosso Amor', 'O Lobo' e 'Raimundo'. Quase 80% das músicas estão prontas. A previsão de lançamento é para o final de setembro.

Música

Cantor amazonense Pyter Radikal lança videoclipe Zumbeira

Se você já viu os filmes do Rambú da Amazônia, com certeza vai se lembrar de Pyter


MANAUS - O produtor audiovisual e cantor Pyter Radikal lançou no início do mês o videoclipe 'Zumbeira', que faz parte do seu  novo CD 'Fênix'. A canção marca a volta do artista ao cenário musical, após um tempo afastado por causa de uma tragédia pessoal. Em entrevista ao Portal Amazônia, Radikal falou sobre o início da carreira, os filmes que atuou e o lançamento de 'Fênix'.

Confira o clipe 'Zumbeira'

A carreira de Pyter começou na música, fez parte de várias bandas e relativo sucesso em Belém, com a canção 'Venha meu amor'. "Decidi tentar a sorte em São Paulo, mas nem sempre as coisas saem como desejado e retornei para Belém onde integrei uma banda de tecnobrega. As minhas músicas estouraram em várias rádios da cidade. Durante uma conversa com amigos fiquei sabendo do projeto Rambú e foi assim que fiquei conhecido na cidade", lembrou o artista.

Se você já viu os filmes do Rambú da Amazônia, com certeza vai se lembrar de Pyter. Ele atuou ao lado de Aldenir Forte, o famoso Rambú. "Fiz o vilão em o 'Rapto do Jaraqui Dourado', e retornei com dois personagens em 'O Clone'. A experiência foi maravilhosa. Depois disso resolvi fazer o filme '007.1 - Pyter Radikal na Selva com guaraná com açaí'. As gravações aconteceram em Manaus e Belém, a produção virou até trabalho escolar por tratar de questões ambientais", contou.

       
      Além de cantar, Pyter ainda atuou em vários filmes. Foto: Reprodução/Facebook       
 

Mudanças

No início deste ano, Pyter foi assaltado e recebeu um tiro nas costas. Foram mais de 20 dias em recuperação e apesar da violência, o artista se emocionou com o apoio que recebeu de familiares e amigos. "É um processo de reflexão. A violência é algo que a cada dia fica pior, as pessoas precisam andar sempre com medo, e isso, não é certo. Com tudo isso, descobri que sou muito amado pelo meu circulo de amizades. Recebi todo tipo de apoio que você possa imaginar", declarou. 

Recuperado, o artista foca agora na produção do CD 'Fênix'. "Escolhi dar esse nome para o projeto por causa de tudo o que me aconteceu", revelou Pyter. O álbum terá 15 faixas com vários ritmos, como por exemplo, reggaeton, arrocha, forró e música eletrônica. Entre as canções escolhidas para compor o projeto estão 'Zumbeira', 'Nosso Amor', 'O Lobo' e 'Raimundo'. Quase 80% das músicas estão prontas. A previsão de lançamento é para o final de setembro.


TAG ManausAmazonasclipezumbeiraPyter Radikal