Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Sexta, 23 Outubro 2020

‘Ela Pode’: Programa leva ações de empreendedorismo e empregabilidade para mulheres, no Amazonas

‘Ela Pode’: Programa leva ações de empreendedorismo e empregabilidade para mulheres, no Amazonas

Durante os meses de julho e agosto, o programa Ela Pode realiza uma série de ações educativas em várias cidades do Brasil, com o objetivo promover capacitações de empreendedorismo e empregabilidade para as mulheres - principalmente em situação de vulnerabilidade - e, assim, oferecer condições sociais e econômicas para a independência financeira feminina. O Amazonas está na rota das atividades, com evento marcado para o dia 24 deste mês, no Parque do Mindu – no Parque 10, das 8h às 17h. 

Chamados de “Ela Pode Empreender”, esses eventos, idealizados pelo Instituto Rede Mulher Empreendedora com o apoio do Google, e correalização no Amazonas da Escola de Negócio a North Business School, tiveram início no dia 17 de julho em Rio Branco, no Acre. O Acelera Amazônia, selo da Fundação Rede Amazônica que busca incentivar o empreendedorismo e sustentabilidade na região, está apoiando o evento.

O Ela Pode Empreender oferecerá palestras sobre empreendedorismo feminino, oficinas "mão na massa", tira-dúvidas (informação para o microcrédito, como fazer currículo, como formalizar uma empresa) e ações sociais de lazer diversas, como atividades físicas. 

Foto: Pixabay

As ações serão organizadas por multiplicadoras do Programa Ela Pode, com o apoio de parceiros locais e um time de mulheres voluntárias dessa ação que passaram pela capacitação e entenderam o verdadeiro sentido do Programa. “Esperamos impactar cerca de 10 mil mulheres com as atividades em todo o Brasil. Manaus precisa estar inserida nessa jornada incrível, pois a grande concentração de mulheres vulneráveis econômica e socialmente, encontra-se no Norte e Nordeste”, disse a embaixadora regional da RME, Rosângela Bentes.

Para as inscrições para participação no evento, acesse: 

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSfZdyL4DDJoKu3P0MTECyerQFQz0bEH005zPrl6YSXkPIfmSg/viewform?fbclid=IwAR2UVedZ_HPkc6sDZ4GPOyIN249A9rD_ekZyDMKtzWhcfVJ5xaG1I5aKPHo 

Rede Mulher Empreendedora 

O Instituto Rede Mulher Empreendedora foi criado em 2017, por Ana Fontes, CEO da Rede Mulher Empreendedora, para apoiar e respaldar os projetos e iniciativas que empoderem empreendedoras, garantindo independência financeira e de decisão pessoal. Para Ana Fontes, "quando uma mulher é empoderada financeiramente, ela não muda só a realidade de sua família, mas também a da sociedade. Quando o negócio de uma mulher tem sucesso, famílias e comunidades locais em geral ganham". 

Idealizada em 2010, por Ana Lúcia Fontes, a Rede Mulher Empreendedora nasceu durante o “Programa 10 mil Mulheres da FGV”, quando Ana teve a ideia de criar um blog sobre os medos, as dúvidas e as dificuldades do empreendedorismo feminino.

Ela percebeu, então, que esses questionamentos eram compartilhados por outras mulheres, que também buscavam ajuda e apoio. A Rede surgia, assim, para suprir essa lacuna. O empreendedorismo foi apenas o ponto de partida. Em 2017, Ana Fontes resolveu ampliar seus objetivos e criou o Instituto Rede Mulher Empreendedora, focado na capacitação de mulheres em situação de vulnerabilidade. 

A Rede Mulher Empreendedora – RME é a primeira e a maior plataforma de apoio ao empreendedorismo feminino do Brasil, com o propósito de empoderar empreendedoras economicamente, garantindo independência financeira e de decisão sobre seus negócios e suas vidas. 

North Business School em Inteligência Empreendedora e inovação 

A Escola idealizada em 2014, por Rosângela Bentes, que decidiu após 20 anos atuação em instituições púbica, decidiu empreender por entender que educação transforma, portanto, a North Business School surge para oferecer uma alternativa complementar, para acelerar atitudes empreendedoras na carreira e nos negócios. Além fazer um elo entre ciência e inovação para gerar negócio, considerando as a tendência e novas modulações econômicas e sociais. 

Com o propósito é desenvolver a Cultura do Empreendedorismo e deinovação, com metodologias ativas, práticas e criativas para uma aprendizagem transformadora para alcançar resultados de alta performance e com habilidades do futuro e desafiar organizações e indivíduos a crescerem e permanecerem competitivos em um Mundo Vuca (Volátil, Incerto, Complexo e Ambíguo).

Acelera Amazônia

O Acelera Amazônia é um selo de apoio da Fundação Rede Amazônica que tem como objetivo inspirar e fortalecer o empreendedorismo inovador através de ações que conectem empreendedores, instituições e comunidade levando em consideração o desenvolvimento sustentável da Amazônia.

Fundação Rede Amazônica é o braço institucional do Grupo Rede Amazônica, comprometida com a integração e desenvolvimento da Amazônia, com a missão de capacitar pessoas, articular parcerias e contribuir para o desenvolvimento social, ambiental e científico-tecnológico da região.
 

Veja mais notícias sobre Inovação e Tecnologia.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Sexta, 23 Outubro 2020

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/