Sidebar Menu

Manaus 30º • Nublado
Domingo, 18 Abril 2021

Ovo de coxinha e empadovo: opções salgadas para a páscoa chamam a atenção nas redes sociais

tucuma-capa

No mês de março, os supermercados são invadidos por uma infinidade de sabores de ovos de chocolate, esse é o alerta para a aproximação da páscoa, celebrada no dia 4 de abril. Outro lugar que é fácil encontrar uma infinidade de sabores é nas redes sociais, geralmente, são comercializados por doceiras ou confeiteiras. Mas, nem só de doce viverá o manauara, alguns vendedores apostaram na versão salgada do ovo de páscoa, como por exemplo, o empadovo (ovo de empada com recheios variados) e o ovo de coxinha.

Aos 24 anos, o amazonense Vinicius Milhomem se encontrou no universo dos doces e salgados. O jovem utiliza as redes sociais para divulgar os seus principais produtos e chamou a atenção dos internautas com uma versão diferenciada do ovo de páscoa, a empadovo.


Foto: Arquivo Pessoal

A venda da empadovo começou ainda no mês de março. A inspiração para criar o produto surgiu através do Breno da Empada, um cozinheiro de salvador. "Cheguei a fazer um curso com ele e depois de tantas marcações nas redes sociais iniciei a produção", explicou.

Na teoria, a produção é similar ao da empada. As formas no formado oval, Milhomem conseguiu comprar através da internet. "A minha esposa e eu, fazemos a massa enriquecida para termos a elasticidade necessária, no caso, para molda-la no formado da ovo. Após assado, colocamos bastante recheio e cobrimos com creme", contou.

Os pedidos podem ser feitos até sábado (3), com sinal de 50% do valor da compra. As empadovos custam: kit com quatro empadovos de 50g (R$ 20), empadovo de 350g (R$. 40) e a empadovo de 500g (R$ 60).

Nesta páscoa, os clientes podem escolher entre os sabores de brigadeiro, leite condensado, brigadeiro de café, frango com requeijão, mangueira, calabresa e, claro, os sabores regionais. 
 

Foto: Arquivo Pessoal

Vai uma coxinha?

Você é fã de coxinha? A iguaria que é a cara do brasileira ganhou uma versão para celebrar a páscoa. A ideia foi da empresária Silvia Garcia, que há três anos trabalha com a comercialização de doces e resolveu apostar em opções salgadas.

"Nós começamos a vender coxinhas neste ano e, como as pessoas estavam gostando, decidimos experimentar fazer novas receitas. O ovo de coxinha surgiu de um impulso e deu certo", disse Silva, revelando que as encomendas estão crescendo a cada dia. 

Foto: Arquivo Pessoal
Assim como a empadovo, a massa da coxinha não sofre muita alteração. Depois de moldada na forma, é levada para o congelador por no menino duas horas. Ficando no formado de meio ovo, a massa congelada é frita imediatamente. Além do recheio, o prato ainda é decorado com minis coxinhas e finalizado com cheiro verde.

Os interessados em provarem o ovo de coxinha podem reservar até o dia 2 de abril. A unidade de 800g custa R$ 50. As encomenda Podem ser feitas até 2 de abril.
Foto: Arquivo Pessoal

Veja mais notícias sobre AmazonasGastronomia.

Veja também:

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Visitante
Segunda, 19 Abril 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://portalamazonia.com/