Manaus 30º • Nublado
Quarta, 22 Setembro 2021

P

Pimenta de Cheiro

Por possuir um aroma forte e marcante, é muito usado nos pratos típicos da região norte 

Pico da Neblina

 Com 2,9 mil metros de altura, o Pico da Neblina é considerado o ponto mais alto do Brasil

Parteiras

Presença de parteiras é extremamente comum na região amazônica

Palacete Provincial

Espaço, que por mais de cem anos quartel da Polícia Militar do Amazonas, hoje é um patrimônio tombado

Palácio Rio Branco

Palácio é um dos marcos do projeto de modernidade da capital acreana

Poraquê

Conhecido como peixe elétrico da Amazônia, o poraquê é um peixe capaz de matar um cavalo com um choque de 500 volts

Piolho de cobra

Na floresta, o piolho de cobra pode ser encontrado em lugares úmidos como, por exemplo, madeiras podres e embaixo de folhas

Pajé

Liderança espiritual, o pajé exerce a função de curandeiro e conselheiro

Pirarucu, o gigante da Amazônia

O pirarucu é o maior peixe com escamas de água doce do mundo, podendo atingir dois metros de comprimento e 200 kg de peso 

Pupunha

Pupunha é uma palmeira multicaule da família das palmáceas, a mesma da carnaúba, do babaçu e do açaí.

Piramutaba

A piramutaba é abundante na Calha do rio Solimoões (AM). É carnívora, alimentando-se de outros peixes menores. Costuma desovar em lugares rasos, em rios de água turva, onde há pouca incidência de peixes. 

Pacú

Pacú é comumente encontrado nas Bacias Amazônicas, Araguaia- Tocantins e Prata.