Publicidade

Amazônia

Home > Noticias > null

Projetos na Amazônia serão beneficiados com recursos do Fundo Verde

O pagamento é um reconhecimento pelos avanços obtidos pelo Brasil na redução do desmatamento ilegal

Portal Amazônia, com informações da Radioagência Nacional

jornalismo@portalamazonia.com


O Fundo Verde para o Clima vai repassar ao Brasil US$ 96,5 milhões para serem aplicados em programa de incentivos a serviços ambientais pela conservação e recuperação da vegetação nativa. Indígenas, produtores rurais e comunidades tradicionais da Amazônia serão beneficiados.

O pagamento é um reconhecimento pelos avanços obtidos pelo Brasil na redução do desmatamento ilegal na Amazônia. A previsão é que os recursos estejam disponíveis nas próximas semanas.
 
 
Foto: Divulgação/Agência Pará
 
A proposta brasileira apresentada na chamada piloto de pagamentos por redução de emissões dos gases do efeito estufa é a primeira em nível mundial aprovada pelo Fundo Verde. A proposta brasileira será executada sob coordenação do Ministério do Meio Ambiente e contou com o apoio dos ministérios da Economia e das Relações Exteriores.

Nesse primeiro momento, a maior parte dos recursos será utilizada na implementação do Programa Piloto de Incentivo a Serviços Ambientais para a Conservação e Recuperação de Vegetação Nativa - o Floresta Mais.

No caso dos agricultores, eles receberão o pagamento diretamente pelas áreas que conservam além do que é exigido pelo Código Florestal, e pela recuperação da vegetação em áreas de preservação permanente.

Já os indígenas e comunidades tradicionais terão acesso aos recursos financeiros para implementar projetos de seu interesse, em linha com as políticas públicas, nos territórios que ocupam.
Amazônia

Projetos na Amazônia serão beneficiados com recursos do Fundo Verde

O pagamento é um reconhecimento pelos avanços obtidos pelo Brasil na redução do desmatamento ilegal

Portal Amazônia, com informações da Radioagência Nacional

jornalismo@portalamazonia.com


O Fundo Verde para o Clima vai repassar ao Brasil US$ 96,5 milhões para serem aplicados em programa de incentivos a serviços ambientais pela conservação e recuperação da vegetação nativa. Indígenas, produtores rurais e comunidades tradicionais da Amazônia serão beneficiados.

O pagamento é um reconhecimento pelos avanços obtidos pelo Brasil na redução do desmatamento ilegal na Amazônia. A previsão é que os recursos estejam disponíveis nas próximas semanas.
 
 
Foto: Divulgação/Agência Pará
 
A proposta brasileira apresentada na chamada piloto de pagamentos por redução de emissões dos gases do efeito estufa é a primeira em nível mundial aprovada pelo Fundo Verde. A proposta brasileira será executada sob coordenação do Ministério do Meio Ambiente e contou com o apoio dos ministérios da Economia e das Relações Exteriores.

Nesse primeiro momento, a maior parte dos recursos será utilizada na implementação do Programa Piloto de Incentivo a Serviços Ambientais para a Conservação e Recuperação de Vegetação Nativa - o Floresta Mais.

No caso dos agricultores, eles receberão o pagamento diretamente pelas áreas que conservam além do que é exigido pelo Código Florestal, e pela recuperação da vegetação em áreas de preservação permanente.

Já os indígenas e comunidades tradicionais terão acesso aos recursos financeiros para implementar projetos de seu interesse, em linha com as políticas públicas, nos territórios que ocupam.

TAG amazoniarecursos