Ciência e Tecnologia

Projetos científicos criados por crianças serão expostos em Mostra Tecnológica

Evento também vai contar com a última oficina do ano do projeto Semente de Inovação, da Rede Amazônica


Projetos científicos desenvolvidos por crianças e adolescentes serão expostos em uma Mostra Tecnológica, neste sábado (8), a partir das 13h, no Salão de Vidro do Studio 5, na Avenida General Rodrigo Otávio, bairro Japiim, zona sul de Manaus. Durante o evento, também será realizada a última oficina do ano do projeto 'Sementes da Inovação', iniciativa da Rede Amazônica que ensina para alunos da rede pública os primeiros passos para construção de aplicativos.

Os Padawans e Jedis, como são chamados os alunos na escola ManaósTech for Kids, com idades entre 6 e 16 anos, puderam projetar criações após terem estudado por cerca de 60 horas os conteúdos de programação, robótica, Arduino, criação de aplicativos e iniciação científica. Os projetos são bem variados e com soluções para problemas que afligem milhares de pessoas diariamente.
 
 
Foto: Arquivo/Agência Brasil
 
Os projetos vão desde uma versão do 'Jarvis', para interface de voz para computadores feito em Python, até um remake do famoso jogo Genius dos anos 80 feito com Arduino. Há também projetos para solucionar problemas dos humanos em órbita como o 'Gravita', gameficação para exercícios físicos dos astronautas, ou ainda o projeto 'Chansey', que auxilia nos tratamentos de doenças que forem adquiridas em Marte, já que a NASA tem projeto de em 2025 enviar humanos para colonizar o planeta Vermelho.

Pedro Cabral, professor dos Padawans, ressalta a importância das crianças perceberem que nem todas as soluções virão prontas. “Eles terão que se adequar às mudanças e resolver novos problemas de forma veloz e criativa”, disse.

Para o público que visitar o espaço, será possível votar nos projetos que acharem mais interessantes, além de também assistir ao vivo um torneio de robótica entre os alunos.

Segundo Glauco Aguiar, fundador da escola, há uma demanda muito alta para desenvolvimento de ciência no País. Segundo ele, para que possamos competir na economia mundial e na tão falada indústria 4.0, é preciso investir muito em pesquisa e desenvolvimento. “Proporcionar oportunidades para que esses alunos se tornem protagonistas do desenvolvimento de tecnologias é algo extremamente significativo e de relevância estratégica para nossa região”, ressaltou. 

Semente de Inovação

Nesta edição do projeto, em parceria com a Escola de Robótica, Programação e Games Manaós Tech, as crianças da comunidade do entorno do shopping, entre 9 e 12 anos, participarão da oficina sobre criação de aplicativos.

O objetivo do Semente de Inovação é despertar nas crianças o interesse pela tecnologia e pela inovação,  aguçando nelas o raciocínio e a criatividade. O projeto promove atividades que tem como tema: oficinas de robótica, programação e games. As oficinas são gratuitas e tem certificado. 

Ciência e Tecnologia

Home > Noticias > null

Projetos científicos criados por crianças serão expostos em Mostra Tecnológica

Evento também vai contar com a última oficina do ano do projeto Semente de Inovação, da Rede Amazônica

Redação

jornalismo@portalamazonia.com


Projetos científicos desenvolvidos por crianças e adolescentes serão expostos em uma Mostra Tecnológica, neste sábado (8), a partir das 13h, no Salão de Vidro do Studio 5, na Avenida General Rodrigo Otávio, bairro Japiim, zona sul de Manaus. Durante o evento, também será realizada a última oficina do ano do projeto 'Sementes da Inovação', iniciativa da Rede Amazônica que ensina para alunos da rede pública os primeiros passos para construção de aplicativos.

Os Padawans e Jedis, como são chamados os alunos na escola ManaósTech for Kids, com idades entre 6 e 16 anos, puderam projetar criações após terem estudado por cerca de 60 horas os conteúdos de programação, robótica, Arduino, criação de aplicativos e iniciação científica. Os projetos são bem variados e com soluções para problemas que afligem milhares de pessoas diariamente.
 
 
Foto: Arquivo/Agência Brasil
 
Os projetos vão desde uma versão do 'Jarvis', para interface de voz para computadores feito em Python, até um remake do famoso jogo Genius dos anos 80 feito com Arduino. Há também projetos para solucionar problemas dos humanos em órbita como o 'Gravita', gameficação para exercícios físicos dos astronautas, ou ainda o projeto 'Chansey', que auxilia nos tratamentos de doenças que forem adquiridas em Marte, já que a NASA tem projeto de em 2025 enviar humanos para colonizar o planeta Vermelho.

Pedro Cabral, professor dos Padawans, ressalta a importância das crianças perceberem que nem todas as soluções virão prontas. “Eles terão que se adequar às mudanças e resolver novos problemas de forma veloz e criativa”, disse.

Para o público que visitar o espaço, será possível votar nos projetos que acharem mais interessantes, além de também assistir ao vivo um torneio de robótica entre os alunos.

Segundo Glauco Aguiar, fundador da escola, há uma demanda muito alta para desenvolvimento de ciência no País. Segundo ele, para que possamos competir na economia mundial e na tão falada indústria 4.0, é preciso investir muito em pesquisa e desenvolvimento. “Proporcionar oportunidades para que esses alunos se tornem protagonistas do desenvolvimento de tecnologias é algo extremamente significativo e de relevância estratégica para nossa região”, ressaltou. 

Semente de Inovação

Nesta edição do projeto, em parceria com a Escola de Robótica, Programação e Games Manaós Tech, as crianças da comunidade do entorno do shopping, entre 9 e 12 anos, participarão da oficina sobre criação de aplicativos.

O objetivo do Semente de Inovação é despertar nas crianças o interesse pela tecnologia e pela inovação,  aguçando nelas o raciocínio e a criatividade. O projeto promove atividades que tem como tema: oficinas de robótica, programação e games. As oficinas são gratuitas e tem certificado. 

TAG roboticaRede Amazônicasemente de inovacaotecnologiaciencia tecnologia