Publicidade

Economia

Home > Noticias > null

Procon Manaus monitora preços para evitar fraudes na Black Friday

As vendas do varejo online na Black Friday devem crescer entre 15% a 20% neste ano no Brasil, em comparação ao ano passado

Portal Amazônia, com informações do Jornal do Commercio

jornalismo@portalamazonia.com


   
 

De olho nas fraudes da Black Friday, o Procon Manaus iniciou nesta sexta-feira, (3), o monitoramento de preços para conferir o cumprimento das ofertas que serão anunciadas neste ano. A megaliquidação, inspirada nos Estados Unidos, está marcada para começar à zero hora do dia 24 de novembro. 

Para o consumidor não cair em ciladas, orienta o gerente do Procon Manaus, Fabrício Lima, é preciso fazer pesquisas. "Solicitar folders, fazer orçamentos e até mesmo tirar fotos das etiquetas que são expostas com o preço são as maiores comprovações de que o consumidor irá saber realmente o que está sendo ofertado na Black Friday", informa. 

"A chamada maquiagem de preços é um dos problemas que pode ocorrer e nesse caso e o Procon Manaus está monitorando para que essa prática não aconteça", salienta Fabrício.   
   
Foto: Divulgação
 

As vendas do varejo online na Black Friday devem crescer entre 15% a 20% neste ano no Brasil, em comparação ao ano passado, de acordo com uma pesquisa divulgada pelo Google Brasil em agosto. 

Caso o consumidor identifique práticas inadequadas, a orientação do Procon Manaus é que busque seus direitos. O primeiro passo é procurar o gerente ou responsável pela loja. Não havendo acordo, ele deve ir imediatamente a um Procon para fazer a denúncia. Comerciantes que enganarem clientes podem ser notificados, autuados e ter que pagar multa, pois de acordo com o Código de Defesa do Consumidor, publicidade enganosa é crime. 

O Procon Manaus orienta ainda que, ao fazer a pesquisa, o consumidor print a tela com a demonstração do produto e o valor de compra, e também com informação do link , nome da empresa, data e hora em que foi feita a pesquisa. 

A exemplo do que já fez em outras edições da Black Friday, o Procon Manaus fará plantão especial de monitoramento e orientação no dia 24, data da edição 2017 da Black Friday, por meio do 0800 092 0111 e pelo WhatsApp 98856-3331 e na sede do Procon Manaus localizada na rua Afonso Pena, 38, Praça 14 de Janeiro, zona Sul.
Economia

Procon Manaus monitora preços para evitar fraudes na Black Friday

As vendas do varejo online na Black Friday devem crescer entre 15% a 20% neste ano no Brasil, em comparação ao ano passado

Portal Amazônia, com informações do Jornal do Commercio

jornalismo@portalamazonia.com


   
 

De olho nas fraudes da Black Friday, o Procon Manaus iniciou nesta sexta-feira, (3), o monitoramento de preços para conferir o cumprimento das ofertas que serão anunciadas neste ano. A megaliquidação, inspirada nos Estados Unidos, está marcada para começar à zero hora do dia 24 de novembro. 

Para o consumidor não cair em ciladas, orienta o gerente do Procon Manaus, Fabrício Lima, é preciso fazer pesquisas. "Solicitar folders, fazer orçamentos e até mesmo tirar fotos das etiquetas que são expostas com o preço são as maiores comprovações de que o consumidor irá saber realmente o que está sendo ofertado na Black Friday", informa. 

"A chamada maquiagem de preços é um dos problemas que pode ocorrer e nesse caso e o Procon Manaus está monitorando para que essa prática não aconteça", salienta Fabrício.   
   
Foto: Divulgação
 

As vendas do varejo online na Black Friday devem crescer entre 15% a 20% neste ano no Brasil, em comparação ao ano passado, de acordo com uma pesquisa divulgada pelo Google Brasil em agosto. 

Caso o consumidor identifique práticas inadequadas, a orientação do Procon Manaus é que busque seus direitos. O primeiro passo é procurar o gerente ou responsável pela loja. Não havendo acordo, ele deve ir imediatamente a um Procon para fazer a denúncia. Comerciantes que enganarem clientes podem ser notificados, autuados e ter que pagar multa, pois de acordo com o Código de Defesa do Consumidor, publicidade enganosa é crime. 

O Procon Manaus orienta ainda que, ao fazer a pesquisa, o consumidor print a tela com a demonstração do produto e o valor de compra, e também com informação do link , nome da empresa, data e hora em que foi feita a pesquisa. 

A exemplo do que já fez em outras edições da Black Friday, o Procon Manaus fará plantão especial de monitoramento e orientação no dia 24, data da edição 2017 da Black Friday, por meio do 0800 092 0111 e pelo WhatsApp 98856-3331 e na sede do Procon Manaus localizada na rua Afonso Pena, 38, Praça 14 de Janeiro, zona Sul.

TAG manausAmazonasblack fridaycomprasProcon