Publicidade

Meio Ambiente

Home > Noticias > null

Praias de Abaetetuba, Bragança e Maracanã recebem ações ambientais

Jogos, cartilhas, álbuns e kits ambientais educativos, com temática de proteção e preservação ambiental, serão alguns métodos utilizados

Portal Amazônia, com informações da Agência Pará

jornalismo@portalamazonia.com


As praias dos municípios de Abaetetuba, Bragança e Maracanã, no nordeste do Estado, vão receber, neste mês de julho, ações ambientais do Projeto Verão Legal com Educação Ambiental, da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas). As atividades objetivam, entre outras metas, fortalecer a integração entre o poder público estadual, municipal e comunidades.



 

A Semas vai sensibilizar veranistas, turistas e moradores das localidades, nas questões ambientais, privilegiando a cultura regional na atuação voltada ao desenvolvimento sustentável, com parceria do Projeto Escola da Vida, do Corpo de Bombeiros Militar do Pará e também do Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade (Ideflor-Bio).



Outras atividades a serem desenvolvidas pela Semas, por meio da Coordenadoria de Educação Ambiental (Ceam), neste mês de julho, envolvem a prevenção sobre a poluição das praias pelo descarte inadequado de resíduos, com orientações aos donos de estabelecimentos comerciais – bares, restaurantes, barracas, vendedores ambulantes e demais comerciantes – para a importância do desenvolvimento de ações de educação ambiental no entorno dos estabelecimentos.



Jogos, cartilhas, álbuns e kits ambientais educativos, com temática de proteção e preservação ambiental, serão alguns métodos utilizados por uma equipe multiprofissional formada por assistentes sociais, pedagogo, psicólogo, geógrafo, administradora e auxiliares operacionais. A comitiva estará, neste mês julho, junto com o Corpo de Bombeiros, nas praias do Beja, no município de Abaetetuba, de 12 até 15; de Ajuruteua, em Bragança, de 19 a 22; e também, em conjunto com o Ideflor-Bio, em ações na Área de Proteção Ambiental de Algodoal/Maiandeua, no município de Maracanã, de 26 a 29 de julho.




   
Foto: Divulgação
 


A coordenadora de Educação Ambiental da Semas, Andreia Monteiro, avalia positivamente as atividades desenvolvidas neste período. "A importância da ação é sensibilizar a comunidade local, assim como os veranistas. Busca-se inspirar práticas sustentáveis no público atendido, ocasionando um impacto positivo e agregando valores relacionados à prática da educação ambiental".

Meio Ambiente

Praias de Abaetetuba, Bragança e Maracanã recebem ações ambientais

Jogos, cartilhas, álbuns e kits ambientais educativos, com temática de proteção e preservação ambiental, serão alguns métodos utilizados

Portal Amazônia, com informações da Agência Pará

jornalismo@portalamazonia.com


As praias dos municípios de Abaetetuba, Bragança e Maracanã, no nordeste do Estado, vão receber, neste mês de julho, ações ambientais do Projeto Verão Legal com Educação Ambiental, da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas). As atividades objetivam, entre outras metas, fortalecer a integração entre o poder público estadual, municipal e comunidades.



 

A Semas vai sensibilizar veranistas, turistas e moradores das localidades, nas questões ambientais, privilegiando a cultura regional na atuação voltada ao desenvolvimento sustentável, com parceria do Projeto Escola da Vida, do Corpo de Bombeiros Militar do Pará e também do Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade (Ideflor-Bio).



Outras atividades a serem desenvolvidas pela Semas, por meio da Coordenadoria de Educação Ambiental (Ceam), neste mês de julho, envolvem a prevenção sobre a poluição das praias pelo descarte inadequado de resíduos, com orientações aos donos de estabelecimentos comerciais – bares, restaurantes, barracas, vendedores ambulantes e demais comerciantes – para a importância do desenvolvimento de ações de educação ambiental no entorno dos estabelecimentos.



Jogos, cartilhas, álbuns e kits ambientais educativos, com temática de proteção e preservação ambiental, serão alguns métodos utilizados por uma equipe multiprofissional formada por assistentes sociais, pedagogo, psicólogo, geógrafo, administradora e auxiliares operacionais. A comitiva estará, neste mês julho, junto com o Corpo de Bombeiros, nas praias do Beja, no município de Abaetetuba, de 12 até 15; de Ajuruteua, em Bragança, de 19 a 22; e também, em conjunto com o Ideflor-Bio, em ações na Área de Proteção Ambiental de Algodoal/Maiandeua, no município de Maracanã, de 26 a 29 de julho.




   
Foto: Divulgação
 


A coordenadora de Educação Ambiental da Semas, Andreia Monteiro, avalia positivamente as atividades desenvolvidas neste período. "A importância da ação é sensibilizar a comunidade local, assim como os veranistas. Busca-se inspirar práticas sustentáveis no público atendido, ocasionando um impacto positivo e agregando valores relacionados à prática da educação ambiental".


TAG parapraiaseducacao ambientalferias