Publicidade

Cidades

Home > Noticias > null

Ponte Phelippe Daou recebe iluminação verde em homenagem ao Dia do Exército, em Manaus

A ponte sobre o rio Negro é um dos cartões postais de Manaus que liga a capital à municípios da Região Metropolitana, entre eles, Iranduba, Novo Airão e Manacapuru.

Redação

jornalismo@portalamazonia.com


Em comemoração ao 371º aniversário do Exército Brasileiro, que será celebrado na próxima sexta-feira (19), o Comando Militar da Amazônia (CMA) iluminou a Ponte jornalista Phelippe Daou, em Manaus, com luzes na cor verde, contrastando com a cor amarela da pintura oficial.

A iluminação faz parte da programação comemorativa em importantes monumentos históricos da capital amazonense, reconhecidos no Brasil e no mundo.
Foto:Divulgação/CMA

O monumento está sob a administração da Secretaria de Estado da Região Metropolitana de Manaus (SRMM) e Unidade Gestora De Projetos Especiais (UGPE) que executam ações e projetos referentes às áreas cênica e estrutural.

“Neste ano, o Comando Militar da Amazônia conta com a parceria da Secretaria de Infraestrutura e da Região Metropolitana de Manaus para fazer lembrança a essa celebração histórica, que é o aniversário do Exército brasileiro. Estamos honrados em poder fazer parte das homenagens através de um dos ícones de nosso Estado, que é a Ponte sobre o Rio Negro”, destacou o coordenador executivo da Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE), Marcellus Campêlo.

A comemoração na capital amazonense é coordenada pelo Comando Militar da Amazônia (CMA) que vai realizar, entre os dias 12 e 19 de abril, palestras em escolas e universidades públicas e privadas, exposições de materiais militares, competições desportivas internas e apresentação da Banda de Música do CMA.

Foto:Divulgação/CMA

Ponte jornalista Phelippe Daou

A ponte sobre o rio Negro é um dos cartões postais de Manaus que liga a capital à municípios da Região Metropolitana, entre eles, Iranduba, Novo Airão e Manacapuru, além das cidades nas calhas de rios que se integram a esta região.

Foi inaugurada em 2011, e tem 11 quilômetros de extensão total, com 3,6 quilômetros sobre o rio Negro, 2 quilômetros na margem esquerda e 5,5 quilômetros na margem direita.

Cidades

Ponte Phelippe Daou recebe iluminação verde em homenagem ao Dia do Exército, em Manaus

A ponte sobre o rio Negro é um dos cartões postais de Manaus que liga a capital à municípios da Região Metropolitana, entre eles, Iranduba, Novo Airão e Manacapuru.


Em comemoração ao 371º aniversário do Exército Brasileiro, que será celebrado na próxima sexta-feira (19), o Comando Militar da Amazônia (CMA) iluminou a Ponte jornalista Phelippe Daou, em Manaus, com luzes na cor verde, contrastando com a cor amarela da pintura oficial.

A iluminação faz parte da programação comemorativa em importantes monumentos históricos da capital amazonense, reconhecidos no Brasil e no mundo.
Foto:Divulgação/CMA

O monumento está sob a administração da Secretaria de Estado da Região Metropolitana de Manaus (SRMM) e Unidade Gestora De Projetos Especiais (UGPE) que executam ações e projetos referentes às áreas cênica e estrutural.

“Neste ano, o Comando Militar da Amazônia conta com a parceria da Secretaria de Infraestrutura e da Região Metropolitana de Manaus para fazer lembrança a essa celebração histórica, que é o aniversário do Exército brasileiro. Estamos honrados em poder fazer parte das homenagens através de um dos ícones de nosso Estado, que é a Ponte sobre o Rio Negro”, destacou o coordenador executivo da Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE), Marcellus Campêlo.

A comemoração na capital amazonense é coordenada pelo Comando Militar da Amazônia (CMA) que vai realizar, entre os dias 12 e 19 de abril, palestras em escolas e universidades públicas e privadas, exposições de materiais militares, competições desportivas internas e apresentação da Banda de Música do CMA.

Foto:Divulgação/CMA

Ponte jornalista Phelippe Daou

A ponte sobre o rio Negro é um dos cartões postais de Manaus que liga a capital à municípios da Região Metropolitana, entre eles, Iranduba, Novo Airão e Manacapuru, além das cidades nas calhas de rios que se integram a esta região.

Foi inaugurada em 2011, e tem 11 quilômetros de extensão total, com 3,6 quilômetros sobre o rio Negro, 2 quilômetros na margem esquerda e 5,5 quilômetros na margem direita.


TAG Ponte Rio Negroponte jornalista phelippe daoumanausIrandubaamazonas