Publicidade

Meio Ambiente

Onça pintada é resgatada por Batalhão Ambiental em Itacoatiara, no interior do Amazonas

Segundo a Polícia Militar, o animal foi capturado inicialmente por ribeirinhos, que mantiveram o felino em um lugar seguro até a chegada das autoridades


O Batalhão de Policiamento Ambiental (BPAMB), realizou nesta quinta-feira, (24), em parceria com projeto de Extensão Observatório de Imprensa Avistamentos e Ataques de Onças (Oiaa Onça), da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), o resgate de uma onça pintada no município de Itacoatiara (distante a 165 quilômetros de Manaus).


Foto: Reprodução/Rede Amazônica

Em entrevista a Rede Amazônica, o chefe da Divisão Técnico Ambiental do Ibama em Manaus, Hugo Loss, relatou sobre o estado de saúde do animal.   
Segundo a Polícia Militar, o animal foi capturado inicialmente por ribeirinhos, que mantiveram o felino em um lugar seguro até a chegada das autoridades. Em seguida, a equipe levou a onça ao Ibama para procedimentos veterinários. 

 
Foto: Divulgação

De acordo com Loss, a onça é um filhote de cinco meses e pesa 15 quilos. O felino foi entregue ao Centros de Triagem de Animais Silvestres (Cetas) e passou por uma rigorosa bateria de exames. “Aparentemente está bem, não tem sinais de maus tratos, o único problema até o momento é a alimentação da onça, já que passou um bom tempo sendo criada por comunitários”, revelou.

Na opinião do profissional, o maior desafio para a onça será se adaptar a vida selvagem. “Ela viveu como um animal de estimação, ou seja, em condições adversas ao seu comportamento natural e provavelmente terá dificuldades em se adaptar a vida selvagem”, explicou.


Dados alarmantes

Em 2018, os municípios campeões por denúncias de abates de onças foram Presidente Figueiredo e Rio Preto da Eva, além disso, o Ibama recebeu várias notificações de animais que foram atropelados nas estradas próximas a capital. “As pessoas costumam comercializar partes da onça, como a cabeça ou o couro. O animal sofre também com o avanço do desmatamento, por isso, devemos ficar alertas”, assegurou Loss.

Informações e denúncias sobre crimes ambientais podem ser feitas diretamente ao Batalhão Ambiental da Polícia Militar por meio do telefone (92) 98842-1547, ou diretamente no endereço da unidade na Vila Olímpica, acesso pela rua  Álvaro Maia, Alvorada 1, zona Oeste.

Meio Ambiente

Home > Noticias > null

Onça pintada é resgatada por Batalhão Ambiental em Itacoatiara, no interior do Amazonas

Segundo a Polícia Militar, o animal foi capturado inicialmente por ribeirinhos, que mantiveram o felino em um lugar seguro até a chegada das autoridades

Redação

jornalismo@portalamazonia.com


O Batalhão de Policiamento Ambiental (BPAMB), realizou nesta quinta-feira, (24), em parceria com projeto de Extensão Observatório de Imprensa Avistamentos e Ataques de Onças (Oiaa Onça), da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), o resgate de uma onça pintada no município de Itacoatiara (distante a 165 quilômetros de Manaus).


Foto: Reprodução/Rede Amazônica

Em entrevista a Rede Amazônica, o chefe da Divisão Técnico Ambiental do Ibama em Manaus, Hugo Loss, relatou sobre o estado de saúde do animal.   
Segundo a Polícia Militar, o animal foi capturado inicialmente por ribeirinhos, que mantiveram o felino em um lugar seguro até a chegada das autoridades. Em seguida, a equipe levou a onça ao Ibama para procedimentos veterinários. 

 
Foto: Divulgação

De acordo com Loss, a onça é um filhote de cinco meses e pesa 15 quilos. O felino foi entregue ao Centros de Triagem de Animais Silvestres (Cetas) e passou por uma rigorosa bateria de exames. “Aparentemente está bem, não tem sinais de maus tratos, o único problema até o momento é a alimentação da onça, já que passou um bom tempo sendo criada por comunitários”, revelou.

Na opinião do profissional, o maior desafio para a onça será se adaptar a vida selvagem. “Ela viveu como um animal de estimação, ou seja, em condições adversas ao seu comportamento natural e provavelmente terá dificuldades em se adaptar a vida selvagem”, explicou.


Dados alarmantes

Em 2018, os municípios campeões por denúncias de abates de onças foram Presidente Figueiredo e Rio Preto da Eva, além disso, o Ibama recebeu várias notificações de animais que foram atropelados nas estradas próximas a capital. “As pessoas costumam comercializar partes da onça, como a cabeça ou o couro. O animal sofre também com o avanço do desmatamento, por isso, devemos ficar alertas”, assegurou Loss.

Informações e denúncias sobre crimes ambientais podem ser feitas diretamente ao Batalhão Ambiental da Polícia Militar por meio do telefone (92) 98842-1547, ou diretamente no endereço da unidade na Vila Olímpica, acesso pela rua  Álvaro Maia, Alvorada 1, zona Oeste.

TAG manausamazonasonça pintada amazoniaresgatebatalhão ambiental