Esportes

Final da Copa Verde promove sustentabilidade em Belém

Competição de futebol é pioneira em conceito de sustentabilidade. A última partida acontece nesta terça-feira, em Belém


 

Final da Copa Verde, entre Luverdense (MT) e Paysandu (PA), acontece nesta terça-feira no estádio Mangueirão, em Belém. Foto:Divulgação/MMA

 

A Copa Verde, campeonato pioneiro em sustentabilidade, encerra nesta terça-feira (16/05), em Belém, com o gerenciamento completo dos resíduos sólidos dos jogos e outras ações ambientais.

A final será no estádio Mangueirão em Belém (PA), entre os times Luverdense (MT) e Paysandu (PA) e contará com a presença de autoridades. Segundo o ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, o apoio do MMA à Copa Verde é uma forma de ampliar o alcance das agendas ambientais junto à população, principalmente, jovens, por meio de ações de educação ambiental. A programação de encerramento do campeonato inclui oficinas de futebol e de consumo consciente para crianças.

Recicláveis

Catadores de cooperativas de materiais recicláveis irão coletar o material consumido e descartado pelos torcedores durante a partida. Até o momento, foi recolhida uma tonelada de recicláveis, entres filmes coloridos, papelão, garrafas PET, latinhas e copos plásticos. A iniciativa baseia-se na premissa de desenvolvimento sustentável e economia solidária da Política Nacional de Resíduos Sólidos.

Parte do público dos jogos que já aconteceram doou materiais recicláveis em troca de três mil ingressos para os jogos. Dos 35 mil ingressos para a final de terça-feira, 10 mil serão confeccionados em papel-semente que, jogado em terra fértil, poderá brotar e se transformar em árvores.


O campeonato sustentável, que está em sua quarta edição, foi considerado a primeira competição carbono zero do futebol mundial. O gás carbônico (CO2) emitido com a realização dos jogos será compensado com o plantio de 1,4 mil mudas nativas em estados da Amazônia Legal.Durante a final, serão distribuídos 1,5 mil copos (Meu Eco Copo) a mulheres e crianças, em homenagem ao Dia da Mães. 

 

 


Esportes

Final da Copa Verde promove sustentabilidade em Belém

Competição de futebol é pioneira em conceito de sustentabilidade. A última partida acontece nesta terça-feira, em Belém

Redação

jornalismo@portalamazonia.com


 

Final da Copa Verde, entre Luverdense (MT) e Paysandu (PA), acontece nesta terça-feira no estádio Mangueirão, em Belém. Foto:Divulgação/MMA

 

A Copa Verde, campeonato pioneiro em sustentabilidade, encerra nesta terça-feira (16/05), em Belém, com o gerenciamento completo dos resíduos sólidos dos jogos e outras ações ambientais.

A final será no estádio Mangueirão em Belém (PA), entre os times Luverdense (MT) e Paysandu (PA) e contará com a presença de autoridades. Segundo o ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho, o apoio do MMA à Copa Verde é uma forma de ampliar o alcance das agendas ambientais junto à população, principalmente, jovens, por meio de ações de educação ambiental. A programação de encerramento do campeonato inclui oficinas de futebol e de consumo consciente para crianças.

Recicláveis

Catadores de cooperativas de materiais recicláveis irão coletar o material consumido e descartado pelos torcedores durante a partida. Até o momento, foi recolhida uma tonelada de recicláveis, entres filmes coloridos, papelão, garrafas PET, latinhas e copos plásticos. A iniciativa baseia-se na premissa de desenvolvimento sustentável e economia solidária da Política Nacional de Resíduos Sólidos.

Parte do público dos jogos que já aconteceram doou materiais recicláveis em troca de três mil ingressos para os jogos. Dos 35 mil ingressos para a final de terça-feira, 10 mil serão confeccionados em papel-semente que, jogado em terra fértil, poderá brotar e se transformar em árvores.


O campeonato sustentável, que está em sua quarta edição, foi considerado a primeira competição carbono zero do futebol mundial. O gás carbônico (CO2) emitido com a realização dos jogos será compensado com o plantio de 1,4 mil mudas nativas em estados da Amazônia Legal.Durante a final, serão distribuídos 1,5 mil copos (Meu Eco Copo) a mulheres e crianças, em homenagem ao Dia da Mães. 

 

 

TAG sustentabilidadeCopa VerdeMangueiraoPaysanduLuverdenseBelemfutebol