Publicidade

Economia

Empreendedores de Manaus recebem capacitação para Movimento Compre do Pequeno

Donos de comércios nas galerias populares de Manaus participam de cursos e palestras gratuitas sobre vendas e atendimento

Artur Mamede - Jornal do Commercio




MANAUS -
 Preparar os empreendedores das galerias populares de Manaus, através de ações promocionais e palestras gratuitas sobre vendas e atendimento, está na agenda do Serviço Brasileiro de Apoio as Micros e Pequenas Empresas no Amazonas (Sebrae-AM) em parceria com a Subsemch (Subsecretaria Municipal do Centro Histórico). Na próxima quarta-feira (30), acontece o acompanhamento aos comerciantes dos shoppings populares Espírito Santo e Galeria dos Remédios, ambos no Centro da cidade, mais os empreendedores do Mercado Municipal Adolpho Lisboa, Praça de Artesanato Tenreiro Aranha, camelódromo da rua Floriano Peixoto e Feira do Artesanato da Ponta Negra.
As ações visam convocar e conscientizar a sociedade e os comerciantes para o Dia Nacional da Micro e Pequena Empresa que acontece no dia 5 de outubro, explica o diretor superintendente do Sebrae no Amazonas, Aécio Flávio. “É um dia para valorizar, incentivar, priorizar e comprar os serviços e produtos das micros e pequenas empresas e dos empreendedores individuais, segmentos da economia que empregam mais de 50% da população”, ressalta o diretor.

Os pequenos negócios representam 27% do PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro e geram 52% dos empregos formais no Brasil. Foto: Karla Vieira/SemcomCom números expressivos e significantes para a economia brasileira, os pequenos negócios representam a entrada de muitos no mercado como geradores de emprego e renda. “Os 10 milhões de MEIs e MPEs representam 27% do PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro e geram 52% dos empregos formais do país e muitas vezes primeiro emprego e empresa para muitos, é hora de valorizar esse segmento, mobilizando a sociedade para fortalecer a economia brasileira comprando de quem faz a economia girar”, conta o superintendente. Ainda no dia 5, o Sebrae aproveita a data para iniciar o Movimento Compre do Pequeno Negócio, campanha que desde o lançamento tem tido adesão de diversos comerciantes. “O Movimento Compre do Pequeno Negócio é uma iniciativa do Sebrae em todo o Brasil e queremos mobilizar todas as pessoas para incentivar o pequeno negócio, mostrando que esse ato vai beneficiar todas as pessoas e principalmente a nossa economia, que precisa retomar o rumo do crescimento”, destaca Aécio Flávio. A importância dos micros e pequenos é salientada pelo diretor. “Nós, do Sebrae, temos a convicção de que o pequeno negócio é uma das principais alternativas para combater momentos econômicos como este que estamos vivendo”, resume.
Adesão
As campanhas do movimento já estão em rádios, TVs, internet e outdoors desde agosto e vem ganhando adesão da sociedade e dos comerciantes que procuram cadastro junto ao Sebrae. “Até a semana passada tínhamos cerca de 510 cadastrados de uma meta de mil.
Marca que vamos ultrapassar com facilidade, já que, só com a parceira com a prefeitura serão mais 600, que até o dia 4 de outubro passarão pela capacitação”, comenta Aécio Flávio, que ressalta a parceria com a prefeitura. “Reforçamos a legitimidade e importância do Movimento, levando benefícios aos empreendedores que atuam no Centro de Manaus, favorecendo uma melhoria no ambiente de compras e comércio da cidade”, conclui.
A busca por mais visibilidade e capacitação foi o que levou a proprietária da microempresa Dona Pimenta Geleias Artesanais, Ana Rosa Fernandes, a aderir ao Movimento. “Soubemos do programa pela TV e o motivo pelo qual nos inscrevemos foi saber do grande incentivo que o Sebrae dá aos micros e pequenos empreendedores. Estar ligada ao Movimento ainda pode trazer visibilidade para os nosso produtos, uma coisa que precisamos por sermos novos e pequenos”, finaliza Ana Rosa.
Além do Centro da cidade Mais parcerias foram fechadas como Sebrae para levar o Movimento Compre do Pequeno Negócio a outros bairros da cidade. No shopping Manaus ViaNorte (no Nova Cidade, zona Norte), serão realizadas duas exposições vinculadas ao Movimento. De 5 a 11 de outubro ocorre a exposição e venda de produtos de artesanato e entre os dias 5 e 7 acontece o Empório do Agronegócio, onde o visitante poderá comprar diversos produtos alimentícios regionais. Aderindo ao Movimento também, a Associação dos Empresários do Vieiralves realiza nos dias 3 e 4 de outubro, o Espaço Gourmet, evento voltado ao público infantil, que objetiva divulgar as ações das PMEs e MEIs.
Mais informações
Todas as informações sobre o evento estão no site do Movimento Compre do Pequeno Negócio e as dúvidas podem ser retiradas através do telefone 0800 570 0800. No site o empreendedor pode cadastrar gratuitamente sua empresa e passar a receber informações e ter sua empresa divulgada em nível local e nacional.

Economia

Home > Noticias > null

Empreendedores de Manaus recebem capacitação para Movimento Compre do Pequeno

Donos de comércios nas galerias populares de Manaus participam de cursos e palestras gratuitas sobre vendas e atendimento

Artur Mamede - Jornal do Commercio




MANAUS -
 Preparar os empreendedores das galerias populares de Manaus, através de ações promocionais e palestras gratuitas sobre vendas e atendimento, está na agenda do Serviço Brasileiro de Apoio as Micros e Pequenas Empresas no Amazonas (Sebrae-AM) em parceria com a Subsemch (Subsecretaria Municipal do Centro Histórico). Na próxima quarta-feira (30), acontece o acompanhamento aos comerciantes dos shoppings populares Espírito Santo e Galeria dos Remédios, ambos no Centro da cidade, mais os empreendedores do Mercado Municipal Adolpho Lisboa, Praça de Artesanato Tenreiro Aranha, camelódromo da rua Floriano Peixoto e Feira do Artesanato da Ponta Negra.
As ações visam convocar e conscientizar a sociedade e os comerciantes para o Dia Nacional da Micro e Pequena Empresa que acontece no dia 5 de outubro, explica o diretor superintendente do Sebrae no Amazonas, Aécio Flávio. “É um dia para valorizar, incentivar, priorizar e comprar os serviços e produtos das micros e pequenas empresas e dos empreendedores individuais, segmentos da economia que empregam mais de 50% da população”, ressalta o diretor.

Os pequenos negócios representam 27% do PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro e geram 52% dos empregos formais no Brasil. Foto: Karla Vieira/SemcomCom números expressivos e significantes para a economia brasileira, os pequenos negócios representam a entrada de muitos no mercado como geradores de emprego e renda. “Os 10 milhões de MEIs e MPEs representam 27% do PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro e geram 52% dos empregos formais do país e muitas vezes primeiro emprego e empresa para muitos, é hora de valorizar esse segmento, mobilizando a sociedade para fortalecer a economia brasileira comprando de quem faz a economia girar”, conta o superintendente. Ainda no dia 5, o Sebrae aproveita a data para iniciar o Movimento Compre do Pequeno Negócio, campanha que desde o lançamento tem tido adesão de diversos comerciantes. “O Movimento Compre do Pequeno Negócio é uma iniciativa do Sebrae em todo o Brasil e queremos mobilizar todas as pessoas para incentivar o pequeno negócio, mostrando que esse ato vai beneficiar todas as pessoas e principalmente a nossa economia, que precisa retomar o rumo do crescimento”, destaca Aécio Flávio. A importância dos micros e pequenos é salientada pelo diretor. “Nós, do Sebrae, temos a convicção de que o pequeno negócio é uma das principais alternativas para combater momentos econômicos como este que estamos vivendo”, resume.
Adesão
As campanhas do movimento já estão em rádios, TVs, internet e outdoors desde agosto e vem ganhando adesão da sociedade e dos comerciantes que procuram cadastro junto ao Sebrae. “Até a semana passada tínhamos cerca de 510 cadastrados de uma meta de mil.
Marca que vamos ultrapassar com facilidade, já que, só com a parceira com a prefeitura serão mais 600, que até o dia 4 de outubro passarão pela capacitação”, comenta Aécio Flávio, que ressalta a parceria com a prefeitura. “Reforçamos a legitimidade e importância do Movimento, levando benefícios aos empreendedores que atuam no Centro de Manaus, favorecendo uma melhoria no ambiente de compras e comércio da cidade”, conclui.
A busca por mais visibilidade e capacitação foi o que levou a proprietária da microempresa Dona Pimenta Geleias Artesanais, Ana Rosa Fernandes, a aderir ao Movimento. “Soubemos do programa pela TV e o motivo pelo qual nos inscrevemos foi saber do grande incentivo que o Sebrae dá aos micros e pequenos empreendedores. Estar ligada ao Movimento ainda pode trazer visibilidade para os nosso produtos, uma coisa que precisamos por sermos novos e pequenos”, finaliza Ana Rosa.
Além do Centro da cidade Mais parcerias foram fechadas como Sebrae para levar o Movimento Compre do Pequeno Negócio a outros bairros da cidade. No shopping Manaus ViaNorte (no Nova Cidade, zona Norte), serão realizadas duas exposições vinculadas ao Movimento. De 5 a 11 de outubro ocorre a exposição e venda de produtos de artesanato e entre os dias 5 e 7 acontece o Empório do Agronegócio, onde o visitante poderá comprar diversos produtos alimentícios regionais. Aderindo ao Movimento também, a Associação dos Empresários do Vieiralves realiza nos dias 3 e 4 de outubro, o Espaço Gourmet, evento voltado ao público infantil, que objetiva divulgar as ações das PMEs e MEIs.
Mais informações
Todas as informações sobre o evento estão no site do Movimento Compre do Pequeno Negócio e as dúvidas podem ser retiradas através do telefone 0800 570 0800. No site o empreendedor pode cadastrar gratuitamente sua empresa e passar a receber informações e ter sua empresa divulgada em nível local e nacional.

TAG