Publicidade

Atualidades

Home > Noticias > null

Chuva em Manaus: faixa azul é liberada e Defesa Civil registra mais de 30 ocorrências

As zonas Norte e Leste da capital amazonense foram as mais afetadas pela forte chuva, onde há áreas de risco

Redação

jornalismo@portalamazonia.com


A Central de Emergência 199, da Defesa Civil do município, registrou até às 16h desta quarta-feira (13), um total de 36 ocorrências ocasionadas pela chuva forte que atingiu a cidade. Equipes do órgão e de outras secretarias da Prefeitura de Manaus prestam atendimentos às ocorrências e a Central 199 segue no plantão, monitorando e registrando novos chamados.

As faixas exclusivas para circulação de ônibus e veículos prioritários das avenidas Torquato Tapajós e Constantino Nery, onde há registros de alagamentos, foram liberadas a todos os veículos para garantir melhor fluidez ao trânsito. A medida foi anunciada pelo Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans), que está com agentes em pontos estratégicos.
 
   
Foto: Nathalie Brasil/Semcom 
 
Segundo informações do Departamento de Operações da Defesa Civil, entre as ocorrências se destacam alagações, deslizamentos de barrancos, risco de desabar casa de madeira, desabamentos de muros e casas, e tombamento de árvore nos bairros. As zonas Norte e Leste foram as mais afetadas, onde há áreas de risco e onde também há apoio dos Núcleos Comunitários de Proteção e Defesa Civil (Nupdecs).

“Estamos com equipes nas ruas desde 11h da manhã. Trabalhamos sempre em parceria com as secretarias de Assistência Social e Cidadania (Semasc) e a de Infraestrutura (Seminf), mas hoje também acionamos a de Limpeza Urbana (Semulsp) por conta de tombamento de árvores. Então, alertamos os moradores, principalmente de áreas de risco, a ficarem em alerta e entrarem em contato com nossa Central”, disse a diretora de Operações da Defesa Civil, Bibiane Araújo, que acompanha as ocorrências.

Conforme dados dos Pluviômetros Automáticos da Defesa Civil instalados pela cidade, em parceria com o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), a média de chuva para Manaus até o momento é de 74 mm. As zonas Centro-Oeste e Oeste foram as mais atingidas, com 56 mm e 48,2 mm, respectivamente.

Ocorrências registradas pela Central 199

Alagação – 8
1 - Comunidade Grande Vitória - rua Garça Real
2 - Colônia Terra Nova - rua Uipiá
3 - Aleixo - Rua Severiano Nunes
4 - Colônia Terra Nova - rua Divinópolis
5 - Bairro da União - rua Projetada
6 - Nova Vitória - rua do Aterro
7 - Grande Vitória - rua Londrina
8 - Rio Piorini - rua e beco Cajual

Deslizamento de barranco - 15
1 - São José - rua Rio Arara
2 - Santa Etelvina - rua 4
3 - Rio Piorini - rua Granja
4 - Conjunto Alfredo Nascimento - rua Honda
5 - Alvorada - avenida General
6 - São José - rua Araguacema
7 - Com Jesus me Deu - rua Monte Gilboa
8 - Com João Paulo 2 - rua e beco Sena
9 - Zumbi 2 - rua Marcelo Santos
10 - Nova Vitória - rua e travessa Esperança
11 - Gilberto Mestrinho - rua Baía de Hudson
12 - Com Jesus me Deu – Rua Monte Sinai
13 - Com Ouro Verde – Rua das Araras
14 - Nova Cidade – Rua Dom Miguel
15 - Conjunto Boas Novas – rua 22

Desabamento de casa – 6
1 - Grande Vitória – rua Garça Parda
2 - Grande Vitória – rua Garça Cinzenta
3 - Nova Vitória – rua Vitória
4 - Gilberto Mestrinho – rua Fortaleza
5 - Santa Etelvina – Rua 4
6 - Japiim – Rua 47

Risco de desabar casa de madeira - 1
1 - Zumbi – rua Berimbau Baiano

Desabamento de muro – 5
1 - Zumbi – rua Cacatua
2 - Novo Israel – rua e beco Parintins
3 - Zumbi – Rua Joana Darc
4 - Lirio do Vale – rua Santa Luzia
5 - Conjunto Guaianás – avenida Senador Raimundo Parente

Tombamento de árvore – 1
1 - Bairro da Paz – rua Vagner
 
Atualidades

Chuva em Manaus: faixa azul é liberada e Defesa Civil registra mais de 30 ocorrências

As zonas Norte e Leste da capital amazonense foram as mais afetadas pela forte chuva, onde há áreas de risco


A Central de Emergência 199, da Defesa Civil do município, registrou até às 16h desta quarta-feira (13), um total de 36 ocorrências ocasionadas pela chuva forte que atingiu a cidade. Equipes do órgão e de outras secretarias da Prefeitura de Manaus prestam atendimentos às ocorrências e a Central 199 segue no plantão, monitorando e registrando novos chamados.

As faixas exclusivas para circulação de ônibus e veículos prioritários das avenidas Torquato Tapajós e Constantino Nery, onde há registros de alagamentos, foram liberadas a todos os veículos para garantir melhor fluidez ao trânsito. A medida foi anunciada pelo Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans), que está com agentes em pontos estratégicos.
 
   
Foto: Nathalie Brasil/Semcom 
 
Segundo informações do Departamento de Operações da Defesa Civil, entre as ocorrências se destacam alagações, deslizamentos de barrancos, risco de desabar casa de madeira, desabamentos de muros e casas, e tombamento de árvore nos bairros. As zonas Norte e Leste foram as mais afetadas, onde há áreas de risco e onde também há apoio dos Núcleos Comunitários de Proteção e Defesa Civil (Nupdecs).

“Estamos com equipes nas ruas desde 11h da manhã. Trabalhamos sempre em parceria com as secretarias de Assistência Social e Cidadania (Semasc) e a de Infraestrutura (Seminf), mas hoje também acionamos a de Limpeza Urbana (Semulsp) por conta de tombamento de árvores. Então, alertamos os moradores, principalmente de áreas de risco, a ficarem em alerta e entrarem em contato com nossa Central”, disse a diretora de Operações da Defesa Civil, Bibiane Araújo, que acompanha as ocorrências.

Conforme dados dos Pluviômetros Automáticos da Defesa Civil instalados pela cidade, em parceria com o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), a média de chuva para Manaus até o momento é de 74 mm. As zonas Centro-Oeste e Oeste foram as mais atingidas, com 56 mm e 48,2 mm, respectivamente.

Ocorrências registradas pela Central 199

Alagação – 8
1 - Comunidade Grande Vitória - rua Garça Real
2 - Colônia Terra Nova - rua Uipiá
3 - Aleixo - Rua Severiano Nunes
4 - Colônia Terra Nova - rua Divinópolis
5 - Bairro da União - rua Projetada
6 - Nova Vitória - rua do Aterro
7 - Grande Vitória - rua Londrina
8 - Rio Piorini - rua e beco Cajual

Deslizamento de barranco - 15
1 - São José - rua Rio Arara
2 - Santa Etelvina - rua 4
3 - Rio Piorini - rua Granja
4 - Conjunto Alfredo Nascimento - rua Honda
5 - Alvorada - avenida General
6 - São José - rua Araguacema
7 - Com Jesus me Deu - rua Monte Gilboa
8 - Com João Paulo 2 - rua e beco Sena
9 - Zumbi 2 - rua Marcelo Santos
10 - Nova Vitória - rua e travessa Esperança
11 - Gilberto Mestrinho - rua Baía de Hudson
12 - Com Jesus me Deu – Rua Monte Sinai
13 - Com Ouro Verde – Rua das Araras
14 - Nova Cidade – Rua Dom Miguel
15 - Conjunto Boas Novas – rua 22

Desabamento de casa – 6
1 - Grande Vitória – rua Garça Parda
2 - Grande Vitória – rua Garça Cinzenta
3 - Nova Vitória – rua Vitória
4 - Gilberto Mestrinho – rua Fortaleza
5 - Santa Etelvina – Rua 4
6 - Japiim – Rua 47

Risco de desabar casa de madeira - 1
1 - Zumbi – rua Berimbau Baiano

Desabamento de muro – 5
1 - Zumbi – rua Cacatua
2 - Novo Israel – rua e beco Parintins
3 - Zumbi – Rua Joana Darc
4 - Lirio do Vale – rua Santa Luzia
5 - Conjunto Guaianás – avenida Senador Raimundo Parente

Tombamento de árvore – 1

TAG chuvaDefesa Civil