Publicidade

Cidades

Cena comovente de incêndio no Educandos é transformada em obra de grafite, em Manaus

Trabalho do artista Ude Art foi feito em uma das pontes do bairro afetado pela tragédia e viralizou nas redes sociais


Na última segunda-feira (17), o Estado do Amazonas viveu um dos maiores incêndios da história: a favela Bodozal, do bairro Educandos, na zona sul de Manaus, foi tomada por fogo, e, pelo menos, 622 casas foram completamente queimadas.

Saiba como ajudar e fazer doações às vítimas do incêndio que atingiu casas do Educandos

Entre os registros do incêndio no Educandos, um chamou a atenção das pessoas. É a foto de um garoto sentado na calçada, possivelmente vigiando pertences da família, que está olhando em direção ao fogo consumindo as casas da comunidade.

O grafiteiro amazonense Ude Art resolveu usar sua arte para registrar a imagem em uma das paredes que completam a sustentação de uma ponte do bairro, na Avenida Leopoldo Péres. A repercussão da obra foi imediata e a imagem do grafite viralizou nas redes sociais.
 
     
Foto: Divulgação/Inventus 
 
Em entrevista ao Portal Amazônia, Ude falou da vontade em retratar aquele momento através do grafite. "Eu fiquei sentido por essa foto, com as coisas no chão, e ele olhando para sua casa pegando fogo. Isso me deixou comovido e resolvi fazer a pintura, que não sei se é para homenagear ou um graffite de luto, mas resolvi fazer para representar todos que perderam suas casas e seus pertences na tragédia", conta Ude.

Até a publicação desta matéria, a reportagem não conseguiu localizar o autor da foto.

 
Foto: Divulgação/Inventus 

Foto: Divulgação/Inventus 

  Quase 2,2 pessoas atingidas pelo incêndio

O incêndio de grandes proporções atingiu, aproximadamente, 600 casas no bairro Educandos, zona sul de Manaus, na noite dessa segunda-feira (17), conforme informou a Defesa Civil à Rede Amazônica. O prefeito da capital amazonense anunciou um decreto de calamidade pública por conta da situação.

Veja também: Voluntários pedem doações para animais feridos por incêndio, em Manaus

A Prefeitura de Manaus contabilizou, até o momento, 2.195 pessoas atingidas pelo incêndio no bairro Educandos. E as buscas pelo serviço social da prefeitura para o cadastramento continuam. Já são mais de 622 famílias cadastradas.

Aproximadamente 200 pessoas estão divididas em cinco abrigos mantidos pela prefeitura, em parceria com algumas instituições. Outras estão alojadas em casas de parentes e amigos.

Cidades

Home > Noticias > null

Cena comovente de incêndio no Educandos é transformada em obra de grafite, em Manaus

Trabalho do artista Ude Art foi feito em uma das pontes do bairro afetado pela tragédia e viralizou nas redes sociais

William Costa

william.costa@portalamazonia.com


Na última segunda-feira (17), o Estado do Amazonas viveu um dos maiores incêndios da história: a favela Bodozal, do bairro Educandos, na zona sul de Manaus, foi tomada por fogo, e, pelo menos, 622 casas foram completamente queimadas.

Saiba como ajudar e fazer doações às vítimas do incêndio que atingiu casas do Educandos

Entre os registros do incêndio no Educandos, um chamou a atenção das pessoas. É a foto de um garoto sentado na calçada, possivelmente vigiando pertences da família, que está olhando em direção ao fogo consumindo as casas da comunidade.

O grafiteiro amazonense Ude Art resolveu usar sua arte para registrar a imagem em uma das paredes que completam a sustentação de uma ponte do bairro, na Avenida Leopoldo Péres. A repercussão da obra foi imediata e a imagem do grafite viralizou nas redes sociais.
 
     
Foto: Divulgação/Inventus 
 
Em entrevista ao Portal Amazônia, Ude falou da vontade em retratar aquele momento através do grafite. "Eu fiquei sentido por essa foto, com as coisas no chão, e ele olhando para sua casa pegando fogo. Isso me deixou comovido e resolvi fazer a pintura, que não sei se é para homenagear ou um graffite de luto, mas resolvi fazer para representar todos que perderam suas casas e seus pertences na tragédia", conta Ude.

Até a publicação desta matéria, a reportagem não conseguiu localizar o autor da foto.

 
Foto: Divulgação/Inventus 

Foto: Divulgação/Inventus 

  Quase 2,2 pessoas atingidas pelo incêndio

O incêndio de grandes proporções atingiu, aproximadamente, 600 casas no bairro Educandos, zona sul de Manaus, na noite dessa segunda-feira (17), conforme informou a Defesa Civil à Rede Amazônica. O prefeito da capital amazonense anunciou um decreto de calamidade pública por conta da situação.

Veja também: Voluntários pedem doações para animais feridos por incêndio, em Manaus

A Prefeitura de Manaus contabilizou, até o momento, 2.195 pessoas atingidas pelo incêndio no bairro Educandos. E as buscas pelo serviço social da prefeitura para o cadastramento continuam. Já são mais de 622 famílias cadastradas.

Aproximadamente 200 pessoas estão divididas em cinco abrigos mantidos pela prefeitura, em parceria com algumas instituições. Outras estão alojadas em casas de parentes e amigos.

TAG grafittiartepinturaseducandossergio ude art