Publicidade

Agenda

Home > Noticias > Agenda
Agenda

Artistas escritores de grafite participam da primeira edição da "Graff Feira", em Manaus

A proposta da ocupação/exposição é reunir alguns dos artistas de Manaus que fazem letras de trauapes, e dar espaço a arte e cultura desta vertente


Artistas escritores de grafite se reúnem para a primeira edição do “Graff Feira”. O evento acontece no dia 5 e 6 de outubro, sábado e domingo, a partir das 16h, no Espaço Mediações da Galeria do Largo São Sebastião. O objetivo da “Graff Feira” é mostrar para o público os mais variados tipos de grafites produzidas por artistas locais.


A proposta da ocupação/exposição é reunir alguns dos artistas de Manaus que fazem letras de trauapes, e dar espaço a arte e cultura desta vertente, buscando a pluralidade e a união das sopas de letras que ocorrem nas ruas e agora ocupam este local, pois para nós não importa o suporte.  
   
Foto: Divulgação
   

De acordo com o organizador do evento, Ítalo Alus, o evento faz parte da ocupação artística voltado para o grafite que iniciou em setembro no Largo de São Sebastião. “O diretor da Galeria, Cristóvão Coutinho, nos ofereceu o espaço para a exposição “Sopa de Letras”, então, tivemos a ideia de criar a exposição e uma programação diferenciada para agregarmos mais valor para o trabalho dos artistas locais”, disse.


O evento contará com o som do DJ Lecons, Deby Mitsue na "voz e violão" e  microfone aberto para recitação de poesias, slam, performances e pintura ao vivo.


Sobre a exposição


A exposição “Sopa de Letras: Trauapes” conta com 21 artistas grafiteiros. Fazem parte do grupo Adonay, Alus, Bielz, Blur, Bynose, Bora, Bulk, Chavez, Freak, Gabi, Godo, Gnos, Kaht, Kina, Liu, Lori, Mani, Telezé, Rosie, Tronks, Zoio. Com visitação de terça-feira a domingo, das 14h às 20 horas.


“Trauapes” é o aportuguesamento de throw-up, também chamadas de bomb, que são como letras rápidas, com o nome dos escritores, com contorno, preenchimento e sombra. Nelas, o artista usa o estilo para criar uma identidade. Quando escritores se unem para encaixarem suas letras no muro, isto é chamado de Sopa de Letras, que terá uma mostra na Galeria do Largo. O grupo também realizará apresentações de Hip Hop e batalhas de tag, no local.         

Artistas escritores de grafite participam da primeira edição da "Graff Feira", em Manaus

A proposta da ocupação/exposição é reunir alguns dos artistas de Manaus que fazem letras de trauapes, e dar espaço a arte e cultura desta vertente

Redação

jornalismo@portalamazonia.com


Artistas escritores de grafite se reúnem para a primeira edição do “Graff Feira”. O evento acontece no dia 5 e 6 de outubro, sábado e domingo, a partir das 16h, no Espaço Mediações da Galeria do Largo São Sebastião. O objetivo da “Graff Feira” é mostrar para o público os mais variados tipos de grafites produzidas por artistas locais.


A proposta da ocupação/exposição é reunir alguns dos artistas de Manaus que fazem letras de trauapes, e dar espaço a arte e cultura desta vertente, buscando a pluralidade e a união das sopas de letras que ocorrem nas ruas e agora ocupam este local, pois para nós não importa o suporte.  
   
Foto: Divulgação
   

De acordo com o organizador do evento, Ítalo Alus, o evento faz parte da ocupação artística voltado para o grafite que iniciou em setembro no Largo de São Sebastião. “O diretor da Galeria, Cristóvão Coutinho, nos ofereceu o espaço para a exposição “Sopa de Letras”, então, tivemos a ideia de criar a exposição e uma programação diferenciada para agregarmos mais valor para o trabalho dos artistas locais”, disse.


O evento contará com o som do DJ Lecons, Deby Mitsue na "voz e violão" e  microfone aberto para recitação de poesias, slam, performances e pintura ao vivo.


Sobre a exposição


A exposição “Sopa de Letras: Trauapes” conta com 21 artistas grafiteiros. Fazem parte do grupo Adonay, Alus, Bielz, Blur, Bynose, Bora, Bulk, Chavez, Freak, Gabi, Godo, Gnos, Kaht, Kina, Liu, Lori, Mani, Telezé, Rosie, Tronks, Zoio. Com visitação de terça-feira a domingo, das 14h às 20 horas.


“Trauapes” é o aportuguesamento de throw-up, também chamadas de bomb, que são como letras rápidas, com o nome dos escritores, com contorno, preenchimento e sombra. Nelas, o artista usa o estilo para criar uma identidade. Quando escritores se unem para encaixarem suas letras no muro, isto é chamado de Sopa de Letras, que terá uma mostra na Galeria do Largo. O grupo também realizará apresentações de Hip Hop e batalhas de tag, no local.         

TAG manausamazonasprogramacaografittiarte