Esportes

62ª Corrida Pedestre Archer Pinto reúne mais de 1500 atletas em Manaus

A prova teve 7km de extensão e foi disputada na manhã deste domingo


Na manhã deste domingo (10) foi realizada a tradicional Corrida Pedestre Henrique Archer Pinto, no Studio 5 Centro de Convenções, em Manaus. A 62ª edição marca a comemoração dos 45 anos do Grupo Rede Amazônica.

No total, 1500 pessoas puderam correr os 7 km de prova, que mesmo com a chuva, os atletas já se aqueciam e com muita disposição. Entre os presentes estava o médico boliviano Vitor Hugo Rico que acompanhava sua filha, a paratleta Fabíola Alexandra Rico, e falou da importância de se manter uma atividade física.

"Correr melhora a qualidade de vida, o caráter, o relacionamento, e da vontade de viver mais", disse. Já Fabíola falou da oportunidade em participar. "Estou emocionada, mas a expectativa é de ganhar", disse.   

       
Foto: William Costa / Portal Amazônia
 
 
A atleta que disputou na categoria feminino e ficou em 5º lugar na classificação elite, Hurruro Rocha, contou da alegria em poder participar da corrida. "Nós somos atletas e nossa satisfação é correr. E hoje, a chuva só nos ajudou", disse.

Em pouco mais de 24 minutos de prova, o atleta de Rondônia Juarez Rosa, vence mais uma edição da corrida na categoria masculina, e ainda cansado falou do esforço que foi completar essa prova.

"Eu tinha disputado uma corrida em Belém, liderando a prova e faltando apenas 500 metros do término, desmaiei, e isso de alguma forma me deixou triste, mas eu não desisti, foi uma aprendizagem. Cada corrida você vai aprendendo, e esse ano, o tempo favoreceu, e a chuva só ajudou", disse. "A Rede Amazônica está de parabéns pela corrida", completou.   

       
Foto: William Costa / Portal Amazônia
 
 
Na categoria feminino, a atleta paraense Franciane dos Santos levou o primeiro lugar em quase 28 minutos de corrida. Essa é a quarta vez que que vence a corrida.

"Eu esperava um tempo melhor, mas estou feliz com o resultado. Esta corrida foi meu último treinamento para disputar a São Silvestre e chegar aqui e fazer uma bela corrida foi muito bom, e a chuva só ajudou", disse.  
       
Foto: William Costa / Portal Amazônia
 
 
Para o diretor de Marketing do Grupo Rede Amazônica, Ribeiro Júnior, a corrida foi um sucesso. "Ano 62, um grande sucesso, também com a participação do público. A Rede Amazônica convidou e o público respondeu, a largada foi fantástica e o novo percurso de 7 km, foi para celebrar os 45 anos do GRAM. Uma festa do esporte que celebra a saúde e a qualidade de vida", disse.

O CEO do GRAM Phelippe Daou Junior falou da corrida que homenageia os grandes fundadores da Rede Amazônica. " Sem dúvida esse era um evento cuidado com muito carinho por todos eles. Nossa ideia é crescer cada vez mais com o evento, e oferecer, não só para Manaus, mas outros Estados também. Mesmo com a chuva as pessoas estão aqui pois acreditaram no evento, e isso se deve ao esforço das equipes, parabéns a todos", completou. 
     
Foto: William Costa / Portal Amazônia
 
 
Desde 1955

A Corrida Pedestre Henrique Archer Pinto existe desde 1955. O nome da competição foi uma homenagem ao jornalista maranhense de mesmo nome, que fundou o periódico “O Jornal”, ainda no início da década de 30, na cidade de Manaus. Em 1936, pôs em circulação o “Diário da Tarde”, tornando-se pioneiro na imprensa manauense e personalidade de extremo prestígio e influência em toda a região.


     
Alongamentos antes da prova   [ Foto: William Costa / Portal Amazônia ] 
 
  

       
Atleta Hurruro Rocha [ Foto: William Costa / Portal Amazônia ]
 
          
Pódio Feminino  [ Foto: William Costa / Portal Amazônia ]
   

Esportes

Home > Noticias > null

62ª Corrida Pedestre Archer Pinto reúne mais de 1500 atletas em Manaus

A prova teve 7km de extensão e foi disputada na manhã deste domingo

William Costa

william.costa@portalamazonia.com


Na manhã deste domingo (10) foi realizada a tradicional Corrida Pedestre Henrique Archer Pinto, no Studio 5 Centro de Convenções, em Manaus. A 62ª edição marca a comemoração dos 45 anos do Grupo Rede Amazônica.

No total, 1500 pessoas puderam correr os 7 km de prova, que mesmo com a chuva, os atletas já se aqueciam e com muita disposição. Entre os presentes estava o médico boliviano Vitor Hugo Rico que acompanhava sua filha, a paratleta Fabíola Alexandra Rico, e falou da importância de se manter uma atividade física.

"Correr melhora a qualidade de vida, o caráter, o relacionamento, e da vontade de viver mais", disse. Já Fabíola falou da oportunidade em participar. "Estou emocionada, mas a expectativa é de ganhar", disse.   

       
Foto: William Costa / Portal Amazônia
 
 
A atleta que disputou na categoria feminino e ficou em 5º lugar na classificação elite, Hurruro Rocha, contou da alegria em poder participar da corrida. "Nós somos atletas e nossa satisfação é correr. E hoje, a chuva só nos ajudou", disse.

Em pouco mais de 24 minutos de prova, o atleta de Rondônia Juarez Rosa, vence mais uma edição da corrida na categoria masculina, e ainda cansado falou do esforço que foi completar essa prova.

"Eu tinha disputado uma corrida em Belém, liderando a prova e faltando apenas 500 metros do término, desmaiei, e isso de alguma forma me deixou triste, mas eu não desisti, foi uma aprendizagem. Cada corrida você vai aprendendo, e esse ano, o tempo favoreceu, e a chuva só ajudou", disse. "A Rede Amazônica está de parabéns pela corrida", completou.   

       
Foto: William Costa / Portal Amazônia
 
 
Na categoria feminino, a atleta paraense Franciane dos Santos levou o primeiro lugar em quase 28 minutos de corrida. Essa é a quarta vez que que vence a corrida.

"Eu esperava um tempo melhor, mas estou feliz com o resultado. Esta corrida foi meu último treinamento para disputar a São Silvestre e chegar aqui e fazer uma bela corrida foi muito bom, e a chuva só ajudou", disse.  
       
Foto: William Costa / Portal Amazônia
 
 
Para o diretor de Marketing do Grupo Rede Amazônica, Ribeiro Júnior, a corrida foi um sucesso. "Ano 62, um grande sucesso, também com a participação do público. A Rede Amazônica convidou e o público respondeu, a largada foi fantástica e o novo percurso de 7 km, foi para celebrar os 45 anos do GRAM. Uma festa do esporte que celebra a saúde e a qualidade de vida", disse.

O CEO do GRAM Phelippe Daou Junior falou da corrida que homenageia os grandes fundadores da Rede Amazônica. " Sem dúvida esse era um evento cuidado com muito carinho por todos eles. Nossa ideia é crescer cada vez mais com o evento, e oferecer, não só para Manaus, mas outros Estados também. Mesmo com a chuva as pessoas estão aqui pois acreditaram no evento, e isso se deve ao esforço das equipes, parabéns a todos", completou. 
     
Foto: William Costa / Portal Amazônia
 
 
Desde 1955

A Corrida Pedestre Henrique Archer Pinto existe desde 1955. O nome da competição foi uma homenagem ao jornalista maranhense de mesmo nome, que fundou o periódico “O Jornal”, ainda no início da década de 30, na cidade de Manaus. Em 1936, pôs em circulação o “Diário da Tarde”, tornando-se pioneiro na imprensa manauense e personalidade de extremo prestígio e influência em toda a região.


     
Alongamentos antes da prova   [ Foto: William Costa / Portal Amazônia ] 
 
  

       
Atleta Hurruro Rocha [ Foto: William Costa / Portal Amazônia ]
 
          
Pódio Feminino  [ Foto: William Costa / Portal Amazônia ]
   

TAG Corrida Pedestre Henrique Archer PintomanausAmazonasStudio 5

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
VOCÊ VIU ?