Publicidade

Cidades

Home > Noticias > null

12º Congresso de Gestão de Pessoas de Belém discute inteligência competitiva

Evento realizado pela ABRH seccional Pará acontece nos dias 19, 20 e 21 de novembro, no Hotel Princesa Louçã

Redação


BELÉM - Inteligência Competitiva é o tema da 12ª edição do Congresso de Gestão de Pessoas, que acontece em Belém nos dias 19, 20 e 21 de novembro. O evento, considerado o maior da área da Região Norte, vai apresentar o assunto como 'Processo Dinâmico para Agilidade, Eficiência e Eficácia'. O objetivo é compartilhar ideias e ações de excelência em gestão de pessoas. O congresso acontece no Hotel Princesa Louçã. A Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH) Seccional do Pará, organizadora do evento, destaca que a inteligência competitiva é um processo dinâmico, que agrega componentes, como a gestão da informação e a gestão do conhecimento. É de extrema importância para as organizações, que cada vez mais necessitam ser competitivas frente ao mercado consumidor, quer seja regional, nacional ou internacional. A inteligência competitiva é apresentada no Congresso como um processo organizacional e fundamental às organizações, sob vários aspectos, como por exemplo, para as pessoas desenvolverem suas atividades profissionais, para as unidades de trabalho planejarem suas ações táticas e operacionais, para os setores estratégicos definirem suas estratégias de ação, visando o mercado, a competitividade e a globalização. Os minicursos, palestras e discussões abordam temas como:- Cultura organizacional, fundamental para o êxito da inteligência competitiva;
- A gestão da informação e as atividades pertinentes à prospecção e ao monitoramento informacional;
- Gestão do conhecimento como parte do processo da inteligência competitiva;
- A inovação tecnológica e a importância do processo para a inteligência competitiva;
- A atuação do profissional da informação no processo de inteligência competitiva;
- Liderança e os desafios da inteligência competitiva. 
De acordo com a ABRH-PA, na atual conjuntura, é necessário acompanhar as mudanças diante de um contexto fortemente marcado por avanços tecnológicos, que sugerem a evolução das formas de estruturação/representação da informação e do conhecimento, uma vez que as organizações exigem cada vez mais agilidade, rapidez, flexibilidade e qualidade."O mercado pressiona as organizações para que incorporem e aprimorem as tecnologias de ponta, busquem novos modelos de organização, gestão e tecnologia, ampliem conhecimentos e inovem, para que possam prosperar com sucesso nos diversos segmentos produtivos. A inovação tecnológica que utiliza a informação e o conhecimento para a produção e inserção no mercado de novos bens e serviços, é atualmente alavanca para o desenvolvimento e conseqüentemente referencial para a competitividade empresarial", destaca a entidade.A informação e o conhecimento científico e tecnológico estão sendo cada vez mais utilizados como mola-mestra central nas organizações, respaldando e direcionando os seus projetos. 
Cidades

12º Congresso de Gestão de Pessoas de Belém discute inteligência competitiva

Evento realizado pela ABRH seccional Pará acontece nos dias 19, 20 e 21 de novembro, no Hotel Princesa Louçã

Redação


BELÉM - Inteligência Competitiva é o tema da 12ª edição do Congresso de Gestão de Pessoas, que acontece em Belém nos dias 19, 20 e 21 de novembro. O evento, considerado o maior da área da Região Norte, vai apresentar o assunto como 'Processo Dinâmico para Agilidade, Eficiência e Eficácia'. O objetivo é compartilhar ideias e ações de excelência em gestão de pessoas. O congresso acontece no Hotel Princesa Louçã. A Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH) Seccional do Pará, organizadora do evento, destaca que a inteligência competitiva é um processo dinâmico, que agrega componentes, como a gestão da informação e a gestão do conhecimento. É de extrema importância para as organizações, que cada vez mais necessitam ser competitivas frente ao mercado consumidor, quer seja regional, nacional ou internacional. A inteligência competitiva é apresentada no Congresso como um processo organizacional e fundamental às organizações, sob vários aspectos, como por exemplo, para as pessoas desenvolverem suas atividades profissionais, para as unidades de trabalho planejarem suas ações táticas e operacionais, para os setores estratégicos definirem suas estratégias de ação, visando o mercado, a competitividade e a globalização. Os minicursos, palestras e discussões abordam temas como:- Cultura organizacional, fundamental para o êxito da inteligência competitiva;
- A gestão da informação e as atividades pertinentes à prospecção e ao monitoramento informacional;
- Gestão do conhecimento como parte do processo da inteligência competitiva;
- A inovação tecnológica e a importância do processo para a inteligência competitiva;
- A atuação do profissional da informação no processo de inteligência competitiva;
- Liderança e os desafios da inteligência competitiva. 
De acordo com a ABRH-PA, na atual conjuntura, é necessário acompanhar as mudanças diante de um contexto fortemente marcado por avanços tecnológicos, que sugerem a evolução das formas de estruturação/representação da informação e do conhecimento, uma vez que as organizações exigem cada vez mais agilidade, rapidez, flexibilidade e qualidade."O mercado pressiona as organizações para que incorporem e aprimorem as tecnologias de ponta, busquem novos modelos de organização, gestão e tecnologia, ampliem conhecimentos e inovem, para que possam prosperar com sucesso nos diversos segmentos produtivos. A inovação tecnológica que utiliza a informação e o conhecimento para a produção e inserção no mercado de novos bens e serviços, é atualmente alavanca para o desenvolvimento e conseqüentemente referencial para a competitividade empresarial", destaca a entidade.A informação e o conhecimento científico e tecnológico estão sendo cada vez mais utilizados como mola-mestra central nas organizações, respaldando e direcionando os seus projetos. 

TAG