Publicidade

Educação

Home > Educacao > null
Educação

Instituto Federal do Amapá reoferta 280 vagas para 15 cursos de graduação em 4 municípios

São 238 vagas para Macapá, 20 para Santana, 19 para Laranjal do Jari e 3 para Porto Grande


Vagas remanescentes de 15 cursos de graduação do Instituto Federal do Amapá (Ifap) estão sendo ofertadas para os campi Macapá, Santana, Laranjal do Jari e Porto Grande. As inscrições para preenchimento das 280 vagas iniciam na quarta-feira (22) e seguem até 6 de junho, pela internet. Confira o edital.

 

Também conhecido como “Vestibulinho”, o Processo Seletivo de Matrículas Especiais (PSME) oferta vagas para 15 cursos, para o segundo semestre deste ano. A seleção tem uma única fase, onde será feita análise do rendimento escolar do 1º semestre do curso de origem.

           
Foto: Jorge Abreu/Arquivo
 


São 238 vagas para Macapá, 20 para Santana, 19 para Laranjal do Jari e 3 para Porto Grande. Podem participar do certame pretendentes que correspondem a uma das quatro modalidades de ingresso:


Reingresso - destinada a estudantes de graduação presencial do instituto que perderam o vínculo com o Ifap;
Transferência interna - destinada aos estudantes de graduação presencial do Ifap que desejam mudar de curso;

Transferência interinstitucional - para estudantes de cursos superiores de graduação presencial de outras instituições de ensino superior, que tenham concluído o 1º semestre no curso de origem com aprovação em, no mínimo, três disciplinas, e cursar o mínimo de 50% dos componentes curriculares do curso no Ifap;

Portador de diploma - destinada a graduados com diplomas devidamente reconhecidos pelo MEC, sem exigência de tempo de formado.

 

Podem solicitar isenção da taxa de inscrição os candidatos que estiverem inscritos no Cadastro Único (CadÚnico) para programas sociais do Governo Federal, como o Bolsa Família, e que tenham perfil de renda de até meio salário-mínimo per capita ou renda familiar de até três salários-mínimos.

Saiba os cursos ofertados para cada campus:

Macapá: licenciatura em letras português/inglês, em informática, química, matemática e física, tecnologia em redes de computadores, em mineração, alimentos e construção de edifícios.

Santana: tecnólogo em gestão de recursos humanos e tecnologia em comércio exterior.

Porto Grande: bacharelado em engenharia agronômica.

Laranjal do Jari: tecnologia em gestão ambiental, licenciatura em ciências biológicas e bacharelado em administração.


Instituto Federal do Amapá reoferta 280 vagas para 15 cursos de graduação em 4 municípios

São 238 vagas para Macapá, 20 para Santana, 19 para Laranjal do Jari e 3 para Porto Grande

Redação

jornalismo@portalamazonia.com


Vagas remanescentes de 15 cursos de graduação do Instituto Federal do Amapá (Ifap) estão sendo ofertadas para os campi Macapá, Santana, Laranjal do Jari e Porto Grande. As inscrições para preenchimento das 280 vagas iniciam na quarta-feira (22) e seguem até 6 de junho, pela internet. Confira o edital.

 

Também conhecido como “Vestibulinho”, o Processo Seletivo de Matrículas Especiais (PSME) oferta vagas para 15 cursos, para o segundo semestre deste ano. A seleção tem uma única fase, onde será feita análise do rendimento escolar do 1º semestre do curso de origem.

           
Foto: Jorge Abreu/Arquivo
 


São 238 vagas para Macapá, 20 para Santana, 19 para Laranjal do Jari e 3 para Porto Grande. Podem participar do certame pretendentes que correspondem a uma das quatro modalidades de ingresso:


Reingresso - destinada a estudantes de graduação presencial do instituto que perderam o vínculo com o Ifap;
Transferência interna - destinada aos estudantes de graduação presencial do Ifap que desejam mudar de curso;

Transferência interinstitucional - para estudantes de cursos superiores de graduação presencial de outras instituições de ensino superior, que tenham concluído o 1º semestre no curso de origem com aprovação em, no mínimo, três disciplinas, e cursar o mínimo de 50% dos componentes curriculares do curso no Ifap;

Portador de diploma - destinada a graduados com diplomas devidamente reconhecidos pelo MEC, sem exigência de tempo de formado.

 

Podem solicitar isenção da taxa de inscrição os candidatos que estiverem inscritos no Cadastro Único (CadÚnico) para programas sociais do Governo Federal, como o Bolsa Família, e que tenham perfil de renda de até meio salário-mínimo per capita ou renda familiar de até três salários-mínimos.

Saiba os cursos ofertados para cada campus:

Macapá: licenciatura em letras português/inglês, em informática, química, matemática e física, tecnologia em redes de computadores, em mineração, alimentos e construção de edifícios.

Santana: tecnólogo em gestão de recursos humanos e tecnologia em comércio exterior.

Porto Grande: bacharelado em engenharia agronômica.

Laranjal do Jari: tecnologia em gestão ambiental, licenciatura em ciências biológicas e bacharelado em administração.

TAG amapamacapaifapoportunidade