Turismo

Tchibum! Conheça 6 locais para mergulhar e se divertir em Roraima

Separe o protetor solar, vista a sunga ou biquíni e prepare-se para a diversão com a família e amigos


E a saga da equipe do Portal Amazônia para descobrir e apresentar bons locais para dar um mergulho e se divertir continua.

Agora, separe o protetor solar, vista a sunga ou biquíni e prepare-se para a diversão com a família e amigos em Roraima.

Lago Caracaranã

O lago fica em Normandia (cerca de 180 quilômetros de Boa Vista), e é reconhecido pelas belezas paradisíacas, mas tem acesso restrito por ser terra indígena Raposa Serra do Sol, da etnia macuxi.
Ingressos: R$10,00 e se preferir pernoitar, paga-se mais R$ 5,00.
Não há restaurante no local.
     
Foto: Divulgação/Jessé Souza
 

Lagoa Azul

Neste balneário, além das águas azuladas, o local é conhecido pela tranquilidade. A lagoa fica em um ramal da BR 174, cerca de 38 quilômetros do centro da cidade. Altura da região do Murupu, zona rural de Boa Vista.
Acesso livre.
     
Foto: Divulgação/Google - Rogean Caleffi
 
Corredeiras do Bem-Querer 

Para quem procura esporte e aventura, as correiras são uma ótima pedida. Fica cerca de 140 quilômetros da capital, no município de Caracaraí.
Possui restaurante no local.
     
Foto: Divulgação/Jessé Souza
 
Lago do Robertinho

O famoso lago no cerrado de Roraima fica a 43 quilômetros da capital, sentido Pacaraima. O acesso ao lago, é feito após a ponte do Rio Murupu, entrando a esquerda, e seguindo por 18 quilômetros.
Funciona todos os dias das 7h às 18h.
Entrada: R$ 15 por pessoa, e criança até 10 anos não paga.
Tem estrutura de serviços como bar, restaurante, chalés e pranchas para a prática de Windsurf.
É proibido a entrada de comida bebida e animais.
Aceita cartão.
Informações: (95) 99155-7669.
     
Foto: Divulgação/Lago do Robertinho
 
Praia Grande

Na outra margem do Rio Branco que cobre cidade de Boa Vista, a praia branca é outra opção de lazer. Para atravessar é necessário barco, com valores em média de R$ 5.
O período de banho é de outubro a março, em função da seca do rio.
Há restaurantes no local.
Acesso livre.
     
Foto: Reprodução/Esse mundo é nosso
 
Serra do Tepequém

Está localizada a 210 km de Boa Vista, município de Amajari. Acesso por estrada asfaltada. Várias cachoeiras na região, além de pousadas e restaurantes.


Turismo

Home > Cultura > null

Tchibum! Conheça 6 locais para mergulhar e se divertir em Roraima

Separe o protetor solar, vista a sunga ou biquíni e prepare-se para a diversão com a família e amigos

William Costa

william.costa@portalamazonia.com


E a saga da equipe do Portal Amazônia para descobrir e apresentar bons locais para dar um mergulho e se divertir continua.

Agora, separe o protetor solar, vista a sunga ou biquíni e prepare-se para a diversão com a família e amigos em Roraima.

Lago Caracaranã

O lago fica em Normandia (cerca de 180 quilômetros de Boa Vista), e é reconhecido pelas belezas paradisíacas, mas tem acesso restrito por ser terra indígena Raposa Serra do Sol, da etnia macuxi.
Ingressos: R$10,00 e se preferir pernoitar, paga-se mais R$ 5,00.
Não há restaurante no local.
     
Foto: Divulgação/Jessé Souza
 

Lagoa Azul

Neste balneário, além das águas azuladas, o local é conhecido pela tranquilidade. A lagoa fica em um ramal da BR 174, cerca de 38 quilômetros do centro da cidade. Altura da região do Murupu, zona rural de Boa Vista.
Acesso livre.
     
Foto: Divulgação/Google - Rogean Caleffi
 
Corredeiras do Bem-Querer 

Para quem procura esporte e aventura, as correiras são uma ótima pedida. Fica cerca de 140 quilômetros da capital, no município de Caracaraí.
Possui restaurante no local.
     
Foto: Divulgação/Jessé Souza
 
Lago do Robertinho

O famoso lago no cerrado de Roraima fica a 43 quilômetros da capital, sentido Pacaraima. O acesso ao lago, é feito após a ponte do Rio Murupu, entrando a esquerda, e seguindo por 18 quilômetros.
Funciona todos os dias das 7h às 18h.
Entrada: R$ 15 por pessoa, e criança até 10 anos não paga.
Tem estrutura de serviços como bar, restaurante, chalés e pranchas para a prática de Windsurf.
É proibido a entrada de comida bebida e animais.
Aceita cartão.
Informações: (95) 99155-7669.
     
Foto: Divulgação/Lago do Robertinho
 
Praia Grande

Na outra margem do Rio Branco que cobre cidade de Boa Vista, a praia branca é outra opção de lazer. Para atravessar é necessário barco, com valores em média de R$ 5.
O período de banho é de outubro a março, em função da seca do rio.
Há restaurantes no local.
Acesso livre.
     
Foto: Reprodução/Esse mundo é nosso
 
Serra do Tepequém

Está localizada a 210 km de Boa Vista, município de Amajari. Acesso por estrada asfaltada. Várias cachoeiras na região, além de pousadas e restaurantes.

TAG balneariororaimapraias