Publicidade

Variedades

Home > Cultura > null

Menino de 12 anos cria replicas de aeronaves com barro e papel, no Amazonas

Antônio Costa da Silva tem 12 anos e sua brincadeira preferida é modelar aviões com barro e papel.

William Costa

william.costa@portalamazonia.com


Ele tem apenas 12 anos, e começou montando as coisas com legos, depois massinha de modelar e já um pouco maior, com o barro e papel. Antônio Costa da Silva, está na quarta série, e modela aeronaves desde os 2 anos, como conta a mãe, Socorro Costa.

"Ele sempre gostou de modelar avião, carros, barcos, mas aeronaves e esse é o foco dele. Eu trabalhando em casa e ele no quintal montando as 'coisinhas' dele. Temos muitas coisas feitas por ele, que além do talento, é um menino muito estudioso e inteligente", conta.  
   
Foto: Divulgação/Acervo Pessoal
 
Antônio revela que tira suas inspirações para modelar as aeronaves, a partir de revistas, além da televisão, e lembra da satisfação que é finalizar um novo avião.

"Eu vejo os modelos nas revistas e na televisão. Eu já fiz muitos, airbus A320, A321, DC-8, DC-9, DC-10 e boeing 737. E fico feliz e muito alegre quando eu termino meus aviões. O mais bonito, eu ainda vou fazer: o concorde, que não é brasileiro", conta Antônio enfatizando que o modelo Concorde é o avião de passageiros mais rápido do mundo.  
   
Foto: Divulgação/Acervo Pessoal
 
Com o sonho de trabalhar com aviação, Antônio quer se realizar profissionalmente em meio à aeronaves.

"Ele me fala que quer estudar para poder trabalhar com as aeronaves. Quando vê uma reportagem em que mostram as fábricas de aviões, ele fica cheio de curiosidade, quer conhecer e tem muita vontade em seguir com isso", revela a mãe.  
   
Foto: Divulgação/Acervo Pessoal
 
Antônio é o filho mais novo de três, e mora com a mãe, que é doméstica, e o pai, que é mecânico, no município de Pauini (distante cerca de 915 km em linha reta, e 2.115 km por via fluvial de Manaus), interior do Amazonas.

Durante a entrevista, Antônio foi construindo uma réplica, em barro e papel, da aeronave Concorde, e assim que terminou de modelar, nos enviou um vídeo brincando com o novo modelo. Confira:

Variedades

Menino de 12 anos cria replicas de aeronaves com barro e papel, no Amazonas

Antônio Costa da Silva tem 12 anos e sua brincadeira preferida é modelar aviões com barro e papel.


Ele tem apenas 12 anos, e começou montando as coisas com legos, depois massinha de modelar e já um pouco maior, com o barro e papel. Antônio Costa da Silva, está na quarta série, e modela aeronaves desde os 2 anos, como conta a mãe, Socorro Costa.

"Ele sempre gostou de modelar avião, carros, barcos, mas aeronaves e esse é o foco dele. Eu trabalhando em casa e ele no quintal montando as 'coisinhas' dele. Temos muitas coisas feitas por ele, que além do talento, é um menino muito estudioso e inteligente", conta.  
   
Foto: Divulgação/Acervo Pessoal
 
Antônio revela que tira suas inspirações para modelar as aeronaves, a partir de revistas, além da televisão, e lembra da satisfação que é finalizar um novo avião.

"Eu vejo os modelos nas revistas e na televisão. Eu já fiz muitos, airbus A320, A321, DC-8, DC-9, DC-10 e boeing 737. E fico feliz e muito alegre quando eu termino meus aviões. O mais bonito, eu ainda vou fazer: o concorde, que não é brasileiro", conta Antônio enfatizando que o modelo Concorde é o avião de passageiros mais rápido do mundo.  
   
Foto: Divulgação/Acervo Pessoal
 
Com o sonho de trabalhar com aviação, Antônio quer se realizar profissionalmente em meio à aeronaves.

"Ele me fala que quer estudar para poder trabalhar com as aeronaves. Quando vê uma reportagem em que mostram as fábricas de aviões, ele fica cheio de curiosidade, quer conhecer e tem muita vontade em seguir com isso", revela a mãe.  
   
Foto: Divulgação/Acervo Pessoal
 
Antônio é o filho mais novo de três, e mora com a mãe, que é doméstica, e o pai, que é mecânico, no município de Pauini (distante cerca de 915 km em linha reta, e 2.115 km por via fluvial de Manaus), interior do Amazonas.

Durante a entrevista, Antônio foi construindo uma réplica, em barro e papel, da aeronave Concorde, e assim que terminou de modelar, nos enviou um vídeo brincando com o novo modelo. Confira:


TAG pauiniamazonasaviao barro papelaocriancaaviao concorde